Basfond no Transcol [3] – Edição do leitor


A edição desse Basfond do Transcol é de um leitor que contou sua história pras amigas no Facebook e me marcou na publicação. Vamos acompanhar?

Antes de tudo, uma pergunta pras bee’s que fazem Letras-Bajubês: O que é nanã?!

You wanna be on top?!

You wanna be on top?! (brbrbrzzzzz brbrzzzzz: barulho de choque)

Sobre o bafo, adorei a atitude da senhorinha, apesar de achar que esses pequenos momentos de sensualidade só tornam o Transcol um ambiente mais harmônio e interessante, não é meishmo?

Eu mesmo sempre sensualizo com as pessoas que passam do lado de fora, é tipo um hobby. Fico sentado na janela, com meus olhos negros e enigmáticos, até que um boy lá na rua acaba olhando. Aí eu faço aquele olhar de Tyra Banks, na abertura de American’s Next Top Model, e conto quantos segundos consigo fazer com que ele me acompanhe.

Tentem! É ótimo pra auto-estima quando eles torcem o pescoço que nem uma coruja.