Saiu o trailer “Meninos do Arco-Íris”


Está para ser lançado o aguardado filme capixaba com temática LGBT, “Meninos do Arco-Íris”, dirigido pelo meu amigo Herbert Bastos. Veja:

Meninos do Arco_íris

Clique sobre a imagem para assistir ao trailer.

Sinopse: Anita é uma menina que mora numa ilha repleta de passagens para mundos secretos. Ao encontrar a porta que a levará ao Arco Iris, universo mágico habitado por sete seres encantados, Anita finalmente realizará seu desejo de se transformar em menino.

O filme é um documentário de 23 minutos e como vocês podem supor a ilha mágica é Vitória, com seu “universo habitado por seres encantados”. Pelas imagens já deu para conferir que o filme está lindíssimo e parece estar bem interessante. E as participações especiais? Royce Luckessy, Labelle, Déborah Sabará, Markus Konka, Jurandi Gusmão,  Sabryna Borges e Thaylan Zanon Tolentino.

Promete, hein?

Meninos do Arco_íris

Aproveitem e curtam a página do filme para ficarem antenados com todas as novidades sobre a produção.

Top Drag ES 2013: resultados comentados


Vencedora Top Drag ES 2013_Nick Sthaufer

“Arrasei, quirida!”

Com grande honra e responsabilidade que aceitei ser jurado de um dos concurso da noite gay mais importantes do estado: o Top Drag. A responsabilidade é grande, pois as meninas investem muito tempo para elaborarem suas performances e figurinos, além de dinheiro. Sem contar a expectativa de receber a faixa que abre portas para se estabelecer no mercado de show performáticos de todo o país.

Os quesitos eram claros: dublagem, visual (incluía figurino, make-up, cabelo etc),  performance e originalidade. Qualquer um desses quesitos poderia levar a candidata a vitória ou a ruína. A avaliação de alguns quesitos eram óbvios como a dublagem e o visual, sendo aquela quem sincronizava melhor os movimentos dos lábios com a música executada e esta quem estava esteticamente mais bonita e interessante.

Muito justa e honesta.

Já performance, por exemplo, é uma qualidade mais subjetiva; alguns considerariam saber bater bem cabelo. Na minha avaliação, é quem causava mais comoção no público, despertando sentimentos, explodindo em pulsão de energia coreográfica e que é coerente com a “personagem” que está realizando no palco. A originalidade é aquela que traz algo novo no que é feito até então por outras drags, que reinventa o fazer performático.

Foram ao todo 11 candidatas, mas comentarei apenas as 5 primeiras colocadas (em ordem decrescente de colocação), destacando os pontos fortes e fracos, pois se para ver tantas candidatas para muitos foi complicado, imagina ler sobre…

Mas chega de enrolação e vamos ao que interessa, as top drags:

————————–

isa5° – Isabelly Bennett

A produção estava simplesmente um luxo: uma roupa de fundo branco fechada nas pedrarias literalmente dos pés a cabeça – riqueza, beu abôr! Brilho, brilho brilho! Ela entrou usando uma máscara toda trabalhada nos swarovski.  Se não ficou melhor colocada foi por sua performance e dublagem serem pouco precisas.

.

rayssa4° – Rayssa Sheiffer

Rayssa tem o mérito de mesmo com pouco tempo de montagem já ter criado uma imagem própria forte. Rayssa se destacou pela performance, especilmente pelo bate cabelo, possivelmente o melhor da noite. A dublagem também foi super bem executada. No entanto, Sheiffer não impressionou no visual e trouxe pouca novidade, nem em relação ao seu trabalho, nem em relação às outras.

.
cyrax3° – Cyrax Simon

Tenho um grande apreço pelo trabalho dela, pois, assim como Rayssa, imprime como poucas sua marca, ímpar. Se o concurso fosse de maquiagem corria sério risco de vencer, pois a make estava simplesmente irrepreensível. O visual estava lindíssimo. A performance em vários momentos foi de arrepiar, assustadoramente passional.

.
kyara2° – Kyara Sthingyrl

Era umas das minhas indicadas a vitória e uma das preferidas do público, tendo arrancado palmas e gritos apaixonados de “já ganhou”. O visual estava fabuloso! A produção em tons laranjas fluorescentes  estava tão apetitosa, que dava até vontade de morder. O make-up desenhado de forma precisa e impecável davam a ela um olhar hipnotizante. A maior característica de Kyara certamente foi a performance: forte e eletrizante! Empolgou o público e quase deu a ela o grande prêmio da noite.

Aqui o vídeo da apresentação.

.

nick1° – Nick Sthaufer

Daí você pergunta: se Kyara foi tão bem, por que não ganhou?

Drag queens são pessoas que tem que dar show e não seguir uma cartilha. O que deu a Nick a vitória foi a originalidade de seu trabalho. Ela corresponde ao que foi Draken (2010) e Ryslen (2011) que em seus respectivos anos venceram pela inovação que as diferenciaram das concorrentes. Nick ganhou pois além de estar com um visual belíssimo e ter imposto uma dublagem competente, trouxe um conceito claro, forte e criativo.

Era evidente o “tema” da apresentação que referenciava as touradas espanholas, sendo que era ao mesmo tempo o toureiro e o touro, ou seja, vítima e algoz. Com isso, ela fugiu da obviedade da performance, leia-se “bate-cabelo”, e imitava movimentos que remetiam ao taurus. Além disso, surpreendeu em vários outros momentos, como quando ela tirou os chifres e exibiu uma peruca tradicional de drag, mas pra surpresa geral, tirou essa peruca também, exibiu seus cabelos naturais, que formavam um moicano comprido. Ao fazer isso, saiu uma nuvem de glitter de sua cabeça. Quando ela bateu cabelo, o espaço foi tomado por uma névoa de brilho e fez com que todos fossem “contaminados” de alguma maneira por sua mágica.

