Todo gay é (ou tem que ser) fashionista?


Com esse corpeenho podche!

Festa nas montanhas, aquele friozinho bom. Dando aquela rodada de pescoço dava pra catar o público e já de cara boa parte dos gays. Como? Todos com cachecóis belíssimos, coletes e/ou calça saruel, enfim, todos tendência. Ao ver e contastar tal fato, conversava com meu companheiro sobre o tema. Ele me disse aquilo que o senso comum prega: o gay tem mais sensibilidade para a moda. Discordo! Não seria porque a sociedade (principalmente a tribo LGBT) cobra esse tipo de comportamento e conhecimento do homossexual, estereotipando-o e esse, por sua vez, engendraria em si a identidade fashionista?

E outra, só as gueis para terem coragem de usar umas coisas antes de todos (héteros, nocaso) sem temer ser chamadas de viadeenhos (pois são mesmo, ué?!). É só ir na buatchy, né, gente?! Elas usam combinações esdrúxulas brilhantes e de cores absurdas. Enfim, não faço a linha fashion, não uso tendência, faço muito mais a linha clássico e básico, deshcoolpa! #saruelétodacagada

65 comentários sobre “Todo gay é (ou tem que ser) fashionista?

  1. O mais engraçado é que toda vez que um ht tem alguma dúvida sobre o look q tá usando eles perguntam pra uma gay: tá cafona? tá fora de moda, como se toda gay entendesse de moda. Confesso que ultimamente tenho lido um pouco mais sobre o assunto mas faço a mesma linha do Dé.

  2. Existem dois pontos que devem ser levados em conta. Primeiro: Aquele gay que é fashionista e se veste para ATRAIR olhares e admiração de outros gays fashionistas ou não. Segundo: Aquele gay que acha legal (ou não) os fashionistas, mas não gosta de ser um e não sente TESÃO em nenhum. Particularmente, eu não me encaixo nesse segundo. Acho bonito, acho moderno, acho luxo, maaaass não me atrai nem NADA sexualmente falando. Gosto de homem que se veste como homem, básico, normal, sem cabelinho colorido ou com mechas.. sem penteados exagerados, sem maquiagem na cara, sem lente de contato colorida (odeioooooo… tenho nojo!) sem sombrancelhas feitas (aparar fios perdidos tudo bem, agora deixar marcadinha e perfeitinha, uóh). Enfim, cada gay tem seu estilo e com certeza tem por ai os que gostam de gays mais fashionistas e até efeminados, mas eu não gosto. Pode até não ser completamente másculo, mas fashionista me broxa.

  3. Biesheenha goshta de chamar atençãooo…
    Eu, particularmentchy, prefiro as classicash e basicash…
    Ash fashiUÓnishtash são muyto vazyas,
    É a péessyma manya do vinhado achar que tem que shokar, dar pinta!
    Gentémmm, vamosh ter maish bom senso.

    …e cá pra nosh meshmo… #saruelétodacagadaEVER!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

    BJX

  4. NÃO!!!

    Todo gay não é ou tem que ser fashionista.
    Não é pq ser fashionista é dificil e caro.
    Não tem que ser pq existe uma gama enorme de comportamentos dentro do grupo gay.

    Mas não devemos esquecer que a roupa é uma expressão e uma forma de afirmação da personalidade e da individualidade.
    Um cara que se veste como rappers americanos, com aqueles bonés carissimos, camisetas de basebol e calças 4 numeros acima do seu tamanho é um “bofe fashionista”?

    E voce tem toda razão qdo afirma que os gays sempre usam coisas muito antes dos hts, afinal essa abertura para o novo e o diferente vai tambem empurrando os limites do masculino/feminino do vestuário.

    Pessoalmente cito duas experiências:
    Qdo a Kenner lançou papetes em tons cítricos, eu e um amigo ganhamos pares de uma lojista pq ela nao tinha vendido nenhum, e a gente adorou a novidade, hoje ta no pé de qualquer um.
    Conheci um carinha novo e totalmente desacuendado que todos falavam que não era gay.Até o dia que o vi num bar gay com o corte de cabelo atual, roupas mais justas e um jeans fabuloso, afinal ele queira mostrar sua nova identidade.

