Vamos nos proteger, gatas!


O ministério da Saúde publicou ontem que os jovens gays (incluindo a nova categoria HSH), em relações com parceiro fixo, estão se protegendo menos que os heterossexuais.

Segundo o orgão, o percentual de homossexuais que usam o preservativo nessas relações está em torno de 29,3%, contra 34,6% dos heterossexuais. Entretanto, nas relações casuais os números se aproximam.

Isso é até esperado, néam? Afinal, as rashas são fábricas de erê e o medo de uma gravidez indesejada estimula o uso do preservativo. Com certeza esse percentual maior não é por causa das Dst’s.

Infelizmente, ainda temos o costume imbecil de “confiar” na saúde do cônjuge, sem levar em consideração que a própria pessoa pode não saber se possui alguma doença (mesmo com os exames em mãos, os vetores podem estar latentes e passarem despercebidos pela análise).

Para mim isso ainda está baixo, mesmo os 34% dos ht’s… Lembrem-se, bee’s, deixar de usar camisinha NÃO É prova de amor.