Bafo! Homofóbico arruma confusão na porta do Celebration!


Tô só o veneno hoje e ainda tenho que receber uma notícia dessas!

tumblr_mwkrhjZg3r1rjxoico1_250

Vocês conhecem a produtora Antimofo, né? Famosa pelo público gay friendly, faz festas alternativas pela cidade e muito sucesso entre o público mais jovem.

Agora, o que vocês não sabem é que eles estavam sendo alvo de ameaças de fechamento por parte de um vizinho. Várias foram as denúncias e em todas a produtora simplesmente resolveu mostrando seus alvarás em dia.

Acontece que o motivo, que até então se pensava ser apenas em relação à bagunça que fica na rua durante as festas, foi revelado: Homofobia!

Segundo a produtora, ele já havia furado dois pneus de uma cliente e sempre que via gays na portaria esbravejava seu ódio, deixando claro o real motivo do incômodo com o cerimonial.

Tem até vídeo!

[youtube https://www.youtube.com/watch?feature=player_embedded&v=nx91HGRP5dg]

zua

Wilson, cheio de si, de garrafa na mão e peito estufado, foi pego pelas câmeras de segurança ameaçando e proferindo ofensas homofóbicas contra os clientes que estavam na porta do cerimonial.

E aí eu pergunto pra vocês: ele vai ser preso por incomodar a ordem pública sendo homofóbico?

Não, ele não vai! Porque não existe lei específica pra isso e somente se ele tivesse agredido o Rike (o que ele evitou ao máximo fazer, espertamente) teria sido configurado um crime.

O que vai acontecer? Esse cara provavelmente vai voltar a aparecer na porta do Celebration, vai voltar a incomodar as pessoas e por mais que o Rike chame a polícia, eles não poderão dar voz de prisão por “ofensa/agressão homofóbica”.

Por isso que eu friso tanto aqui pra vocês no blog, até ficar chato: VIADOS, LUTEM NESSE CARALHO!

A população sabe que nós somos vistos como cidadãos de segunda classe e desde que não nos agridam fisicamente, podem nos tratar como bem entenderem, sem retaliação da lei.

tumblr_mvq1rnK2hc1rjxoico1_400

No mais, parabenizo a Antimofo. E que fiquem as senhoras baladeiras espertas e pensem, quantos produtores ou boates fariam isso por vocês? Quantos se arriscariam dar a cara a tapa (ou a tiro) pela segurança dos seus clientes?

Pois é, tem muito dono de boate por aí que é que nem o reitor da Ufes: todo mundo sabe que existe, mas ninguém nunca viu.

Polêmica nos banheiros da Antimofo


Não somos tão diferentes assim

Não somos tão diferentes assim

Aconteceu no Grupo Antimofo, no Facebook. Cata a opinião de um cliente do Celebration:

banheiro

travaFaz um tempo que não vou às festas da Antimofo, mas todas as vezes que ia nunca fui impedido de usar o banheiro que me desse na telha. Não sei se sempre foi assim, se a permissão só valia para mim ou se aconteceram incidentes para essa nova política tão agressiva.

É, antes de dar minha opinião, é importante ressaltar que a Antimofo, apesar de ter como maioria do seu público os LGBT’s, ainda não é uma produtora voltada para eventos gays, são apenas gay friendly. Ou seja, o número de gays é maior, mas as festas não são feitas só para esse público.

uniPorém, vale lembrar que mesmo em boates gays o número de heterossexuais é bastante parecido, basta ir à Move Music para observar como os héteros invadem a balada.

Eu acho essa mistura uma delícia e simboliza uma grande evolução dos jovens no quesito aceitação das diferenças.

Quando você vai à Move Music, mesmo com o número elevado de heterossexuais, há dois banheiros unissex, e nunca presenciei ou ouvi falar de problema algum relacionado a essa política.

Às vezes parece que os héteros imaginam um banheiro unissex assim:

unisssex

Por outro lado, a presença de um público tão diversificado e alternativo pode também ser um perigo para a harmonia da festa, uma vez que o número de pessoas com diferentes estilos, ideologias e comportamentos é muito maior nas festas da Antimofo em relação à Move Music, que possui um público muito mais padronizado.

“Que tipo de perigo, Max?”

anigif

Leia uma história lamentável que aconteceu em São Paulo num dos redutos mais famosos entre os hipsters, a Rua Augusta, clicando AQUI.

machismoDe uma coisa não há dúvida: os banheiros separados são uma forma da sociedade admitir que, devido à criação machista que recebem, homens não podem estar no mesmo ambiente com mulheres seminuas, sem que isso os faça sentir uma vontade incontrolável de espiá-las ou abusar sexualmente delas.

Por esse motivo, somente boates gays têm banheiros unissex, porque não se espera esse comportamento de homens gays, entenderam?

E tudo isso é mascarado pela falsa justificativa de individualidade dos sexos. Merda nenhuma, banheiro você vai pra mijar, não pra sentar numa roda de discussão do Saia Justa, na GNT.

Doeu o que eu falei? Doeu, né? Se você discorda, dá uma olhada numa propaganda de cerveja clicando AQUI, e depois a gente conversa.

Diante dos dois pontos de vista acima, será que é necessário manter essa separação de gêneros nos banheiros do Celebration? Vamos fazer uma enquete pra saber o que o público acha disso?

