E coisa de machista? Não tem?


Dilmão, no ano passado, nos agraciou com a sua declaração infeliz sobre o governo “não fazer propaganda de opções sexuais”, quando foi abordada e perguntada sobre a necessidade de se ensinar o respeito às diferenças, aos homossexuais e aos transgêneros nas escolas.

Juro que tentei ver isso da melhor forma possível, que ela estava querendo dizer que ensinaria pelo menos a indiferença em relação às diferenças. Mas me enganei.

Dá uma olhada no material da apostila de Educação Física enviada pelo governo às escolas estaduais de São Paulo:

387543_439615546107920_146275407_n

Sem dúvida essa apostila merece o selo Puta que Pariu Xuxa Meneghel

Xuxa-pqp

Que caralho é esse? Será que esse pessoal não percebe o quanto isso causa desconforto em crianças e jovens que se interessam por atividades atribuídas ao sexo oposto?

Tenho certeza de vários de vocês aqui já tiveram que brincar de boneca/carrinho, ou dançar É o Tchan escondido dos pais, tudo devido a essa separação escrota do que um gênero pode ou não fazer.

Por outro lado, isso pode ser usado para desmistificar preconceitos. Os alunos marcariam as atividades que acham corretas, e ao final o professor rasgaria esse papel e faria um discurso pró-igualdade de gêner… é… esqueci que estamos no Braseel.

Dica do Matheus, via Blogueiras Feministas

8 comentários sobre “E coisa de machista? Não tem?

  1. Tem que ser analisado mesmo como isso é usado…
    Porque no final das contas, pode ser que a ‘resposta certa’ pra todas as questões seja colocar os dois símbolos…

  2. Gastaria de saber qual a fonte dessa apostila? tipo, em quais escolas elas estão sendo usadas? e qual foi o programa que as comprou?

    • Cata:

      “Não cheguei a ver as apostilas anteriores, mas a apostila de 2013 não tem na página seguinte nenhuma explicação ou estímulo a igualdade. O capítulo fala sobre o Box e sua história, realmente em algumas questões há perguntas sobre a opinião do aluno em relação a diferença de gêneros nas práticas esportivas. (eles não deixariam uma brecha tão grande para incentivar o machismo e o patriarquismo na sociedade). Entretanto, o assunto a todo momento fica aberto pela imparcialidade que o governo assume diante do tema. Na apostila do professor não há nenhuma referência a essa página, e muito menos ao desenvolvimento pedagógico nela incentivado. O papel que a mulher ocupa da sociedade é um tema fundamental a ser debatido por jovens, mas com um contexto diferente, com um material avançado, pois falamos de adolescente de 16 anos. Esse material usado pelo governo, talvez, serviria para incentivar a quebra de paradigmas nas crianças da terceira série do ensino fundamental. E essa atitude governamental atinge tanto as intenções feministas de indiferença diante das diferenças quanto a educação nacional, que continua sendo vergonhosa.”

  3. Também acho que o material está sendo mal julgado. Ele é ÓTIMO para despertar um debate e fazer com que as crianças reflitam. Tudo depende de como é utilizado, concordo, é como o Will Sartori disse, pode ser que a ‘resposta certa’ para todas as questões seja colocar os dois símbolos e gerar uma discussão a respeito. O que não podemos é sair ‘metendo o pau’ em algo que não temos certeza do propósito, isso sim é preconceito.

    • Honey, ele é ótimo sim se fosse usado como disse ao final do post, entretanto, se você clicar no link e ler a descrição da professora que recebeu essa apostila, na apostila do professor e na dos alunos não há absolutamente NADA que oriente o educador a manter esse tipo de diálogo, nada, nenhuma orientação ou dica de discussão.

      Isso quer dizer que ele ainda pode ser usado dos dois jeitos, que o governo foi imparcial em relação à luta pela igualdade de gêneros e não se manifestou a favor do feminismo. No final das contas, o que poderia ter sido criado para desmitificar preconceitos, acaba fomentando os mesmos.

Comenta, beesha!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s