Países do Mercosul assinam declaração para garantir direitos da população LGBT


Representantes do Brasil, da Argentina, do Paraguai e do Uruguai – os quatro membros do Mercosul – assinaram na última quinta-feira, dia 29, em Buenos Aires, uma declaração conjunta de repúdio a todos os atos de violência contra a população LGBT. O documento apresentado durante a 21ª Reunião de Altas Autoridades em Direitos Humanos e Chancelarias do Mercosul e Estados Associados (Raadh) foi uma proposta da ministra da Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República, Maria do Rosário, e vai na contramão das atitudes tomadas pelo Governo Federal com relação a comunidade gay no Brasil. Na declaração, os quatro países ainda se propõem a adotar, dentro das respectivas legislações, “políticas públicas contra a discriminação de pessoas em razão de sua orientação sexual e identidade de gênero”.

 FONTE

6 comentários sobre “Países do Mercosul assinam declaração para garantir direitos da população LGBT

  1. Infelizmente no Brasil politica a favor da comunidade LGBT afasta aliados e consequentemente votos,nós nem um vareador gay assumido conseguimos eleger,imagina esperar do governo federal algo que o irá “prejudicar”.Infelizmente o jogo do poder é esse,o lado mais fraco sempre perde e perde muito!!!

  2. Em nova Venécia tem a MOA, que hj está no mesmo partido de Magno Malta, ela é membra do PR, um dos partidos mais conservadores do País, que tem uma bancada quase totalmente evangélica. Um dos Partidos mais envolvido em corrupção também. Só pra constar a MOA é travesti, sendo a primeira na história do País a ter um mandato político, democraticamente eleito pelo povo.

Comenta, beesha!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s