    Eu particularmente A.D.O.R.O. bee fashionista e acho mega estranho quando vejo uma bee de surf wear…
    Broxante total esse look, mas o post não é sobre preferências sexuais…

    • O que não pode acontecer é o EXAGEIRO.. uma gay toda feminina usando roupa de surfista pra tentar parecer mais masculino é TRISTE… tudo tem que estar em HARMONIA.. sua roupa precisa estar de acordo com o seu jeito… se vc é uma gay TOTALMENTE masculina e não dá pinta alguma e se passa até por hétero, fica legal sim usar roupas que os heteros costuma usar…

      Tudo é questão de bom senso… e pra não “errar”, tem sempre um jeans com camiseta que cai super bem em qualquer um… desde a mais feminina até o mais masculino… é só tomar cuidado com os acessórios e make up em geral.

    • Depende do surf wear. Tenho umas amigas que ficam absolutamente deliciosas em beach wear!!!
      Ainda mais se eles tem o corpo pra acompanhar 😉

  5. Eu não chego ao ponto de dizer que sinto nojo, maaaas tb prefiro o estilo bofe ao fashionista. Mas eu acho legal e adimiro as fashionistas, pela coragem de usar aquilo que gostam sem dar importância às opiniões alheias. Confesso que as vezes tenho vontade de mudar um pouco meu estilo, ser um pouco fashionista tb, rsrsrsrsrsrs.

    • Didi…

      Da pra ser “fashionista” sem ser pintosa.
      Afinal existe tendencia pra roupa masculina tbm.
      As vezes basta usar uma cor da estação, uma combinação diferente da
      que vc usa diariamente, um sapatenis moderninho, mas principalmente um jeans mais escuro e justo.
      Uma bolsa tipo carteiro em couro; qualidade do material faz a diferença,
      ajuda a levantar qualquer look sem parecer uma caricatura.
      E continua lendo o blog, tem coisa nova lá.

      • Usar cor da estação ?? Affff… Desde qdo cada estação tem cor minha gente… eu uso a cor q eu quiser qdo eu quiser.
        Melllkooo
        Nao tem LÓGICA alguem chegar e dizer q nao posso usar tal coisa ou cor por causa da estaçãooo do ano aushaushaushaush
        Eu nao sigo ninguem, sigo o estilo q me faz bem, q me deixa confortável.
        Moda pra mim é vestir algo q eu goste e me sinta bem e nao pq alguem diz q pode ou nao pode.
        A loka !

        • Claro q há pessoas q passam do limite, chegam ao ridiculo, nao possuem BOM SENSO. Acham q sao Lady Gaga
          Alguns amigos até comentam, mas ai eu penso ou comento: ” O cara ta ridiculo ? Tá ! Mas fazer o q, se ele gosta e ta se sentindo bem, problema é dele. Deixa o cara, a vida é dele… ”

          Uma frase ótima de Paris Hilton
          ” A vida é muito curta para passar desapercebido “

      • Eu acho que o termo fashionista na cabeça das pessoas já quer dizer aquela pessoa que só veste o que for da moda e vive com looks diferentes… ninguém diz que alguém é fashionista só por gostar de moda, se vestir bem mas discretamente. Até pq quem não entende de moda acha tudo normal.

        Tem gente que não sabe a diferença de se vestir bem ou de se vestir que nem o cara da foto ai em cima. Tipo é uma proposta e não deve ser seguido à risca, algumas coisas levam anos pra virar tendência.

        Acho engraçado que agente olha pro passado e ri do que as pessoas vestiam, mas fazemos questão se seguir a “moda” atual.

        Daki a pouco a bolsa “tipo carteiro em couro” vai ser uma pochete… noooossa exagerei huauhauhahuahu!

  6. Ah, façam-me o favor, comparar entender de moda com futilidade é a premissa mais errônea que já ouvi. Não há relação alguma entre os dois e, se acontece com mais frequência, é por pura coincidência.