Bafinho: Darkroom é coisa do passado


É, meninas, parece que foi-se o tempo em que as bee’s precisavam se esconder em banheiros e darkrooms para copular.

Ninguém tá vendo…

Hoje uma gay me contou que na última Happy Monday, no Celebration, uma bee “surfista” e um boy de formas pouco convencionais, foram vistos em posições um tanto estranhas dentro da piscina do cerimonial.

Segundo a bee informante (e mais outras que vieram confirmar a história), a surfistinha era jogada de um lado para o outro dentro da piscina, prensada na parede, e por pouco não desenvolveu uma Hérnia de Disco, de tanto que foi dobrada. Tudo isso enquanto ela sorria e gritava.

Ai, coitadinha!

Dizem que os gritos lembravam os gatos de rua na madrugada: você sabe que estão fazendo sexo, mas o som é como se o gato estivesse matando a gata de dor…

…e realmente está, do ponto de vista biológico, mas não vou entrar em detalhes, porque segundo o Dé, eu acabo com toda a magia do sexo quando dou um parecer biológico, e a cada vez que faço isso um ativo em Vitória entra com o nick de “Passivo_JP” no Chat Uol.

Não quero ser responsável pela extinção de nenhuma espécie ‘Criticamente em Perigo’.

Só faço na Lagoa de Ponta da Fruta

E nesse sábado tem…


… homenagem ao É O TCHAN!

Yeeeeeeeeaaaaaaaah, meu sonho se realizou!

Bagaceira Especial Fim de verão
Deita na BR, porque agora É o Tchan vai invadir a festa!

“Tá acabando ooo verão, muito amor no coração…”
Assim cantava Joelma, pós Carnaval e fim do Horário de verão, um sábado lindo, onde temos o bônus de uma hora a mais de farra, bebedeira e remelexo na pixxta. Um ótimo motivo pra festejar ao som de ritmos tropicalientes, e pra você se requebrar nosso playlist estará repleto de lambada, tropicália, forró, tecnobrega, carimbó, axé das antigas (80/90s) e frevo elétrico.
Como não poderia deixar passar em branco, iremos fazer uma homenagem ao gênio Wando, traga uma calcinha e ganhe um drink especial. Venha se esbaldar com fogo e paixão.
Presença confirmada de Calypso, Gaby Amarantos, Banda Uó, DJ Cremoso, Aviões do Forró, Magníficos, Banda Eva, Araketu, Terra Samba…
E mais…
Picolés de caipirinha para os 200 primeiros

Quem souber bater cabelo melhor ao som de Accelerate ganha um drink Joelma

Miss Piscina Celebration – passarela em cima da piscina e participação para quem estiver de underwear, biquíni, maiô ou sunga !!! Prêmio: 1º Lugar Uma garrafa de Big Apple 2º Lugar Uma garrafa de Xixa 3º Lugar Uma garrafa de Canelinha

Venha com uma calcinha na mão ganha um drink especial Wando!!

PROMOÇÃO RELÂMPAGO – Escola de Pop


Essa promoção é relâmpago, bebês, então, mandem o nome logo porque às 19 horas eu já vou dar o nome dos ganhadores. Cata o flyer:

Então, mesmo esquema de sempre. Enviem um e-mail para max_babadocerto@hotmail.com, com o seu nome no corpo da mensagem e o título “Escola de Pop”.

Boa sorte 🙂

PROMOÇÃO ENCERRADA, os vencedores são: Juliana Maria Waichert, Lucas Mariano Serrão e Bruno Vieira Mota

PROMOÇÃO – All Star


Fofuras, tenho um convite e uma promoção para fazer. Primeiro é que sexta-feira, no Teacher’s Pub, e naquele cerimonal na frente, vai acontecer a famuósa festa All Star, da Antimofo. Que une todos os dj’s de todas as festas num dia só, com três pistas separadas.

A novidade é que na hora da ComFusão quem vai tocar sou eu, às 3 da manhã. Qué dizê, meu set babadeiro + as senhoras loucas do koo de tanto beber, tem coisa melhor? Na verdade tem show da gordelícia, mas se for pra ouvir playback e ver a racha de longe eu prefiro baixar no youtube e assistir na minha tv de plasma de 50 polegadas.

Cata o flyer:

Aí a gay mais maldita fala assim: “Ah, mas Max, os 50 primeiros entram de graça, pra quê VIP?”.

Sim, mas não é melhor poder dar uma calibrada no Triângulo pra chegar na festa já no grau, em vez de se desesperar pra chegar a tempo de pegar a fila pequena, igual no Ministério do Trabalho, no Centro de Vitorinha?

Então, vou sortear 5 VIP’s pra vocês. Quer participar? Envie um e-mail para max_babadocerto@hotmail.com, com o título “Só vou pra ver a Max tocar”, e seu nome no corpo da mensagem.

Boa sorte e até hoje à noite divulgo os vencedores.

PROMOÇÃO ENCERRADA: Os vencedores são Cleber Rabello, Ramadan Lima, Romer Braga, Ana Caroline Lima Marinato e Anna Carolina Chálabi de Vasconcellos

p.s.: Nessa promoção deu uns ganhadores de nomes exóticos, néam? hahaha