PROMOÇÃO – Silvetty Montilla [ENCERRADA]


Depois do sucesso da primeira promoção, vou sortear mais 4 ingressos pras senhoras que amam Silvetty, mas estão mais duras que pau de tarado.

Clique para ampliar

Clique para ampliar

Então, se você não ganhou a última, participe mais uma vez, enviando um e-mail para max_babadocerto@hotmail.com, com seu nome no conteúdo da mensagem, e o título “Silvetty Montilla 2”.

Lembrando que se você participou da promoção da semana passada, deverá enviar um novo e-mail para essa promoção, tsá? Boa sorte, delícias 🙂

Os vencedores são Luciano Adolfo, Mariana Ferreira, Nathan Rebuzzi e Jenniffer Mayara Filomeno. Parabéns a todos 🙂

PROMOÇÃO – Silvetty Montilla [ENCERRADA]


Fofas, fofas, fofas. A festa mais esperada do ano desde o aparecimento de Silvetty no Trolalá (com Tatá Werneck) vai acontecer em Vila Velha, na Rouge House. A boate pegou o bonde andando e já sentou na janelinha, tomô?

E eu, como amo Silvetty, e amo vocês, dei um jeitinho de conseguir alguns pares de ingressos para sortear, não é maravilhoso?

Ai meu deus, beesha, Max vai sortear ingresso pra Silvetty!

Ai meu deus, beesha, Max vai sortear ingresso pra Silvetty!

Cata o flyer:

1044635_595399883855788_157003651_n

Clique para ampliar

Clique para ampliar

Se amarrou? Então participe! Até mesmo você que já veio aqui me xingar nos comentários com nick anônimo, não se acanhe, envie um e-mail para max_babadocerto@hotmail.com, com seu nome e o do seu amigo, comparsa, entidade ou espírito obsessor no conteúdo da mensagem, e o título “Sou mulher, sou menina, eu cortei com tramontina”.

Aproveita e confirma presença no evento, clicando AQUI.

Silvetty Montilla + Tatá Verneck [Trote na Chica Chiclete]


Essa postagem dispensa introdução, o trote dela começa aos 9:05 minutos de vídeo:

[youtube http://www.youtube.com/watch?v=hqUGWnX1gQw]

Hahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahaha!

Ela trollou a Chica Chiclete também! Não estou acreditando!

[youtube http://www.youtube.com/watch?v=YZrQvXLzNlQ&feature=em-subs_digest-newavtr]

Dica do Bruno

Silvetty Montilla lança programa na web


Dica muito legal:

Visitem o site A Capa e assistam o novo programa chamado “Programa da Silvetty”. Ela faz uma linha Marília Gabriela e entrevista personalidades do universo LGBT.

Para quem está acostumado com uma Silvetty lasciva e politicamente incorreta, vai se impressionar com o novo rumo da bee.

Vejam as duas primeiras edições abaixo:

p.s.: Não sei por quê não postamos a programação da semana, mas eu só farei isso amanhã, pois minha cabeça está um ballon e meus neurônios estão agonizando até com pensamentos sexuais.

Via Encontro Mix

Se é pra falar, eu falo!


Muita gente cobrando que eu fale sobre o evento organizado pelo Programa Vitória sem Homofobia da Secretaria de Cidadania e Direitos Humanos da Prefeitura de Vitória dfentro do evento Pluricidade onde foi discutido “As faces da violência LGBT” e terminando com um show da Silvetty Montilla.

Em primeiro lugar temos que parabenizar a iniciativa da prefeitura. Tenho que falar logo que isso só aocntece pois é um governo petista que está na cidade, pois pensando para além das obras públicas (ponte, praça e etc) se preocupa com os movimentos sociais e com as minorias. É uma preocupação deste governo a questão da homofobia desde que Vitória foi considerada a capital com mais preconceito contra homossexuais. E com esse evento a PMV acertou em cheio, dá até um certo orgulho na gente. Todo mundo aqui sabe que sou petista de criação e coração, né?