    Sei ser fútil quando quero, pintosa então, nem se fala, adoro que saibam que sou gay sem precisar falar, mas, se for necessário discutir Política, Economia ou Sociologia, pode ter certeza que minha ankle boot da Fernando Pires não vai “sugar meus neurônios” ou “diminuir meu QI”.

    Além do mais, quem precisa da imagem para impor respeito ou passar credibilidade, pra mim, não passa de um medíocre. Meu conhecimento demandou muito tempo para ser adquirido, distribuir isso de graça é burrice.

    Nós usamos somente 20% da capacidade total de memorização do cérebro, você não precisa se abster de saber quais cores estiveram na última Fashion Week para entender a dinâmica da Crise Imobiliária.

    Por isso que eu adoro me vestir do jeito que visto, não tem sensação mais orgástica que dar um tapa-de-luva numa mesa de pessoas que te pré-julgam pela aparência. Ouvir então um “não imaginava que você fosse tão inteligente” é quase um orgasmo prostático múltiplo.

    • “Além do mais, quem precisa da imagem para impor respeito ou passar credibilidade, pra mim, não passa de um medíocre”

      Essa é a pior declaração que ja ouvi nos ultimos tempos…
      Numa sociedade cada vez mais ligada na imagem, imagine ir a um médico que não use branco, um advogado ou apresentador de telejornal que nao esteja de terno, um rockeiro que não use preto e assim por diante.
      Fica óbvio que voce faz sim uso dos códigos da vestimenta e da imagem quando afirma que “quando quero,(ser) pintosa então, nem se fala, adoro que saibam que sou gay sem precisar falar”.
      Experimente tentar passar essa mensagem vestido de terno e gravata…
      Eu aposto que mesmo inconscientemente seus looks são milimetricamentes pensados para passar essa imagem.
      Todo mundo acaba fazendo isso quase automaticamente.

      • Tbm concordo q imagem passa muito o q a pessoa quer transmitir no momento. Uma pessoa q nao cuida da imagem aparenta desleixo etc. Uma pessoa bem arrumada, da até um ar de bem sucedido, de Atualizado.
        Acho errado qdo alguem chega perto de outra pessoa e diz:
        ” Isso nao pode usar pq nao está na moda ou pq nao está na estação certa.”
        Ahhhhh, queridaaaaaaa…

      • E quem disse que eu desmereci os códigos de vestimenta implícitos nos estilos existentes? Apenas explanei a minha opinião em relação a pessoas que necessitam se PERFAZER da imagem PADRÃO imposta para adquirir respeito. Assim como a maioria dos gays já pré-conceituam aquelas que ão fazem o estilo “bofinho” de ser. É disso que estou falando, não da demonstração imagética das ideologias, não cometeria uma contradição amadora dessas, meu caro.

        Isso para mim não é nem de longe necessário.

        • Sociedade do Espetáculo é um dos meus livros preferidos. Sério, amo!

          “Toda a vida das sociedades nas quais reinam as modernas condições de produção se apresenta como uma imensa acumulação de espetáculos. Tudo o que era vivido diretamente tornou-se uma representação.”

  7. Inclusive, fui bem claro quando disse que esses recursos não me são bem-vistos quando possuem a função de “impor respeito”. Os outros casos são, obviamente, diferentes.

    • Eu assisto de vez em qdo o tal Esquadrão da Moda e gosto muito do resultado final das participantes. Mas o Apresentador( a besha) q nem sei o nome dele, está CAGADO em todos os programas. Acho ele super bregaaaaaaaaaa… E olha q ele segue as regras, tendencias e por ai vai da moda. Mas fazer o q, se ele se sente bem seguindo as tendencias e regras ?? Ao meu ver, ele ta passando por ridiculo, mas isso é problema sexual dele né.

  8. Uma discussão quase tao apaixonada qto as buatchyss…
    Isso prova que não fugimos do estereótipo de ke toda bee é ou tem ke ser fashioshhtammmmm.
    Morri.

