Mapeamento Nacional do Casamento Igualitário


Fugindo um pouco do pesado “clima Feliciano”. Vamos ao que interessa. Segue o mapa abaixo para conhecimento geral:

Mapa sobre Casamento Igualitário no Território Nacional

Mapa sobre Casamento Igualitário no Território Nacional

É bem legal voltar trazendo uma notícia boa como esta, sete estados brasileiros já possuem o casamento igualitário. Essa conquista é muito importante, principalmente para as famílias que hoje estão excluídas. Agora, elas serão reconhecidas jurídicamente, além do símbolo de família como instituição.  É importante destacar aqui, que não estamos falando do sacramento matrimônio, o casamento religioso; Mas sim, do casamento civil, direito assegurado pela Constituição Brasileira.

Pra encerrar o tópico, acho que deve ficar clara a insatisfação de cada cidadão com a negação de um direito devido a sua orientação ou identidade sexual. ISSO não é normal. Isso não é ser igual. E nós não somos diferentes.

Artistas se reúnem em campanha a favor do casamento gay


Finalmente, seguindo o exemplo das celebridades americanas, famosos brasileiros se reúnem em prol da causa lgbt. Com lançamento previsto para o dia 12 de Abril, o site da campanha pelo casamento civil igualitário no Brasil, reúne artistas dando seu depoimento a favor da igualdade de direitos civis para casais de mesmo sexo.

A iniciativa partiu do deputado federal Jean Wyllys (PSol-RJ) e participam da ideia artistas como: Caetano Veloso, Ney Matogrosso, Chico Buarque, Cauã Reymond e Sérgio Loroza. A campanha serve de apoio a proposta de emenda constitucional que altera o artigo 226° da Constituição Federal Brasileira, com o objetivo de acabar com a discriminação legal contra os casais do mesmo sexo e fazer valer o princípio da igualdade perante a lei.

Durante o lançamento oficial da campanha serão projetados pela primeira vez os primeiros vídeos gravados pelos artistas e será lido o abaixo-assinado com os nomes das primeiras pessoas que já se manifestaram a favor da igualdade.  O evento contará com a participação de atores, atrizes, cantores/as, escritores, jornalistas e personalidades que participaram gratuitamente dos vídeos, além de parlamentares, militantes e representantes da sociedade civil. O texto e os vídeos também estarão disponíveis na página principal deste site, a partir das 22h.

Clique AQUI para acessar o site.