Como tornar o transcol mais interessante


Calma, deixa eu afastar pra você passar

Calma, deixa eu afastar pra você passar

Tirando as ricas, 98% das leitoras aqui trabalham ou estudam longe de casa e precisam pegar o transhca pra chegar ao local.

O problema é que Vitorinha está crescendo, a Copa tá chegando, e a gente precisar encher o garáleo todo de obras pra receber os turistas, resultado: Trânsito infernal.

Então, o jeito é fazer alguma coisa para passar o tempo… algumas lêem um livro, outras estudam pra prova que vai ter daqui a uma hora, e as mais fervidas aproveitam pra catar um bofe proletariado no balanço do busão. Mas a unanimidade é o bom e velho MP3.

As gays colocam o set do DJ Paulo Pringles e vão de casa até o trabalho dublando as divas. Só que… por que não tornar isso MAIS interessante? Cata o vídeo:

Vou te contar que eu prefiro ouvir músicas mais calmas no caminho pra Ufes, tipo uma Corinne Bailey Rae ou Carla Bruni. Mas com esse vibrador, melbeim, eu toparia até ouvir Smells Like a Teen Spirit do Nirvana.

Inclusive, eu estou pensando aqui numa série de músicas que poderiam ser agradáveis com a vibração… imagine aquelas músicas do Olodum, repletas de batucadas, menina do céu, acho que peço arrego!