Mas enfim, não vou falar muito sobre a palestra pelo simples fato de que eu perdi a toda a mesa redonda com o Luiz Mott – Doutor em Antropologia e fundador do Grupo Gay da Bahia (GGB) – pois eu sou uma beesha proletária. Mas quem esteve disse que foi super legal o apanhado que ele fez sobre a homofobia em nosso país dos primordios aos dias de hoje citando inclusive a questão aqui em nosso estado. Fiquei puto por ter perdido. Vieram me falar indignados que na fala dele ele citou texto e usou imagens publicadas no Babado Certo (sobre o Dj Alex) e disse que catou num  site. Se eu tivesse lá ia ficar loca e gritar “Não é um site, é O site, meu bem!”. Enfim, bobagem! Mas dá nossos créditos da próxima Luiz, dá essa força pra gente aê!

Quando eu cheguei mega esbaforido na PMV e subi correndo as várias rampas do prédio estava em pleno coquetel do intervalo entre a mesa redonda e a apresentação da Silvetty. Já cheguei comendo como um homem de neandertal, pois estava mega faminto. Entre um salgadinho e uma empada começarama  gritar “VAI COMEÇAR O SHOW!”. Uma bee penosa resmungou o “show de dó e de pena”. Daí uma racha desavisada falou “Ué, o nome do show é ‘de dó e de pena’?”. Enfim, daí tive que explicar toda aa história da peruca arrancada e tal.

Entrei e me mijei de rir com o show da Silvetty. Sabe o que foi mais engraçado no show? A Silvetty não podia falar palavrão ou coisas chulas. Daí ela ou gemia ou dava umas palas evangélicas. Ficou hilário! Ah, querem saber como foi? Ah, olha aí, então:

Olha o feijão! PAH!

Parte 2

Parte 3

Parte 4 (participação de Angela Jackson)

Arranco a peerooka dela ou não arranco?!


O Bruno Kimai da Rádio de Vida Alegre (?) perguntou pra Silvetty Montilla no dia do Pluricidade, lá no auditório da PMV,  a respeito do case da peerooka afanada. O que ela respondeu?

Muitas pessoas, repórteres e televisão me procuraram para esclarecimentos da minha manifestação. Eu não quis falar com ninguém e disse que não ia mais falar no assunto. Mas vou falar agora para você porque tenho certeza que o público capixaba quer saber, afinal, Ava Simões mesmo não sendo capixaba é representante do Espírito Santo. A canditada paulista que puxou a peruca de Ava é minha amiga pessoal, conheço ela muito bem. Fiquei no palco porque ouvi nos bastidores que teria basfond, achei que ela ia agredir Ava ou então discutir com ela, então preferi ficar por perto. Não me arrependo de nada do que eu disse, e repito “o miss gay é um concurso de beleza, não de dó e pena”, não é quem “faz ter mais dó” ou “faz ter mais pena”, é a mais bela que vence. E Ava foi muito feliz no comentário dela quando disse que sem peruca ou com peruca ela é a miss gay e ela é mesmo. Ela é a rainha e pronto. Vi ela esse final de semana no programa da Eliana, eles me procuraram para entrevista. Não quis me manifestar. Não sou a favor de nenhuma forma de violência.

Creio que houve muita euforia que devia ser contida, mas o acontecido já aconteceu (sic). Como eu já havia dito no Miss (Brasil Gay) se havia algum comentário sobre farsa no concurso que tivessem dito antes, depois não adiantava mais.

Gosto muito do povo capixaba que sempre me trata com muito carinho e quero deixar claro que a minha intenção quando disse o que eu disse foi de lembrar que o concurso era de beleza. Já tinha um resultado e era o resultado, querendo ou não querendo, não importa. Os jurados decidiram e que não era hora de ter dó ou pena de ninguém. Tudo já tinha acontecido, depois só surgiram os comentários que nunca serão provados.

Sil, querida, da minha parte não há mágoa não, tá?!

Pluricidade – direitos iguais e respeito à diversidade em debate


O Programa Vitória sem Homofobia da Secretaria de Cidadania e Direitos Humanos da Prefeitura de Vitória nessa segunda (7) promove o evento sobre “As faces da violência contra o segmento LGBT no Brasil“. Começará com um coquetel as 18h (Tá, ótimo!), seguida com palestra com Mott doutor em antropologia e fundador do Grupo Gay da Bahia e encerrará com um show de Silvetty Montilla. Maiores informações com a  Gerência de Política em Direitos Humanos, no  Programa Vitória sem Homofobia pelos tels: 3382-6693/6692/6694/6695.

Né, por nada não, mas tem gente querendo puxar sua peerooka por aqui, Sil! Fica eshperta!

