Uónessa na Estação Porto, o vídeo


Reparem que só tem hétero:

Repórter (em off): A música pop fez sucesso entre o público jovem.

Um senhora já de idade: Gosto muito, sou muito fã!

Adoro irônia jornalística.

Adoro também a parte que uma garota (que prefere ser chamada assim) está falando que veio de São Paulo e uma bee grita histérica “Só pra ver a Wanessa, amor! Uhuuuuuu!!!11one!”. Poxa, perdi!

Provincianismo, fashionismos e coisas antigas


Para quem não sabe Fernando Pires é hoje um dos mais importantes designers de sapato do país e do mundo. As produções dele veste nada mais nada menos que Madonna, Cláudia Raia, Hebe, Sara Montiel, Marília Pera, Adriane Galisteu e muitíssimas outra estrelas. As sandálias de Fernando tem design super arrojado e tem saltos altíssimos e inusitados, coisas que só mulheres muito fashions e modernas (e drag, é claro!) usariam (conheça as peças dele aqui). Sabemos que isso não é o caso de Vitória que tem uma high society ultra tradicional e conservadora que entendia-nos com suas roupas óbvias. Ai, gente uó! Podemos contar nos dedos as socialaties de vix que são prafrentex e glamourosas. Por essas e por outras que a lonja de Fernando Pires no shopping Vitória fechou e em seu lugar abriu uma Jaquelaine Jóias. Isso mesmo acompanha comigo o pronunciar do nome da loja JA-QUE-LAAAAI-NE jóias. Acredita? Eu mesmo adora ficar horas vendo os sapatos vexantes na vitrine da loja do Fernando, que eram verdadeiras esculturas que povoam os sonhos de muitas drags e que  fariam qualquer trava matar por um par. Mas, fazer o quê? Provincianismo é isso. Procurando na net, eu encontrei esse vídeo ba-ba-dei-ro no qual a Thalita Help (sim, a Thalita Help!) ataca de repórter (!!!) na loja – até então funcionando – do Fernando Pires no Shopping Vitória (passei mal!):