Só voltem a falar comigo quando fizerem carão com o pé no queixo!


Tchau!

DEMÔNIAS!

31 comentários sobre “Só voltem a falar comigo quando fizerem carão com o pé no queixo!

  1. Gente, que isso?
    Que medo que deu quando o gordinho jogou os pés para alto. Mas voltou diva e ainda fez o rajadão!

    Toma na cara, cirque du soleil!

  2. A presença da gordinha é apenas alegórico. Dá aquele quê de esquisito necessário p/ fazer sucesso, afinal, convenhamos que ela não se compara às outras delícias do vídeo.

    • Em relação ao biotipo considerado desejável pela maioria dos gays, ninguém ali escapa. Todo mundo quer o bombadão da academia. Mas em relação à dança, acho que o gordo não perde em nada. Dança muito bem.

  3. E mais uma vez as billus praticando bullying. Fico chateado com esse tipo de comentário, a gordinha é tão pejorativo quanto o viadinho que só anda com meninas, e dizer que a gordinha é a parte alegórica é bem parecido com as cotas para personagem gays e cômicos das novelas.
    Quanto ao carão com o pé no queixo, eu to passada, adoreeeeey *—-*

    • kkk isso mesmo Luan, kebra esse caralheoooww todo …ainn a bilu gordinha só de um UP, acho q ela q fez a diferença …ainn …kkk gente…essas gay não tem jeito né , que danadas!

    • Mudando a resposta então:
      Tem uma pessoa ali no meio que não consegue dançar como as outras por conta de obstáculos fisiológicos.
      Não posso descrever mais que isso senão estarei sendo preconceituoso, uma vez que dizer gordinha ou negra é crime.

      • Não é errado falar que a negra gorda do meio não dança bem e por isso ela é a engraçada do grupo (porque você não usa algo que ela é para criticá-la, mas sim suas atitudes ou aptidões), isso não é preconceito. Errado é você dizer que ela é esquisita ou inferior às outras delícias do vídeo só por ser gorda/preta/feia/manca/down/ouqualqueroutracaracterística. Entendeu? 🙂

  4. Saindo das cavernas. Viciado no clipe e já estou providenciando uma excursão para o baile funk só por causa dos batidões fantásticos.
    Quem se importa que a pessoa de amarelo não dança bem? Ela é a única que dá sentido ao rajadão. O rajadão é ela. Pé no queixo é ficha perto da negra de amarelo.

  5. Como assim a bilu não dança bem, garalheam? Ela quebra o caralho todo divando no quadradão sem fazer força nenhuma e ainda da tiro de edy no rajadão… quero ver as senhoritas fazerem isso com metade da prafrenteza q essa bee tem!

    Sem mais!

  6. Amei! Bombando nas paradas de Ibiza em 3, 2…
    Sério, acho INCRÍVEL esse tipo de vídeo… além de ser manifestação cultural autêntica (a parte do funk) é feita por gays!! Que tapa na cara da sociedade!!! Que vangarda! Obrigado, delicinhas, por tornar o Brasil um país melhor para os gays!

Comenta, beesha!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s