O Milésimo Post


É mil, garáleo!

Pensei muito antes de escrever esse post, até mesmo pedi sugestões no Facebook, e recebi várias ideias bacanas. Mas vou deixar para usá-las em postagens futuras, porque nesse texto não quero falar de comportamento, homofobia, sexo, homem e nem de DST’s.

Resolvi usar esse post para agradecer, afinal, foram vocês que aturaram meus mil devaneios.

Desde que entrei no Babado Certo minha vida virou de pernas pro ar. Eu, que era só mais uma bee conhecida por alguns alunos da Ufes por pintar os olhos de preto e confundir héteros na Rua da Lama, me tornei da noite pro dia um ícone da cena gay capixaba.

Seja ícone de bom exemplo ao ajudar leitores com o Kooriosidades, posts sobre prevenção de doenças ou sendo um dos primeiros gays do estado a processar alguém por homofobia; seja de mau exemplo com as minhas aventuras no Babado, Confusão & Gritaria.

O meu principal papel aqui sempre foi o de dar a vocês um canal de comunicação para que dividam suas angústias, alegrias, pegações, seja lá o que for: tudo aquilo que a sociedade não permite que vocês falem abertamente.

Aliás, para muitos gays não-assumidos o Babado Certo ainda é a única forma de comunicação deles com o universo LGBT, e me sinto muito orgulhoso do trabalho da nossa equipe quando recebo e-mails de leitores dizendo o quão importante é o blog para eles.

Nessas horas eu sinto que estou no caminho certo, permeando entre o útil e o fútil conquistei o coração inclusive das bee’s mais cults e mal amadas. É claro, nem tudo são flores, e sempre que lidamos com um grande número de pessoas é impossível de se agradar a todos.

Até mesmo as que comentam no blog com a intenção de me denegrir (ou as que foram um pouco mais além), fizeram parte da construção dessa pessoa que eu me tornei hoje, muito melhor do que era em 2010, quando comecei.

Confesso que não estava preparado para o poder de influência que meus textos teriam sobre vocês, e por isso cometi muitos erros: magoei algumas pessoas, feri o orgulho de outras e até acabei com a reputação de quem não merecia.

Por isso, esse milésimo post é um divisor de águas na minha “carreira”, se é que posso chamar assim, de blogayro. Não quero e nem tenho o direito de passar a borracha nos erros que cometi no passado, só me resta me desculpar e aprender com eles para não repeti-los.

E que venham mais mil, dois mil, ou quantos posts vocês aguentarem, até a primeira gay me empurrar de cima da ponte Ayrton Senna. Porque enquanto isso não acontecer, pode ter certeza que vocês vão me ouvir por muito tempo jogando na cara de vocês aquelas verdades que ninguém tem coragem de dizer.

Obrigado, fofas, de coração, pelo carinho, admiração, abraços na balada, elogios, críticas, novas amizades, e por que não, cadeiradas? hahahaha.

p.s.: Não poderia deixar de agradecer aos principais responsáveis pela oportunidade de viver já há dois anos essa experiência deliciosa: Dé e Tchynna ♥

31 comentários sobre “O Milésimo Post

  1. Max parabéns pela sua contribuição para o sucesso do blog, que todos nós adoramos. Eu sempre tive a impressão que vc me detestava ( avá, vc sabe que eu sou aquela pessoa que inspirou o post da síndrome da Betty Feia). Mudei de nick pra parar de sofrer bullying das recalcadas. Mas eu sempre conversei com vc com mt confiança, pq lá no fundooo vc é do bem! Beijão bitch!

    Can I get an amen? hahahaha

  2. Meu lindo. Vc sabe q te amo. Vc faz a diferença. Uma pessoa aparentemente diferente, mas q na verdade só quer o q todo mundo quer, ser feliz e fazer o mundo mais feliz c sua presença/ interferência

      • kkk Ain Max, eu ri desse comentário e entendo perfeitamente sua reação. Sou sapataum (ñ assumida), um pouco andrógina e fico muuuuito desconcertada quando me falam algumas coisas que fariam uma mulher “normal” dar pulos de alegria… HAHAHA’ Um grande homem? oi? Mas enfim, deixando de comentar os comentários, PARABÉNSSSSSS!!!!!!!! Encontrei o blog por acaso e viciei, afinal o espírito é santo mas a carne é fraca hahaha’ BEIJOOOOOOOOOO MEUS BENS, Max, Dé, Tchyna e Iza!!!!!!!!! \o) Mesmo não comentando, to sempre visitando o blog, rumo ao infinito de posts \o) UHULLL…

  3. Parabéns Max sualimda. Sempre apavorando com seus posts e ajudando azamigas não-assumidas (meu caso) sem criticá-las. Continue assim, sem botar nem por (como a bee ali de cima disse). Tchyadoru. Um beijo direto da França (Eu sou bunitã kkk).

  4. wowww, parabéns! lendo das eleições pra esse blog. Não vou corroborar com a maioria, acho ki tu continua o mesmo. Nâo o mesmo do passado, mas o mesmo do presente de sempre! Qdo nos veremos novamente num rock hein? bjs

  5. Max, posta esse vídeo no Blog… Sempre morro com ele!
    Representa todas as putas, beeshas promiscuas e creuzas do nosso Brasil! kkkkk

  6. Parabéns Max, adoro os seus posts, eu quase não comento aqui mais sempre estou lendo o blog! Esse é um dos melhores blogs que eu já vi, é incrível. Você é um grande exemplo.

  7. AGORA A GENTCHY JÁ PODJY FUMAR UM BASIADO JUNTAS, FICAR LARRENTE ESTA MUY LOKA E DEPOIS CONTAR TUDO AQUIÃM????????????? KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK

    P.S.: Pelo que eu sei *cof* até agora *cof cof* Báx é lympa, pura e *HUÉÉÉÉHHUH HÉÉÉÉÉHUH HÉHÚMMM* ces sabi néam, eu asho…

Comenta, beesha!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s