Babado TV #4 – Como vai seu corpo?


Uhul! Mais um Babado TV saindo. Este foi gravado faz um tempinho, direto da Move Music, no dia do show da Lorena Simpsom (Quem vai gritar “old!” primeiro? VALENDO!) – lembram? – com participação especialíssima de Royce Luckessy. Dá play e se joga, bunita!

O áudio ficou ruim, eu sei, mas sabe como é o trânsito na BR, néam? Compensei colocando legenda, para de reclamar. MUAH!

Cala a boca e me ch*pa!


"Eu quero seu cérebro!"

Os pensadores contemporâneos abominam o conceito de separação entre corpo e mente em duas entidades diferentes… mas olha, para quem procura um bad romance na noite gay capixaba isso fica cada vez mais dificil!

Comigo muitas vezes é assim: a gente escolhe um boy bonitão e sexy! A coisa está super quente e indo bem… mas acontece que o boy co-me-ça a se revelar… (#raquelfeelings). Ótimo é sempre bom conhecer pessoas, néam?! Mas é o boy abrir a boca para a gente descobrir que ele é um eshcroto e foder com tudo, porque  não sei vocês, mas meu limite de separação entre tesão e opinião sobre a pessoa é muito ligado. Se a pessoas tem posicionamentos retrógrados ou sem-noção sobre o mundo ou/e (geralmente é “e”) é ignorante, meu pênis fica murcho, escurece e cai de tanto que é brochante – até porque tem que me dar carinho, tem que me dar um bom caixinha. Dá um ódio! Dá vontade de segurar a cabeça da pessoa e gritar no ouvido dela “POR QUÊ? POR QUÊ? POR QUE NÃO FICOU QUIETO SE ERA PRA FICR FALANDO MERDA!”. O mesmo vale pra quem é antipático e carudo (a não ser que isso seja apenas em uma forma de humor). Talvez seja por isso que elas frequentem aquelas boates que são hiperbarulhetas que não dá nem para você conversar…

Leve Nietzsche pra academia!

O mesmo vale para o sentido oposto. Gente que não é bonita e te ganha só com o papo. Tem uns cafuçú, digamos, mais rústicos na aparência, mas que são tão legais, inteligentes e bem humorado que conseguem despertar o tesão na gente de um jeito…

Eu, modéstia a parte, sou desses que ganha o coração mais com o papo do que com esta minha bela face e este corpo de dar inveja… É só saber falar a coisa certa no ouveedjeenho pra arrastar qualquer um para a cama!

Olha, que fique claro aqui, não tô fazendo a linha “adote um feio”. Nããããão! A questão é que uma boa conversa as vezes é tão ou mais excitante que um corpo sarado. É ou não é?

Ou seja, dica do verão: além de entrar na operação ‘sunga branca’, que tal entrar também na operação ‘cérebro sem brancos’? #fikadika