‘Toma Lá, Dá Cá’ com Silvetty


Gente, já colocaram no You tube o episódio de hoje de ‘Toma Lá, Dá Cá” com Silvetty Montilla, vejam:

Alguém me explica esse programa, gente? Eu amo, mas ele é tão anti-global, tão politicamente incorreto, sem contar o fato de atingir níveis de non sense nunca antes vistos na telinha da Globo. E as referencias gays? Viram a Marisa Ortiz falando: “Mire-se no meu exemplo, se console comigo, eu já fui confundida com travesti operada lá fora. Tô quase falando igual a elas. ‘Disaqüenda o meu ilê, mona! Se não eu te meto um aqué ba-ba-do, tá?! Não vem com eke não amapô uó.'”? Miguel Falabela é um herói.

Mais Silvetty!


silvetty-montilla-na-heavenTeve quem amasse e quem odiasse o show de Silvetty Montilla sábado na Heaven Brazil. Eu sou dos segundos, mas enm conta muito porque sou fã e depois de conhecer pessoalmente sou mais ainda, afinal o que tenho de idade ela tem de carreira, meus amores: 22 anos! A entrevista que Silvetty nos concedeu foi minutos antes de entrar no palco com um estridente “É agora, heeeein?!”. Montilla estava inspirada e fez um texto diferente dos dois últimos que mostrou anteriormente no estado (na Move e na Chica respectivamente). Eu que estava filmando sofri para não rir , pois ao fazê-lo a imagem tremia (e se repararem, às vezes, foi inevitável). Ela gongou geral!

Babado Certo apresenta com exclusividade o show de Silvetty Montilla na íntegra:

Veja o resto aqui! E não esqueça: hoje, tem ‘Toma lá, dá cá” com Silvetty Montilla!

Entrevista com Silvetty Montilla


Apesar de termos já combinado, foi de assalto  que o promoter da boate heaven nos puxou pelo braço e nos levou de cãmera em punho até o camarim de Silvetty Montilla. Com um sorriso no lábio, muita elegância e fineza ela nos recebeu. Diferente de como é no palco, Silvetty fala manso e baixo e entre outras coisas falou sobre sua participação no programa ‘Toma lá dá cá’, sobre as inspirações de seu personagem e sobre o público capixaba, é com orgulho que a gente apresenta a primeira produção audiovisual do Babado (o som não está muito bom porque lá era muito barulhento, já aviso):

Postagem fútil enquanto me monto


Eu estou aqui em casa me aprontando para ir mais tarde para Heaven. Antes uma passadinha na Lama. Não vejo a hora de ver Silvetty brilhando no palco. O objetivo da noite é conseguir uma entrevista com a diva. Será que conseguiremos? São cenas dos próximos capitulos. Enquanto isso vou revendo os vídeos mais hilários dela como esse, esse e esse:

Estou escolhendo a roupa e já decidi por uma listrada, como a do wally, (lembra?) só não sei se com listras vermelhas ou pretas… A barba vai estar assim ó. Se me virem lá, venham falar comigo e me dar um abraço, mas não exagerem, porque o namorado é ciumento e barraqueiro.

Mudando radicalmente de assunto, algumas coisas me chocam e passando rapidamente pelo msn ISSO me chocou bastante!!!

Silvetty Montilla na Globo


Marquem na agenda: dia 7 de abril na reestreia do ‘Toma lá dá cá’ (que, convenhamos, é um dos programas mais gays da história da TV aberta no Brasil), nossa diva maior Silvetty Montilla fará uma participação especialíssima! do Mix Brasil (completa aqui):

Silvio (ator-transformista que faz Silvetty) deu alguns detalhes sobre sua participação. Será na pele de uma marroquina que chega ao Condomínio Jambalaia trazendo notícias de Ladir, o personagem “mara” que teria viajado para o exterior para fazer uma cirurgia de redesignação sexual.

Ai, gente, dá até um orgulho, sabe, de ver um ícone gay como Silvetty na maior rede de TV aberta do país. Na última vez que a vi no ES, na Chica, logo depois do show fui cumprimentá-la e ela foi super simpática e amável comigo. Eu já falei pra chamá-la de novo aqui pro estado para fazer show, depois ela fica muito cogitada, não vem mais e o povo vai ficar reclamando…