Perguntas para sua tia homofóbica


tumblr_m8mtr9bOsP1r4xm08o1_r1_400

hahahaMuito se discute a influência da criação na homossexualidade (aviso logo que vou usar esse termo como sinônimo de comportamento homossexual, psicólogas chatas).

Quanto a isso a minha opinião sempre foi muito clara: Todo mundo nasce homossexual, o “tipo” de homossexual que você vai ser que será determinado pelo meio. Leia mais clicando AQUI.

Em tudo que o meio influencia existe um padrão de determinação, seja para diagnosticar depressão, esquizofrenia ou até mesmo para explicar porque você gosta mais do Botafogo em vez do Flamengo (isso vai ser o mais próximo de uma analogia hétero que esse blog vai chegar).

Untitled 2Quando falamos de homossexualidade esse padrão não existe. Esses dias peguei uns trabalhos do Frederick Witham para reler e fiquei chocada com o fato de nunca ter citado esse cara aqui no blog.

Pra quem não conhece, Witham é um sociólogo americano que viajou o mundo inteiro estudando o comportamento dos gays, principalmente o comportamento de pegação.

tumblr_mesf1tfl1H1qg9ipyo2_250Ele observou que tudo relacionado ao impulso sexual está alheio aos princípios da sociedade na qual o gay está inserido, que somente esse comportamento na hora do cruzo que é determinado pelo que ela padronizou.

Ou seja, a bicha criada a pão de ló na Praia do Canto pode ser tão bicha quanto à bicha criada num campo de concentração no Iraque.

Não existe um padrão de “criação” determinando um padrão de sexualidade, mas existe um padrão de criação determinando como o gay lida com e expressa essa sexualidade, entenderam?

Tá, Max, mas e eu com isso?

tumblr_inline_mglh4xa93k1qgz6un

A senhora já sabe que nasceu viadíssima, a historinha que eu vou contar abaixo é para sua tia homofóbica, que diz que gays só são gays porque foram influenciados pela sociedade, que não há nada de natural nisso.

eu_sou_surdo_voce_sou_mudo_camisetas-rb9c1962772754568bbf4495cae7b0847_8najz_512Uma leitora aqui do blog, amiga minha, descobriu recentemente que seu primo surdo (e mudo) se assumiu gay. Esse menino sempre foi criado no interiorzão do estado, nunca teve contato com a Língua de Sinais, não domina leitura labial, não assistia televisão, não tinha contato com outros surdos e nem sua própria mãe conseguia ter uma conversa de verdade com ele, devido a essa dificuldade de comunicação mesmo.

Ora, tia homofóbica, se esse menino nunca ouviu nem falou, nunca teve contato com a mídia satânica e tudo que aprendeu foi apenas através de observação:

  • Como pode ele hoje ser gay, se nem ao menos esteve com homossexuais ou presenciou demonstrações de afeto homossexual?
  • E mesmo se tivesse visto, como ele poderia ser influenciado pelos gays, se nunca lhe foi ensinado o que é ‘normal’ para diferenciar do ‘anormal’? Ou o livre-arbítrio é privilégio só de quem ouve?
  • Aliás, como ele aprenderia esse conceito se não tinha com quem se comunicar na sua região?
  • Se nunca lhe foi ensinado o normal, e dizem que todos nascem heterossexuais, mas é a sociedade que nos corrompe, ele não deveria, pela lógica, ser obrigatoriamente hétero?
  • Por fim, como se corrompe uma pessoa com a qual é impossível se comunicar?

Muitas perguntas, mas poucas respostas lógicas que consigam justificar o preconceito…

P.s.: Enquanto isso, que tal aprender um pouco de Libras?

tumblr_m85hehToty1qilpn2o1_500 (1)

Já que falamos de um…


…vamos falar também dos outros. A imagem é auto-explicativa:

Clique para ampliar

Queria saber de que maneira o fato de ter ou não um relacionamento homossexual influencia na sua competência num cargo político.

É,  não ter o relacionamento não diz nada sobre você, mas o fato de usar isso como argumento, ah… isso sim diz muito sobre suas ideologias.

Gatas, estamos fodidas de ambos os lados, não tem pra onde correr.

Rola na boca pequena (Clique aqui e aqui) que esse mesmo rapaz também tinha um blog e nele falava absurdos contra gays e o kit gay, usando termos como ‘prática anti-ética’ e citando “pensamentos” inspirados no Bolsonaro para justificar suas opiniões.

