“Homens de verdade” em anúncios de cuecas


 

hr1

A imagem da “mulher real” está na moda, digamos assim, com algumas campanhas – poucas ainda – sendo figurada por elas: mulheres acima do peso, com marcas, cicatrizes, mais velhas, etc. em publicidade de marcas como Dove e M&S evidenciam a forma feminina “natural”.

Mas e os rapazes? Em vez de modelos realistas, as campanhas masculinas, como as de cuecas por exemplo, são ocupadas com imagens de homens com corpos perfeitamente esculpidas, com peles e pelos desenhados a photoshop e com modelos estilo boxers incrivelmente tensionados por virtuais pacotes, praticamente bonecos Ken hiper-sensuais. Tão artificiais quanto não-sexys.

Daí que o tablóide inglês The Sun fez um ensaio em que convidou alguns dos seus leitores, os mais comuns e vulgares, para reproduzir algumas campanhas de cueca de marcas famosas para “revelar a beleza natural masculina. Vamos acompanhar o resultado?

fr2 hr3 hr4 hr5

E aí, vocês vão de que? De Beckham ou com essa barriguinha de pai de família com essa carinha de indiano? Cristiano Ronaldo ou esse ursinho lindo barbudo. Expresso minha opiniões com gifs.

Fotos com super top models:

Fotos com homens comuns:

Sincerão!


Tá certo que um dos requisitos para ser feliz é nunca olhar os comentários nos grandes portais de notícia, mas sabe, às vezes vale a pena…

comentário

Você não estava sozinho amigo, pode ter certeza! rs

Via Te dou um dado?.

VOCÊ É BUCETEIRO!


BOOM! A galera do Village People descobre que o empresário está dando pinta de hétero e resolve confrontá-lo. Mais uma de se mijar  de rir do “Porta dos Fundos”:

“Tu não é putão?!”

Tá, muito hétero achar que Village People é refenciazona de gay ainda em 2013, podia ser Kazaky, mas é pra ser caricato pra ser engraçadão pra todo mundo. Já cataram que esse Fabio Poechat tem obssessão por esse tema do homoerotismo, de ser currado “sem ele querer”? Gato, tem que ver isso aí no analista, hein?

Me julguem, mas acho esse Gregório Duvivier um pão (gíria idosa pra ficar nesse clima gostoso e retrô dos anos 70)!

Via Babado Certo Group.

Como você chama seu c*?


“Estela, prazer”

Toda neca de respeito tem nome: Geraldão, arma, cobra, Ângela Bismarqui… Porém, ainda que um tabu, muitos ânus também têm nomes carinhosos e de guerra e toda beesha passiva eshperta batiza seu material de trabalho secretamente para conversar com ele antes e/ou depois da labuta:

– Se prepara, Fiona, que hoje vão lhe usar, abigãm! Força na peerooka!

Veja esse quadro com alguns nomes que dão ao buraco da felicidade:

nomes do cu

(Clique sobre a imagem para ver ampliado)

Uma pesquisa rápida casamiga e surgiram nomes como forébis, furinho (acredita, bunita!), cuceta, anel de couro e, o clássico, edí.

E você, gatcheenha, como que chama seu ânus? (duvido que tenha imaginado que alguém te perguntaria algo assim tão na seca, néam? rs)