DENÚNCIA GRAVÍSSIMA: Homofobia na Vale do Rio Doce


Apenas vejam a imagem abaixo do jornal que está sendo veiculado pelo Sindicato dos trabalhadores da Vale do Rio Doce, o Sindifer, sobre uma denúncia feita dentro da Vale por um funcionário:

image

Clique para ampliar

Minha reação a esse tipo de notícia:

tumblr_mss6pasiKl1qzk469o1_400 veragif4 veragif10 epa-o

PORQUE UMA VERA VERÃO SÓ NÃO É SUFICIENTE PRA EXPRESSAR MINHA INDIGNAÇÃO!

Como pode um funcionário que está ali com o mesmo mérito que qualquer outro ser obrigado a ouvir uma agressão moral grave dessas? Não aceito!

14 comentários sobre “DENÚNCIA GRAVÍSSIMA: Homofobia na Vale do Rio Doce

  1. Nossa, tomei um susto, parecia que vc tava criticando o jornal. Mas o jornal que estava denunciando o comportamento homofóbico. Realmente absurdo…. A pior parte é que temos pouquíssima proteção da lei.
    Uó.

  2. Sarita (quase Santiel), sua uó! Te odeio por ficar tanto tempo sem dar pinta aqui no blog…mas te amo cada dia mais por estar se tornando essa mulher lindíssima! Mas mais uó do que a senhora, é ver uma noticia como essa. Muah!!!

  3. Olá a Todos. Sarah, Infelizmente é assim. Corporações de Metal-mecanica, indústrias, Portos e outros locais onde se concentram muitos homens sem dúvida reina o preconceito. Eu trabalho com Importação e no armazém o que há de homens assim não da para contar nos dedos. Eu não sou assumido e não sou afeminado. Mas algumas pessoas percebem por que as vezes não da para esconder. Meu ex chefe mesmo adorava falar coisas querendo me afrontar tipo: O que você faria se a garota do financeiro sentasse do seu lado ou Olha só aquela conferente nova hein… o que você faria com ela? Isso me dava um ódio, uma repulsa que as vezes tinha vontade de derrubar ele do prédio. Mas simplesmente respondia: Absolutamente nada! Não faria nada com elas e sigo meu trabalho. Tento impor respeito mas tenho que dizer que é difícil. Nunca ouvi dizer coisas pesadas como foi exposto no jornal circular mas sempre rola: Ah olha lá aquele viadinho, Ah cara vai amarelar seu baitola, frutinha. Como se ser Gay fosse uma subclasse humana. Acho essas pessoas um Lixo..

    • Olá Anônimo. O que você relata foi o mesmo que passei por anos a fio em uma empresa. Ninguém se dirigia a mim diretamente mas sim indiretamente com as piores frases, para eu ouvir, mesmo tendo um comportamento discreto e esendo competente no trabalho. Considerei até mesmo mover um processo contra a empresa mas desisti. Acredite, milhares passam pela mesma coisa, além de que há muitos no armário, sob disfarce de héteros, casados e dando o * direto.

  4. Meus colegas de trabalho descobriram sobre mim. O que era medo se transformou em pés no chão. Minha equipe de trabalho continuou do mesmo jeito, é claro que rolou uma fofoca de confirmação, mas não ligava. Com algumas precauções da minha parte, Continuei minha rotina, e percebi que isso não muda em nada, meus colegas continuaram me tratando com respeito, dignidade e confiança no meu trabalho.

Comenta, beesha!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s