Pela primeira vez vi algo de útil no iPhone


Cês sabem que eu sou uó com tecnologias, né? Só para mudar meu Windows 98 pro XP eu demorei mais de 5 anos, e ainda uso a configuração visual todinha do 98.

E é o mesmo com celulares, não uso pra nada além de ligar e mandar mensagens, isso quando eu tenho créditos. Mas dessa vez eu me vi tentado a comprar um iPhone, cata:

GENIAL! Se eu tivesse esse aplicativo no ano passado não teria feito muita merda no meio da noite, Anwar e Maud Lilly não me deixam mentir…

Divã da madrugada[3]


divãDepois de algum tempo sem ver e nem ter notícias, resolvi entrar no Orkut de uma ex-namorada. Sim, eu tenho uma ex-namorada!
Já nas fotografias, olhava o rosto, as mudanças no corpo, o cabelo,olhos, recordava o quarto que aparecia em algumas. Ela está linda!
Com um suspiro profundo, já entrava na crise gay de pensar que poderia ser tudo diferente. Quando a legenda de uma foto me chamou atenção: Eu e meu irmão
A lembrança que tinha do irmão era um pirralho de 15 anos que vivia enchendo o saco, mostrando livros e pedindo para jogar RPG com ele. Ao abrir a foto, quanta surpresa . O menino chato virou uma delicia, que me fez salivar no teclado.
Segundos depois estava já no Orkut do ex-cunhadinho deixando um discreto: Opa, lembra de mim?
A crise que no passado demorava  semanas para passar, hoje desaparece em questão de segundos.
Nada como um bom estimulo visual!

Objetos e suas memórias


dsc06186Amanhã, meu namorado vem pela primeira vez aqui em casa. Estava fazendo uma faxinona no meu quarto e encontrei dois objetos que me trazem recordações. O primeiro são esses dois velhinhos aí do lado sentados num balancinho, ganhei de uma travesti de Campinas. Querendo ou não todos temos nossa parcela de preconceito. Fiquei na casa dessa travesti por ocasião de um evento acadêmico no qual iria apresentar trabalho e passar a semana lá. Fui com medo. Como é a vida de uma travesti? Ela é perigosa? Ela é promíscua? Ela é desequilibrada? Passavam coisas assim pela minha cabeça. Sem grana fui com a cara e a coragem. E qual não foi a minha surpresa ao descobrir que meus pensamentos estavam errados e só o que tive foi uma pessoa atenciosa e super receptiva. Quando fui embora ela me deu de presente para que eu me lembrasse dela. Guardo com carinho os dois velhinhos até hoje.

dsc06192Outro objeto é essa ‘mandala do amor’ que ganhei de Natal do ex-namorado. Na época achei tão fofo, especialmente porque comprou uma fragrância que por questões extremamente pessoais combinava comigo e remetia a várias coisas de minha infância. Também guardo-a com carinho, não por nutrir algum sentimento por meu ex, mas como lembrança de dias felizes. Mas me bateu uma dúvida: devo me livrar dela? Meu namorado vai chiar, estou sentindo… Vocês também guardam objetos assim, cheios de memória?

Msn e ex-namorado


Já deixei claro aqui no blog como gosto do blogueiro Didi. Lendo o blog dele vi um post ótimo falando sobre os três passos de etiqueta com ex-namorado no msn. Transcrevo:

  • Avatar: Avatar é sua foto no Messenger. Assim que você ganha um ex ela deve ser mudada urgentemente para alguma foto de ocasião festiva que é pra imprimir desapego. E por ocasião festiva eu não me refiro a festas de família ou de formatura, tem que ser em um lugar que não corresponda a cidade onde você vive e sempre na presença de alguém do mesmo sexo (no meu caso e… ah no de vocês também!).
  • “O que eu estou ouvindo”: Essa idéia do “olha o que eu tô ouvindo agora” funciona bastante se você quer mandar um recado velado pro ex. Uma vez eu coloquei Lulu Santos – Assim Caminha a Humanidade e fiz dos versos de Lulu os meus (“Não te quero maiiiiiiiiiisssssss, não maissssssssssss, yeaaaaaaaaaaaaaah”). Se bem que eu não sei se fui muito feliz na minha escolha de música, porque sempre há o risco de transparecer um certo mau gosto, já que as melhores músicas pra esse tipo de coisa são as mais cafonas (vide I Will Survive e Por Causa de Você da Kelly Key, aliás, taí um musicão!).
  • Online/Offline: Se você precisa retomar algum assunto pendente com o seu ex e não quer ser aquele que vai puxar a conversa, é importante deixar bem claro que você acaba de entrar online. E se ele não perceber a sua entrada você aciona a ferramenta ficar invisível, conta até 15 e volta visível de novo. Você pode fazer isso umas 3 vezes, mais do que isso já parece um pouco de desespero de atenção. Se ele perguntar o porquê de tanto chove-não-molha você diz, “Ih, loucura minha conexão, tá caindo direto, mas aliás e ________ (insira aqui seu assunto pendente com o ex).

tedio-msn-computadorAi, gente eu faço isso mesmo, admito. Mas como diz o Didi no próprio post só naquela fase inicial quando a gente tá meio sem amor próprio, sabe? Tem outra coisa que faço é, caso o ex puxe assunto, ficar um tempo sem responder. Por mais que dê vontade de responder “O que foi, te amo ainda!”, eu dou uma saída, como algo, vou ao banheiro, ouço duas ou três vezes Faroeste Caboclo (cantando junto a letra toda, tá, meu bem!), daí respondo, “ó, você tinha falado comigo?! Nem havia reparado tem tanta gente falando comigo aqui, tanta janela piscando, foi mal. O que você queria falar mesmo?”. Quando ele responde coisas como “queria saber como você está”. Em vez de responder “sinto sua falta, meu lindo!”, faço tudo de novo duas vezes e depois “bem e vc?” e daí por diante.