Tirando leite de pedra


Não costumo assistir TV aberta, mas mesmo longe dela é impossível não ficar sabendo do que acontece dentro dela.

É um vídeo engraçado, uma cena de novela, algum quadro novo de humor, todos enchem a nossa timeline, e no final das contas ligar a televisão ou não dá no mesmo.

Agora assistam ao vídeo abaixo:

educa

ai que merda

A bee fala bem, sabe se comportar, está apenas narrando a sua situação de dependência química e auto-flagelação, e a única coisa que o jornal sabe fazer é colocar esses vídeos e sons idiotas pra gongar o rapaz, só por ele ser viado.

Enfim, tirem suas conclusões, eu achei forçado, amador e preconceituoso. Confesso que o começo é legalzinho, quando ela fala os nomes, mas só isso.

Eu até imagino os estagiários desse lixo quando deram de cara com a beesha, pensaram:

Nossa, uma gay usuária! Foda-se que ela não fala nada de engraçado, é uma beesha! É só fazer comparações com mulher que o Brasil inteiro vai compartilhar!

me retiro

Porque quando uma bee quer arrasar na televisão, ela não precisa de recursos audiovisuais, bêu abôr:

alicia

12 comentários sobre “Tirando leite de pedra

  1. A seção policial dos jornais se tornou a seção de humor, pra falar verdade … não só na questão das bees bandidas, mas de qualquer bandido que fale uma merdinha sequer eles já fazem um circo em volta do sujeito. E o povo debocha e ri da própria desgraça no final das contas …

  2. Gays em programas policiais viram mêmes. Eles aproveitam isso.

    Achei o gay bem articulado, mas realmente a perfect foi perfeita..rs

  3. não achei preconceituoso , até pq eles mesmos tiram sarro da sexualidade deles … tem q tomar cuidado pra não achar q tudo é perseguição … e não vamos esquecer Q : são bandidos ! qualquer deboche em relação à eles [ sendo gay ou não ] não chega aos pés do q fizeram pra estarem ali …

  4. A grande midia acha que todo gay em qualquer situação tem vocação pra palhaço. Não é engraçado o sistema prisional brasileiro. Não é engraçado o envolvimento com drogas. Não é engraçado ser gay. O fato de um homem se identificar com o feminino não o desqualifica em NADA!!!

Comenta, beesha!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s