Ellen Page, de ‘Juno’, sai do armário


Mais uma para a irmandade. A  atriz canadense Ellen Page, 26 anos, famosa por seu papel de adolescente grávida no filme Juno, declarou que é lésbica, no último sábado, em um discurso durante uma conferência sobre os direitos dos homossexuais em Las Vegas. Veja que lindo:

Que discurso lindo, que discurso inspirador! Ao contrário de outros famosos que se utiliza daquela falácia de que não há motivos pra se assumir lésbica, porque nenhum hétero diz aos pais que é hétero. Sambô, gata, lacrô, querida, ela não deu só um, mas um monte de motivos de porque ainda é importante se assumir gay e lutar por nossos direitos, o fundamental, inclusive, o direito de existir – o nosso e de tantos outros que sofrem conosco de viver numa sociedade desigual e preconceituosa. Enfim, deu um show de consciência política.

Muita coragem, especialmente porque diferentemente de nós, meros mortais anônimos, famosos não tem aquele direito ao armário instrumental seletivo, ou seja, assumir apenas em alguns níveis e em outros não (por exemplo: para amigos e não para a família, na faculdade e não no trabalho, etc). TODOS ficam sabendo e se sentem no direito de julgar. Por isso, merece nosso respeito!

E aí, abigãns sapas, quem lambe?

URGENTE! Beyoncé lançou um álbum surpresa!


tumblr_mxqd11NEdD1qdwr2ao1_250

Gente! Essa mulher é o satanás! Acreditam que ela escondeu do mundo todo a produção de um CD inteiro e lançou de uma vez no iTunes? E mais, todas já têm clipe!

As músicas são lindas, têm uma pegada Destiny’s Child meets guetto e já nasceram hits!

[youtube http://www.youtube.com/watch?v=SUaO0OoBsSo]

Eu não vou falar onde estão as músicas, mas dizem que se você clicar NESSE LINK alguma coisa acontece...

tumblr_mxqdr26nO61qakwcoo1_500

Bafo! Homofóbico arruma confusão na porta do Celebration!


Tô só o veneno hoje e ainda tenho que receber uma notícia dessas!

tumblr_mwkrhjZg3r1rjxoico1_250

Vocês conhecem a produtora Antimofo, né? Famosa pelo público gay friendly, faz festas alternativas pela cidade e muito sucesso entre o público mais jovem.

Agora, o que vocês não sabem é que eles estavam sendo alvo de ameaças de fechamento por parte de um vizinho. Várias foram as denúncias e em todas a produtora simplesmente resolveu mostrando seus alvarás em dia.

Acontece que o motivo, que até então se pensava ser apenas em relação à bagunça que fica na rua durante as festas, foi revelado: Homofobia!

Segundo a produtora, ele já havia furado dois pneus de uma cliente e sempre que via gays na portaria esbravejava seu ódio, deixando claro o real motivo do incômodo com o cerimonial.

Tem até vídeo!

[youtube https://www.youtube.com/watch?feature=player_embedded&v=nx91HGRP5dg]

zua

Wilson, cheio de si, de garrafa na mão e peito estufado, foi pego pelas câmeras de segurança ameaçando e proferindo ofensas homofóbicas contra os clientes que estavam na porta do cerimonial.

E aí eu pergunto pra vocês: ele vai ser preso por incomodar a ordem pública sendo homofóbico?

Não, ele não vai! Porque não existe lei específica pra isso e somente se ele tivesse agredido o Rike (o que ele evitou ao máximo fazer, espertamente) teria sido configurado um crime.

O que vai acontecer? Esse cara provavelmente vai voltar a aparecer na porta do Celebration, vai voltar a incomodar as pessoas e por mais que o Rike chame a polícia, eles não poderão dar voz de prisão por “ofensa/agressão homofóbica”.

Por isso que eu friso tanto aqui pra vocês no blog, até ficar chato: VIADOS, LUTEM NESSE CARALHO!

A população sabe que nós somos vistos como cidadãos de segunda classe e desde que não nos agridam fisicamente, podem nos tratar como bem entenderem, sem retaliação da lei.

tumblr_mvq1rnK2hc1rjxoico1_400

No mais, parabenizo a Antimofo. E que fiquem as senhoras baladeiras espertas e pensem, quantos produtores ou boates fariam isso por vocês? Quantos se arriscariam dar a cara a tapa (ou a tiro) pela segurança dos seus clientes?

Pois é, tem muito dono de boate por aí que é que nem o reitor da Ufes: todo mundo sabe que existe, mas ninguém nunca viu.

O Gepss está de volta!


gepss

Com o início do semestre 2013/2 da Ufes, recomeçam as atividades do Grupo de Estudo e Pesquisa em Sexualidades!

Que tal mexer os pauzinhos nas suas matérias pra fazer parte da grupo esse semestre? Seguem as informações:

Local: Ufes – IC 4 – Sala 10

Data: 09 de outubro

Horário: 18:30

O texto que vamos discutir foi extraído do livro “Da diáspora: identidades e mediações culturais” De Stuart Hall. O texto usado será “A questão multicultural”, que vai da página (51 a 94), caso você tenha o livro em casa.

