SENAS da noite capixaba #9


Um rapaz hétero, no final de semana passado, esteve em uma boate igualmente hétero. Bebeu, bebeu, bebeu… Encheu o edí de álcool. Em um determinado momento, ficou inconsciente e portanto, a partir dalí nada mais se lembra (ele jura que alguém deve ter colocado algo na bebida dele).

Algum tempo depois, sabe-se lá quanto, acordou em pé no mictório da boate… Fechou a braguilha e foi pra casa. Lá chegando, foi tomar seus bons banhos e… SURPRESAAAA! Tinha um chiclete mascado colado em seu saco!

Ele, como bom hétero, espera que tenha sido sacanagem de algum outro hétero que ao vê-lo ali dormindo em pé, de calças arriadas, tenha colado um clicletinho nos pelos dele. Olha, sei não, mas conhecendo azamiga acho que foi outra coisa, hein?

—————————–

P.S.: Uma vez algo parecido aconteceu comigo. Eu fui fazer um keti no meu ex namorado e estava mascando um delicioso Trident de melância (cadê o pink money pelo merchand?). Muito “espertamente”, coloquei a goma lá no fundo da boca pensando que ficaria lá quietinha diboa. No final de tudo, vinhado, a neca estava toda rosa envolta por chiclete e foi um inferno pro boy tirar tudo de lá. São coisas da vida…