Cata o print, pois ele tirou o blog do ar (deixei a janela completa para vocês observarem que o site é o mesmo):

Clique para ampliar

Latrice, responda pra mim, por favor:

Melhor, né?

Quanto a isso, parafraseio um comentário anônimo: “Se você come camarão e porco, tira a barba, trabalha aos sábados, chega perto de alguma mulher enquanto esta está menstruada, usa roupas com mais de um tipo de fio ao mesmo tempo, não vende sua filha como escrava. Você também deve ser condenado ao inferno“.

Aliás, as senhoras sabem quem apoia oficialmente Luciano Rezende? A gracinha do Magno Malta. E a gente tá careca de saber que Magno tem todo um amor pela causa gay, não é mesmo?

Dica da Cristal

A definição da minha vida!


OLD ALERT! Não sabia, Dé já havia postado isso há um ano e uma leitora satânica se lembrou. Mas não vou apagar o post não, deu muito trabalho achar esse gif do pikachu! hahaha

Agora sim eu entendo toda essa minha atual frigidez:

Tudo verdade! Quando eu era apenas uma estudante de Biologia fazia sexo todo fim de semana, de dois anos pra cá só de pensar em pinto já me dá um desgosto ao lembrar do trabalho todo que vou ter pra gozar.

Fica a dica pras bee’s que dão em cima de mim nos comentários: “Quanto mais populares, menos tendem a comparecer”…

…e o Babado Certo cresce a cada dia, então, aproveitem enquanto a árvore fruto, porque com mais mil visitas diárias eu colo uma silvertape no edi.

Vou ficar tipo o pikachu quando passarem a mão na minha neca:

Dica do Dave

Serginho na política… vamos acompanhar


A semana está tão monótona em Vitorinha que eu sou obrigado a falar de Serginho do BBB…

Do G1:

Aposto que só vai aceitar pra ser chamada de “nobre edi” na câmara. De qualquer maneira, ainda é melhor que mais um evangélico.

Não vou julgar, todo mundo falou mal de Romário e olha aí o desempenho do rapaz, não está dos piores. Entretanto, não poderia deixar de comentar o outro parágrafo:

Ter ele como base é fácil, o difícil é ter base como ele, né, gatira?

Elas estão de volta!


Ai meu deus, vocês se lembram do concurso Xoxota Louca? Eu aqui, depois de beber 10 litrões de Brahma com mamãe, sento no computador e sou obrigada a ver isso:

Vamos comentar cada segundo, juntchênhas?

0:33: “Desta vez, as meninas foram escolhidas a dedo”. Puta merda, dessa vez? Eu não quero nem imaginar as que foram eliminadas.

0:45: “Um pouco de vergonha, mas eu acho que vai”. UM POUCO de vergonha? SÓ? Você jura, cat?

0:59: FOCA na marca de short jeans, apenas.

1:13: “Nesse concurso, critérios como beleza, postura e elegância não irão fazer, assim, tanta diferença.” Que bom, néam? Senão nem ia ter resultado.

2:09: Olha o casal de sapaaaaaaaaaaa, aêêêêêÊÊ! \o/

2:38: “A segunda tem toda a sensualidade de Genilda”. O repórter nem teve com o quê comparar a sensualidade da racha e comparou com ela mesma hahahahaha.

3:22: Me explica a lógica desse pedaço de tule enrolado na cintura?

3:46: Lucinete favorita, mas é certeza que vai perder o concurso pra racha com 4 barrigas! *Só tem mulé feia ganhandoãm*

3:59: E tá o casal de sapatão se esfregando de novo, pior que arrumaram mais uma agora.

4:07: Dj Curinaldison ♥ . Botando no chinelo um monte de dj que já foi na Move.

4:26: Olhe só, UM BOY MAGIA! Eu pego!

Uma pausa! Posso saber por que todo mundo tem a cara oleosa?

5:53: Claro, claro, o NOME que foi o responsável pela proibição, com certeza hahaha

Resumindo, AMO esse concurso, e quero visitá-lo em 2013, se eu sobreviver ao apocalipse!

Lembrando que, assim como no post do ano passado, Serginho Orgástic continua sendo inferior ao concurso, agora denominado, “Tá Louca”.

Dica das reticências infinitas