PORRA, RECORD!


Não sei se há um ser humano que esteja assistindo o reality “A Fazenda de Verão”, mas mesmo assim estão falando que a emissora do bispo Edí Macedo tem cortado as cenas homoafetivas. Segundo o RD1:

A Record não confirma oficialmente, mas o fato é que cenas de carícias entre pessoas do mesmo sexo estão sendo excluídas da edição de “Fazenda de Verão”. Ontem, ao vivo, Rodrigo Faro convidou o público a ver imagens ao vivo do reality.

No entanto, a direção do programa se surpreendeu com Manu e Angelis se abraçando. A cena foi cortada na mesma hora, causando até constrangimento no apresentador, que foi pego de surpresa. As duas já protagonizaram cenas de beijos, o que também não entrou na edição.

Pois é, como disse o texto aí, em um dos programas, o Farinho convidou o público para ver imagens ao vivo do reality, mas foi surpreendido com as sapas Manu e Angelis, que estão tendo um relacionamento dentro do programa, se abraçando, veja:

“Vocês viram, gente, vocês viram?”

Agora alguém me explica: para que colocar gays, lésbicas, travas e trans dentro de um “””””reality”””” show se não podem mostrar a “realidade” deles? É só ganhar aqué com as palhaçadas das bichas e com as “estranhezas” do que é diferente para a maioria da sociedade? Qual o problema de mostrar os homoafetivos como pessoas comuns que tem relacionamentos como qualquer outra pessoa, gente? Record, por favor, né?

Exploração LGBT me dá um ódio:

Julguem por vocês mesmos…


… mas a mim não convence:

Não engulo essa aceitação repentina, não engulo.

Depois ele fala que respeita a laicidade do Estado, mas ainda não parou de se embasar em conceitos religiosos. A Constituição Brasileira diz a mesma coisa sobre igualdade, é ela que ele deveria usar!

Mas não, em vez de citar a Carta Magna, ele teve a audácia de preferir a Bíblia para falar de respeito. A MESMA Bíblia que é usada como principal aval para justificar a homofobia. Seria cômico se não fosse trágico.

Não me convence, e não me convencerá enquanto não assumir o erro e fizer um pedido público de desculpas à comunidade gay pelo projeto que criou.

Quem será o jornalistão?!


Eu durmo 12 horinhas de ressaca e os valores morais gays se invertem em Vitorinha?! Como assim as amigas comunicateiras desbandaram a brigar com as nossas queridas travas?

Cata a notícia d’A Gazeta:

Estamos de olho

Sempre sobra pras travestis, né? O que não faltam são vídeos do Youtube com esse clientes que surgem com essa mesma história de que foi roubado e por isso arrumou confusão.

Queria saber se realmente todas as travestis são desonestas ou se tem caroço nesse angu… um caroção DE MANGA!

Agora, nada me chocou mais que o fato de ter sido um jornalista quem fez isso. Eu tenho minha desconfiança quanto ao sumiço da Dé, que é jornalistona, e a ligação com o ocorrido.

Enfim, a trava ganhou meu coração e o SELO LUANA DA LAPA de qualidade quando se defendeu com o extintor de incêndio do carro!

Michelle, quer ser minha amiga?! ❤

p.s.: Esse post, como saiu de uma notícia divulgada na grande mídia, terá os comentários liberados. Se matem de fofocar abaixo: quem será?

Dica do Diego

Transfobia em Brasília


Depois da delícia de banheiro que nós postamos um tempinho atrás AQUI

Cartaz afixado na porta do banheiro do Parque da Cidade, em Brasília:

Muito bonito, capital… muito bonito…

Vale lembrar que dia 28 de junho ocorreu nesse mesmo parque o movimento “Ocupa Parque DF”, que consistiu numa passeata em protesto contra políticas discriminatórias em concursos públicos e a “Operação Clarear”, que segundo os organizadores do movimento, não age de acordo com o que foi veiculado.

Via Facebook