Guest Post – Cansado desse “homo” extremista


link-building-guest-post1 (1)

Voltei do Rio, lindas! A viagem foi maravilhosa, cansativa e até bomba de gás lacrimogêneo eu levei. Mas voltemos à programação normal.

O Guest Post de hoje é do Renan, de São Paulo, que parece estar irritadíssimo com a política do Clone Gay, que eu escrevi há um tempo aqui no blog. Vamos ler?

A partir daqui o texto é todo dele.

Vim aqui hoje fazer uma espécie de desabafo e meter o salto na cara das gays homo extremistas. Não, não to falando de homossexuais extremistas, mas sim de gays que levam a palavra Homo sozinha ao extremo, e exatamente no sentido de:

“Gay mano tem que namorar e ficar com gay mano”
“Gay ploc ploc tem que ficar com gay ploc ploc”
“Afeminados tem que ficar com afeminados”
“Barbudo tem que ficar com barbudo”
“Drag tem que ficar com drag”

…e por aí vai.

0aaaaaaaaa

Simples, eu tô FODIDO DE RAIVA COM ISSO, sério.

Se eu vacilar no correr do texto, peço desculpas, porque de fato tenho a cabeça meio fechada pra algumas coisas, mas o blog tem me servido de grande reflexão e me livrado de certos preconceitos (o texto Amoladores de faca foi uma tamancada na minha cara).

Eu amo um cara. Pela primeira vez na vida eu tenho certeza que eu amo alguém. Não intencionalmente, eu me entreguei de corpo e alma pra uma pessoa que não quer ter nada sério comigo. Uma pessoa que procura algo sério, que quer ter um relacionamento sério, mas não comigo. Me jogou na friendzone lindamente. E sabe por que?

Porque segundo a imagem abaixo ele é um bixa MANO e eu to na categoria bixa JONAS BROTHER:

421812_2968574466974_1640072587_2523719_1098751895_n

Prfvr, um minuto de silêncio.

Pronto, voltando a minha revolta;

0bom diaEu fico completamente frustrado com isso. Ok, é legal e fofo quando a gente encontra um casal que se curte nas mesmas roupas, mesmas músicas, tem tudo em comum e um parece a cópia do outro (embora, me desculpem, mas acho isso um excesso de narcisismo).

Mas, porra, quando é que as pessoas vão começar a se deixar cativar e levar pela personalidade de alguém e não pelo tipo de roupa que ela usa ou a música que ela gosta?

patrao1Isso também é fruto daquele pensamento ridículo de “Gente bonita tem que ficar com gente bonita; gente feia tem que ficar com gente feia”.e

A coisa mais linda que já vi foi um beesha sk8ter na paulista que namorava com um cara que era anão. Eles andavam de mãos dadas, e sorriam, e foi a cena mais linda do mundo. Já reparou que quando os casais são completamente diferentes eles tendem a parecer mais bonitos, e não fofos? (talvez esse pensamento seja parte da minha revolta, mas foda-se)

Olha, estou realmente frustrado com isso, portanto, se você deixa de ficar com alguém porque ela não usa ou gosta do mesmo tipo de roupa que você, PARE COM ISSO JÁ e dê uma chance pra essa pessoa.

0loigoc

Falo isso porque quando eu estou com ele, a gente fica em uma sintonia extrema. Eu nunca me senti tão bem igual quando estou do lado dele. Parece que o mundo pode continuar seguindo o fluxo dele que, pra mim, não importa.

imagesE eu sei que ele se sente bem também porque ele se abre completamente sobre tudo da vida, todos os problemas, todas as vontades, etc e tal.

Mas ele não quer ter algo sério comigo, porque não sou “bixa mano”. É óbvio que isso está me matando e isso me mata.

ENFIM, PRFVR, Diversidade né? Parem de querer uma cópia de vocês e aprendam a aceitar as pessoas independente dela parecer com você ou não. O legal é achar alguém que te complete, porque duas peças iguais não se encaixam.