Um bom motivo para assistir o The Voice Brasil


Eu ADORO programas musicais, assisto desde o American Idol até o Ukraine’s Got Talent. Na época do Fama então, a cada apresentação da Vanessa Jackson eu tinha um filho colorido pelo koo de emoção.

E depois do fracasso de Ídolos, que vamos combinar, virou uma babaquice para escolher o adolescente com a voz e a cara mais femininas do Braseel, a Globo, muito eshperta, criou o The Voice, que vai escolher o melhor cantor do país, sem idade máxima permitida.

Qué dizê, já podemos esperar várias negonas do Soul e jovens sapatonas perturbadas fazendo cosplay de Cássia Eller.

Mas além disso tudo, ainda teremos o saborosíssimo Pedro Andrade como anfitrião. Vem:

Eu e Dé quando vimos a foto

Quem não curte esse olhar de “sou gostoso, sou ativo, e se tocar na minha pica vai sair daqui na cadeira de rodas”?

Aí, depois que eu esfreguei a racha naqueles travesseiros de “Eu te amo um tantão assim“, dei mais uma pesquisada no site e **BOOM**, quem são os jurados?

Daniel e Lulu Santos, ♥ muito amor ♥.

Claudia Homofobia Leitte e Carlinhos Brown, o Away de Petrópolis da música brasileira, como coadjuvantes pra manter o padrão Globo de qualidade.

Não duvido nada que Claudinha, quando vir a apresentação de algum adolescentezinho cantando Justin Bieber, vai dizer: “Eu acho uma gracinha esse cabelinho e essa voz, mas meu filho será bem criado pra não virar isso”.

Via Yahoo

Ah… o amor de um fã…


Não existe nada mais lindo que um fã tatuar no seu corpo a imagem de seu ídolo, são vários os exemplos:

Há quem goste do Justin Bieber

Outros, como essa delícia, amam a Janis Joplin (Juro que se um boy me aparece com uma tatuagem dessas eu faço até Folhinha Verde pra dar chá de koo nele):

Tem também aqueles que amam o Max… OPS… Michael Jackson:

Mas vocês acham que isso é exclusivo de celebridades internacionais? Nada disso, cata o que encontrei na Ufes nessa sexta-feira:

Algo me diz que esse rosto não me é estranho… 

Fama, ou você tem, ou se rasga de inveja de quem tem:

mesmo gripado…ainda aqui!


85324443Ser uma beesha hipocondríaca em tempos de gripe suína é desesperador! Tosse, dor no corpo, febre, e já estou aqui desesperado pedindo que a minha mãe me leve para o hospital mais próximo.
Minha mãe é totalmente conformada com o escândalo que eu e meu irmão fazemos em casos de dores ou doença, e já se mostrou contraria a enfermaria que montei na sala para assistir filmes, e repete a cada dois minutos que homem é bicho fraco para dor. Mas já deixei bem claro que até uma suspeita de gripe suína precisa ser encarada com certo glamour!

Mesmo com essa gripe, que espero seja só um susto, não poderia deixar de postar esse vídeo aqui:


Somente isso: Um beijo pra quem é travesti!