Sobre lésbicas e sexo anal.


Este feriadão na República NPT, tivemos descobertas e descobertas… Hétero enrustido com brinquedinhos no armário,  sapa fazendo sexo anal, mas vamos por partes.

A pergunta que não quer calar é: Porque as lésbicas tem tanto preconceito com o sexo anal? No meio da conversa, uma das sapas solta: “Mas meu edý é muito apertadinho pra esse tipo de coisa, deve doer!” Ok, mas por qual motivo as bees curtem horrores o bapho?

Eu, muito curiosa, fui pesquisar na prática. Não, sexo anal não dói e sim, é possível ter prazer. Pois se até a Sandy afirma, ain gatãn! Vamo combinar, né!?

Acredito que o mito que ronda o sexo anal ainda existe no meio lgbt, seja nas afirmações do tipo “quem dá é mais gay do que quem come”, ou ” o edý só serve pra botar pra fora, aqui nada entra!”.

A dor é comum, tanto na primeira transa, como no sexo anal, se você não estiver relaxado e excitado o suficiente pra isso. É tudo questão de jeito, paciência, excitação e confiança na parceira. Mas e você? Você goshta?