Polêmica!


Desde o beijo exibido pelo Psol no horário nobre, está um frisson na Tv brasileira.

Na última segunda-feira, o Secretário Nacional de Justiça, Pedro Abramovay, abriu o jogo para a imprensa e contou que, quando resolveu pesquisar o motivo pelo qual todos os beijos gays que aconteceriam foram cancelados, chegou a conclusão que o principal argumento dos autores e roteiristas é o de que a classificação indicativa não permite tais cenas nos horários das novelas. E completou:

“Parece que os políticos estão mais livres para a ficção do que os roteiristas. […] Alguns roteiristas continuam usando esse argumento para se justificar perante a sua própria classe, porque eles fazem uma opção de mercado por não colocar um beijo gay”

Segundo o secretário, o Ministério da Justiça NÃO é contra o beijo gay na Tv Aberta e, inclusive, uma cena dessa categoria seria comemorada pelo Ministério.

E eu bem me lembro de uma nota no jornal na época que isso foi permitido pelo Ministério…

E aí? Será que dessa vez vai?!

Dica da James, via Mix Brasil

Primeiro Bejo Gay no Horário Nobre


A propaganda eleitoral do PSOL, tem causado polêmica no Brasil. Todo esse basfond por um beijo de um casal de beeshas numa vinheta, que é exibida em horário nobre. Silvio de Abreu e Ricardo Linhares, autores de novelas globais, acreditam que o beijo gay do PSOL pode ser um avanço pra tv brasileira. Será??

Pedro Ekman, diretor responsável pela vinheta do PSOL,  entende que os canais de TV aberta brasileiros são “retrógrados”. “O que choca é que você não está acostumado a ver [beijo gay] na TV. Na rua, você até vê mais. O choque é pelo conservadorismo da TV. A sociedade aceita muito mais esse fato do que o que está refletido nos meios de comunicação”.

A Rede Globo respondeu às críticas: “Não achamos que nossas novelas da categoria entretenimento são os veículos adequados para tratar de questões sociais“. COMO ASSIM, BIAL?

Adoro dar exemplos:  na novela global “Mulheres Apaixonadas”, temos as mulheres que apanham dos maridos (encabeçado pelos personagens Raquel e Marcos); os idosos (Flora e Leopoldo)  que sofrem nas mãos de seus próprios familiares e por último o alcoolismo (da personagem Santana). Malhação ID, drogas e gravidez na adolescência… e por aí vai!

Preciso dizer mais?