Estava tudo muito bonito e interessante. Deu espetáculo! Deu show! Mereceu! Parabéns a ela e aos envolvidos.

P.S.: Nick não é a cara da JujuBee?

————————–

De maneira geral, o saldo do Top Drag foi extremamente positivo. A competitividade e empolgação das candidatas gerou um show incrível, estão todas de parabéns. Quem ganhou foi o público que soube retribuir com seus aplausos e vibração.

E que venha o Top Drag 2014 com mais surpresas, glamour e novidades!!!

Veja mais fotos do evento em LGBT-ES.

Fierceness – Sem medo de lâmpada fluorescente


Você se acha a alternativona só porque colocou um All Star no lugar de sapato fechado, quando se formou na Ufes?

Então APRENDA com essa linda:

Clique para ampliar

GA-RÁ-LE-O! Tombou com todas as gays, lá do alto da Anabela de 18 centímetros!

Eu juro que me formarei com meus olhos pretos, sem dúvida. Mas não teria a coragem de usar o combo de salto alto e cílios postiços. Tem que ter colhões, aplaudo de pé!

O melhor de tudo são os olhares de reprovação da bancada. Pra eles, Miranda Priestly só tem um recado:

Dica do Jésio

Aviso: Se o rapaz da foto ou qualquer familiar do mesmo se sentirem ofendidos com a publicação, basta enviar um e-mail para max_babadocerto@hotmail.com, que terei o prazer em atender as exigências ou quiçá excluir a postagem, ok? 🙂

Esclarecendo boatos sobre o Miss ES Gay 2012


É, meninas, na última semana os ânimos se esquentaram quanto ao Miss Gay ES, que acontecerá nesse domingo (29), no Cerimonial Platinum.

O concurso, que já tem mais de uma década de história, é famoso pela sua idoneidade e por garantir desde 2003 as posições entre as 5 melhores do Brasil. Mas parece que esse ano a entrada de uma forte candidata acabou deixando algumas pessoas meio desconfiadas quanto a honestidade do Miss Gay.

Essa candidata é a lindíssima e conhecida Sheila Xiss, que já ganhou inúmeros concursos de beleza e mais recentemente ficou com a medalha de bronze entre os melhores trajes de gala do Miss Brasil Gay. Vamos descobrir o motivo?

Um rosto é um rosto… uma pele é uma pele…

Diante disso, começaram a especular que o concurso seria marmelada, que Sheila pagou 17 mil reais no vestido que usará no Miss Gay ES e que não estariam valorizando o que é naturalmente cabixaba.

Coméquié?

Fiquei de olho, observei de longe, e hoje dei o direito de resposta a um dos organizadores do evento, Sérgio Herzog, que foi um fofo e fez questão de me ligar pra explicar tudo tim-tim por tim-tim.

Segundo ele, qualquer concurso de beleza no território nacional possui regras que devem ser seguidas, uma delas é a exigência de que uma candidata, para participar de concursos de Miss no Brasil, deve ser brasileira (ou naturalizada brasileira), e nada impede que uma candidata de fora do Espírito Santo participe de concursos aqui. Aliás, muito sabiamente citou a Míriam Vervloet, que já foi Miss Espírito Santo e participou como Miss Maranhão no Miss Brasil Gay ano passado.

Chic c'est la vie!

Disse também que o Traje de Gala é uma categoria tradicional dos concursos de Miss e, independente do vestido, não se pode proibir ninguém de usar uma roupa por causa do seu preço. Além disso, deixou bem claro que isso não garante que uma candidata vença o concurso, citando exemplos de candidatas do passado que vestiram roupas que ficaram em primeiro lugar na categoria “Traje de Gala”, enquanto a vencedora do próprio concurso não possuía uma pedraria sequer em seu vestido.

Então, antes de sair por aí tentando manchar a imagem de um evento que só trouxe benefícios para o estado e todo ano faz o país inteiro voltar os olhos para a cena gay capixaba, vamos admitir que a bee é bonita pra garáleo e até vestindo um pano-de-chão ela seria uma forte candidata:

Não tem pra ninguém!


Cata o que acontecerá nessa sexta-feira:

Ai que emocionada eu fiquei, nunca ganhei um Oscar antes, já mandei meu tubinho preto de perna lascada para a lavanderia.

É Babado Certo líder de audiência! Deitamos tooooodas na BR. Quero nossas leitoras lá para ver eu, a Dé e a Izaaa (que acabou de confirmar a sua presença morena) recebendo o prêmio em cima do palco, tsá?! Não joguem objetos cortantes, por favor!

Eu tô ouvindo ENCONTRÃO DO BABADO CERTO? Eu tô?!

Haters gonna hate!

Jogo da Vida – Famílias Modernas


Gente! Vocês se lembram do Jogo da Vida? Claro que lembram, quantas vezes as senhoras já jogaram com seus primos numa tarde chuvosa de domingo? Confesso que amava e sempre jogava apostando o corpo.

Enfim, o bafo é que o pessoal da Nebacetin criou uma nova versão do game… tá, versão de Jogo da Vida e Banco Imobiliáliro é o que não faltam, mas nesse caso as famílias são beeeem diferentes, cata o vídeo:

Muito legal, né? E é tudo de graça, eu mesmo já pedi o meu e tô só esperando chegar pra chamar as amigays e as sapas pra uma conferência de Big Apple e jogo de tabuleiro.

p.s.: O problema vai ser a briga pra escolher quem vai ser a gay da parada, néam?

PEÇA O SEU CLICANDO AQUI