  9. Pra quem nao viu o Babado e Confusão do Momento… Segue o link

    Pra quem nao sabe “Putão” pra galera do Sul do país significa Viado tááhh gentyy

  10. fashionista é a pessoa que usa a moda extrema…
    o titulo e o texto do post nao casam….
    casacos, lanços e sarruel NAO fazem da pessoa fashionista….

  11. n entendo nada disso…
    uma bermudinha d surfista, uma regata branca e uma havaianas, mais um oculos e bone, talvez ja ta bom d+..tiro até onda!!

    mas gostei dos coments… futilidade, todo gay deve ser fashionista
    deixa pr lá

  12. O termo “Fashionista” é empregado não apenas às pessoas que seguem ou que “pensam” que estão seguindo a moda. Ser fashionista mais do que isso… é culturar e adorar (no sentido de idolatrar) marcas caras e grifes famosas. Roupas usadas por celebridades… Marcas importadas, bolsas exclusivas,

    O problema das gays capixabas é que elas querem ser fashionistas usando C&A, Renner, Leader, Riachuelo e óculos Chilli beans… e acham que estão arrasando e fechando…

    Acredita na foto!

    • Benhê, nem sou capixaba mas tenho que discordar de você. Essas que você citou que usam roupa de loja de departamento e se acham, são, certamente, as que nós chamamos de qua-quas, pão-com-ovo e por ai vai. E vamos combinar, esses tipinhos agente encontra do Oiapoque ao Chuí, não são exclusividade de Vitorinha não.

  13. Eu tenho dois oculos Gucci, autenticos e originais,
    e não muamba trazida do exterior…
    Sou fashionista??
    HAHAHAHAHAHAHAHAHA

  14. por favor… será que as pessoas tem q usar grifes famosas agora pra serem chamadas de bem-vestidas..fashionistas e o caralho a quatro.. faça-me o favor..
    infelizmente essas pessoas que têm visão curta pensam dessa forma..
    e essas são as que mais estão enganadas .. e na maioria das vezes..
    a arrogância toma conta.. (como sempre)
    tem muita gente que se veste bem.. e nem por isso saem por aí desfilando com etiquetas

    • Bem-vestidas é uma coisa, fashionista no meu ver é àquele que segue as últimas tendências, tipo passarela mesmo. Mas concordo com você! Eu não sou rico pra seguir tendências a risca e mesmo que fosse tenho dó do meu dinheiro e do meu suor, não preciso pagar caro pra me vestir bem, e têm gays ainda que trabalham o mês pra comprar um tênis, roupa ou acessório da moda. Eu tenho mais com o que gastar e consigo me vestir com pouco e Henrique essas lojas de departamento? Eu já comprei roupas nelas e nem por isso sou pão com ovo eu me visto discretamente e me sinto bem. Pão-com-ovo pra mim é quem quer tirar onda com o que veste, seja C&A ou loja de GRIFE. Isso sim é péssimo. O que eu visto não define quem eu sou. Mas vamos concordar é preciso bom-senso e muita gente não tem.

  15. Veja bem, tem muita gente ai confundindo ou misturando o vestir-se bem, com fashionismo… e esses dois devem ser tratados separadamente. Ser fashionista não significa necessariamente estar bem vestido e vice-versa. Roupas caras e de griffe não são todas boas e bonitas e nem ficam bem em qualquer pessoa e em qualquer ocasião. O que precisamos destacar é que os fashionistas de verdade são os que IDOLATRAM a moda e se sentem um lixo se não participarem dela… não existe meio termo. E não é tendo apenas um ou dois pares de óculos caros ou uma meia duzia de camisetas de griffe e um cabelo moderninho.

    É por isso que eu citei as lojas de departamento, não q elas sejam de beshas “qua qua” ou “pão com ovo” como a “Latoya” teve a infelicidade de dizer… Eu apenas disse que não dá pra se considerar fashionista usando essas roupas…. (que eu mesmo uso e adoro… porque odeio fashionismos e não compro nada pela marca ou pela griffe)

    E tenho certeza que não me visto mal porque bom gosto e bom senso não me faltam, já fashionismo… eu deixo pras que se dizem “ricas”

    Acredita!

Comenta, beesha!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s