Mas se não tiver, clique AQUI para baixar.

Caso você não tenha tempo de ler o texto, compareça mesmo assim, nós sempre fazemos uma introdução e damos uma pincelada geral no tema antes de iniciar a discussão 🙂

É hora de estudar!

É hora de estudar!

Nova Coluna: Teorias Polêmicas sobre a Homossexualidade


Como prometido ontem, hoje eu vou começar uma coluna nova sobre Teorias Polêmicas sobre a Homossexualidade. Vou contar aqui pra vocês várias teorias no mínimo engraçadas sobre a homossexualidade.

Vão rolar teorias da Psicanálise, Behaviorismo, Espiritismo e até das religiões de matriz africana.

A primeira, pegando o gancho no post de ontem, é: Sob o ponto de vista da Psicanálise, por que os homens gays têm tanto pavor de vaginas?

Então senta pra gente estudar

tumblr_mrzv647Cs61ry6msio1_400

Nada desse texto é meu, tudo é basicamente uma compilação de uma série de artigos que li sobre pensadores que têm recalque com a Psicanálise.

Antes de começar vamos ler um texto de Lacan (discípulo de Freud) sobre o assunto:

Para os gays, a mãe mostra ter sido a lei para o pai num momento decisivo, no momento que a intervenção proibidora do pai deveria ter introduzido o sujeito na fase da dissolução de sua relação com o objeto do desejo da mãe, é cortado pela raiz qualquer possibilidade de ele se identificar com o falo (pênis), o sujeito encontra na estrutura da mãe, ao contrário, o suporte, o reforço…que faz com que essa crise não ocorra.

Ou seja, em vez de perder o desejo pela mãe (e passar aí a procurar outra mulher) ele se apega ainda mais a ela, como um exemplo de comportamento, num momento que deveria acontecer com o pai a identificação e a rejeição da figura masculina, por esta ter proibido o desejo dele pela sua mãe.

tumblr_ma1qegtacS1ruva68o1_250

Nossa, não entenderam nada, né?

Basicamente ele quis dizer que a figura do pai e da mãe (que não precisa ser do sexo masculino e feminino) tem papeis distintos no desenvolvimento da criança. O pai simboliza a figura da lei, das regras, e é o antagonista da relação do filho com quem faz o papel da mãe, a protetora, por quem o menino é apaixonado na infância.

Tá, tudo isso é contestável, porque se formos pensar numa relação feminista, mãe e pai não dividem esse papel da mesma maneira e, segundo essa teoria, todos filhos de feministas deveriam ser beeshas. Mas não são.

Aí vem a bomba, o motivo do medo da vagina:

Como o menino percebeu que a mãe ditou a lei ao pai, e ele sabe que também é homem e tem o falo, vê na vagina o medo de ter o seu falo engolido do mesmo modo que o falo do pai foi engolido pela mãe (tudo isso no universo simbólico)! BAFO!

E daí ele desenvolve não somente uma aversão, mas um PAVOR da vagina comer seu falo, seu pênis.

tumblr_msnpbgmSxe1qf5yxvo1_400

E tem mais! Ainda segundo essa teoria, o homem gay procura o pênis no parceiro porque vê nessa relação a possibilidade de fazer o papel feito pela mãe na relação dos pais: Comer o falo do parceiro assim como a mãe comeu o falo do pai.

E deveria ser o contrário, ele deveria procurar uma mulher para fazer o papel de lei que é feito normalmente pelo pai, mas no caso dos gays foi feito pela mãe.

Procurando o falo

Procurando o falo para comer

Lembram quando fiz aquele post sobre homens trans e quando eu disse que eles tinham vagina, vocês quase morreram? Pois é.

Claro que vamos encontrar inúmeras exceções à regra, mas é uma das explicações desse pavor que alguns gays tem da vagina, a ponto de tecerem comentários ofensivos sobre ela sem NUNCA ter nem tocado em uma perereca.

Mas e vocês, o que acharam dessa teoria? Polêmica, néam?

p.s.: Isso é UMA interpretação da teoria, gente! Vão existir outras várias, não venham me xingar caso você seja da Psicologia e não concorde, tá? Esse texto é um deboche não com a Psicanálise, mas com teóricos que levam os textos de Freud ao pé da letra.

Talento Capixaba


Quando eu digo que essa cidade não é nada sem a Chica Chiclete, vocês falam que eu tô protegendo só porque ela é minha amiga. Mas não é, gente, precisamos de casa noturna de dê valor às drags queens.

Olha só essa produção, daqui de Vitorinha, de um grupo de cabixabas arrasando na dublagem:

dublagem

gurl

Bom demais! Cadê essas bee’s fazendo uma versão drag de Destiny’s Child, na época que eram 4 rachas?

Não lembra?

[youtube http://www.youtube.com/watch?feature=player_detailpage&v=9i-y0G8nNA8]

Mas vou ser sincera, me desculpem todas as outras, só que a de listrado roubou a cena. Super expressiva, tanto no olhar quanto na dublagem. Não consegui tirar os olhos dela!

p.s.: Se rolar homofobia internalizada nos comentários O PAU VAI COMER!

Dica do Igor