Ótima ideia


Estava conversando com a Dé no msn e tive uma ideia: “Que tal usar meu conhecimento na área da Biologia para explicar pras bee’s as suas principais dúvidas sobre o que acontece com nosso corpo na hora do sexo?

Ela adorou, eu também, entón, cata a nova coluna:

Então, queridinhas, é só enviar um email com sua dúvida para max_babadocerto@hotmail.com, que toda semana eu vou postar as respostas.

Essa é uma dica pra você, gata garota, que cai de perninha bamba depois de aquendar o bofe e não sabe o motivo.

Tchynna Responde: As beeshosas usam camisinha no boquete?


Pergunta, vai!!!

Olá Beeshosas,
Faz séculos que não respondo a nenhuma dúvida na minha coluna Tchynna Responde. Vocês ainda se lembravam que ela existia? hahaha Eu até tenho váaarias perguntas esperando resposta, mas foi a tanto tempo que provavelmente quem tinha curiosidade mesmo fez um Google e não me esperou. A pergunta de hoje veio de um comentário que eu respondi no post babadeiro sobre o Final Feliz . Como o assunto pode ser dúvida de outras bees, resolvi postar aqui também. Além de ser um pretexto para reativar a coluna.

A dúvida

A dúvida

Então, não sou médica e nem enfermeira – só tem as roupinhas para momentos de “emergência”. é possivel pegar várias dst via sexo oral. isso é verdade. porém, não há um consenso a respeito – principalmente sobre o risco de quem recebe o boquete. não, não há a mesma probabilidade do sexo anal não, assim como não há do vaginal. alguns vetores podem aumentar o risco de contaminação ( caries, aftas, sagramentos na boca). a maioria das pessoas NÃO usa camisinha no oral. isso é fato. e não é só no FF, cinemão, é assim de maneira geral. na move, no lui, na são firmino, na casa clube etc. A minha recomendação é usar sempre camisinha. Como o gosto do lubrificante não é dos melhores, eu sempre tenho uma de sabor para essa hora. Confesso que gosto mais fazer e receber com camisinha – fico louuuca de prazer! Agora, quem não quiser usar sabe muito bem os riscos que corre e é dono do próprio nariz e ninguém tem nada com isso! É isso! Respondida?

Quem quiser tiver dúvidas cruéis e existenciais, já sabe: manda um e-mail goxxxtosinho para tchynna@gmail.com (é meu msn também, pode asdd) essa delícia aqui, eu Tchynna Penedo, goxxxtosa p’ra caramba e TTToda natural!!! Assim que der, eu respondo, afinal “travesti não é bagunça” e minha vida é corrida!!!

Divã da madrugada[2]


Você está sentado em uma mesa em um lugar altamente que te entrega. Para entender visualize a Lama em um fim de semana, que é a maior concentração de gay por metro quadrado de Vitória! Todos se levantam e anunciam a partida. Para seu azar (ou sorte…não sei como você trabalha!) fica somente um cara que você nem conhece muito bem, e não sacou ainda que você é gay. Tudo indo normal, se o dito não olhasse para você e dissesse que gostaria de continuar a beber e conversar!

BarDada a situação entro em mais uma questão dos meus divãs da madrugada. Deveria ou não anunciar que era gay? Pode parecer idiota e simples a resposta de um sonoro NÃO, mas deveríamos lembrar que seria interrompido na conversa a cada dez minutos, por uma bill amiga perguntando se eu ia na buatchy! Sempre fico na dúvida nessas situações, já que no meu caso sempre acontece com pessoas que fazem parte do meu convívio, e que nunca conversei muito, e irei ver depois várias vezes. Fico sempre me perguntando se o cara, depois que descobrir de mim, não vai achar que estava dando em cima dele, ou ficar ofendido se chegar algum amigo meu na mesa gritando “inhãi…bunita!”. Nunca se sabe! Nesse caso mais recente a conversa entrou na categoria cinema, e tentei  deixar pistas da minha sexualidade. Me dei muito mal quando ele disse que As Horas era também um dos seus filmes preferidos. Daí fui mais sincero, e disse que eu era gay, e estava meio preocupado com o fato dele ser hétero e novo no estado, e toda essa minha baboseira de deixar as coisas claras de análise pela metade. Ele disse que tranqüilo que no interior de Minas ele não tem amigos gays, mas que acha normal. Ele achava tão normal, que o resto da conversa foi ele me perguntando se eu tinha certeza que era gay, e se eu tinha atração por mulheres. Já arrependido de ter falado, e desconfiando um pouco do interesse do meu novo amigo, acabei ficando mais tranqüilo e menos preocupado com essas coisas de falar ou não falar.

Acho que o segredo de sair com amigos hts é procurar um bar onde não tenha concentração de bees! E esse lugar existe!?