Casal Gay espanca skinhead no RS


Sabe o que é engraçado? Tô tão acostumado a ler “skinhead espanca gays” que tive que ler umas três vezes pra entender que era o contrário.

Inclusive, tenho medo desse título, ainda mais que brasileiro tem o costume de ler só o título das notícias, pra usarem isso como forma de denegrir a imagem dos gays, pouco custa.

Pois então, cata a notícia:

Clique para ampliar

Chocada com essas bee’s! Mas mais chocada com a caricatice:  “Antes de gays, somos gaúchos, e gaúcho bom não leva desaforo pra casa”… tinha que misturar gaúcho com a história, minha gente? Depois reclamam que o Casseta e Planeta não sai do pé deles.

E outra, lâmpada fluorescente virou tipo uma arma padrão pra homofobia, néam? Já pode mandar uma carta pedindo pras fábricas passarem a colocar as instruções de uso na embalagem?

Via Dois Terços

23 comentários sobre “Casal Gay espanca skinhead no RS

  1. Bas EEEEEEUUU tâbém faria o meishmo. Já que eu tô praticamente 24h por dia anestesiada. Uma porradinha de fluorescente né nááááda! CADÊ AS NAVALHA QUE ESSAS BEE FALA QUE ESCONDE NÃO SEI AONDE? VAMO DESCER A PAULADA NESSES ANIMAIS! *Sopra, tosse, apaga o bagulho*

  2. Home
    Salvador
    Jequié
    Porto Seguro
    Feira de Santana
    Lauro de Freitas
    Camaçari
    Paramirim
    Itiruçu
    Perfil
    RSS
    Siga no Twitter
    Encontre no Facebook – Revista Bahia

    Casal gay espanca skinhead no Rio Grande do Sul

  3. Max, sobre o uso das lâmpadas, ja sabe meu posicionamento….Não perca de vista que as suas lâmpadas (presente meu para vc), estão guardadas para um dia quando nos conhecermos pessoalmente eu possa lhe entregar. hahahahahahaha

  4. Max,
    Penso que o fato so mostra que as pessoas estao muito infelizes com a propria vida pois ainda se preocupam com a felicidade alheia. Quem e infeliz, triste, incolor, azedo, melequento sempre vai tentar ofuscar o brilho do proximo seja com viloencia verbal ou fisica mesmo. Nao existe, no mundo, justificativa plausivel para as reacoes primitivas dos seres por terem uma “religiao, seita, ideal, whatever”. Neste caso, “talvez” a violencia “rebatida” sirva para minimizar o preconceito, o que nao acredito.

    Bjs

    • Nem eu, apesar de muitos leitores dizerem que essa poderia ser a reação correta diante da situação atual, eu ainda acho pior que a própria homofobia.

Comenta, beesha!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s