Os funkeiros e a obsessão pelo “viado”


Que existem centenas de funkeiros gays em Vitorinha, nós já sabemos. Inclusive, tenho uma amigay que uma das suas maiores taras é pegar boladão, daqueles bem caricatos meishmo, de blusa da Billabong, tênis chamativo e boné levemente pousado na cabeça. Aliás, eu NUNCA vou entender aquele boné que eles nunca enfiam na cabeça, como se tivessem escondendo um grande tumor maligno.

Mas nós também sabemos que um dos maiores medos do homem heterossexual medíocre é “ser confundido com gay”, e entre os funkeiros isso é ainda mais amedrontador, tanto que não perdem a oportunidade de zoar a bee que anda inocentemente dando sua pinta pelas ruas de Vitória, afim de se afirmarem héteros.

Quem nunca esteve andando na rua e quase infartou de susto quando aqueles demônios passam de bicicleta, na velocidade da luz, e só gritam “viado” quando estão bem perto do seu ouvido?

E eu pergunto: por quê?

RIP

Eu sempre gostei muito de funk, ouço, danço, e às vezes vou até em baile. E, por incrível que pareça, nesses lugares raramente sofro homofobia… até cato uns boys de vez em quando. Claro, depois do trauma do Atentado de 10 de Dezembro eu fiquei mais receoso em visitar esses locais.

Essa bee amiga minha, que curte boladão, me disse que eles não fazem por maldade, não são homofóbicos, e a possibilidade de você levar uma pedrada de um evangélico é infinitamente maior que ser agredido por esses caras. E eu meio que concordo, já observou que todos os casos de agressão a gays não são cometidos por boladões?

Segundo ela, isso faz parte de um comportamento comum entre eles, e é só uma brincadeira, assim como brincam quando vêem uma mulher bonita passando. Me confortei, até porque, bees, já observaram que eles apenas gritam “viado” e vão embora? Eu sei que é constrangedor, mas viado todo mundo aqui sabe que é, as outras pessoas em volta também, então dizer isso alto não vai mudar muita coisa em relação ao que todo mundo já está careca de saber.

Vocês já passaram por esse tipo de situação? Se incomodaram? Como reagem? Porque eu já vi bee gritar pornografias de volta, sem medo nenhum de levar um tiro de escopeta na cara!

Minha reação quando o boladão passa de bicicleta e dá um grito:

42 comentários sobre “Os funkeiros e a obsessão pelo “viado”

  1. falar nisso, alguém podia passar a localização mais precisa daquele baile funk gay que jah postaram aqui no blog…

    Nunca gritam veado pra mim na rua, eh preciso me ouvir falar pra notar a minha bixiceheheheheheh

  2. kkkkkkkkk
    Uma vez um marvazinho, vestido desse modo ai q vc falou rs, me chamou de viado pra todo mundo ouvir, dei meus dois dedos pra ele e falei: Meeelkoo praa voce, o fdp desceu do onibus e qeria me bater, encarei ele, prq eu to morta!!uahuhs na vdd nem levo mt a serio oq eles falam, mais depois de uns “bons Drink” eu enfrenteei kkkk

  3. o que eu acho super estranho, é que eles se chamam de viado! tipo : ” eae viado, vai no baile hoje?” ” viado, vou ver!”……….???? tenho medoo

  4. kkkkkkkk Já passei por esta situação sim, eles mexeram e foram embora rindo, não me incomodei, e fingi que não era comigo, mas não sei lhe dizer se eles somente zoaram e não fizeram nada porque eu estava em uma alcateia ou porque é típico deles mesmo.
    Mas vou confessar tenho uma queda em especial por funkeiros com cordão de prata e boné da cyclone, volta e meia consigo fisgar alguns nas quebradas. rsrsrs

  5. Eu ja acho sertanejos mais preconceituosos vcs podiam fazer um post sobre o assunto da uma olhadinha em letras de Jads e Jadson, João Carreiro e Capataz e Munhos e Mariano……..dai vcs me dizem qual pior

  6. Como eles iriam ter preconceitos se são os QUE MAIS FAZEM AS GAYS em qualquer rock.
    Quer pegar um heterozin é só ir atrás de um funkeiro.
    Eles zombam, mas são os q mais pegam entre todos os outros grupos classificados

  7. Comigo é na linha activia, passo por isso diariamente, mas adoro um funk um fervo, e concordo q realmente os bolados ficam de boa querida!

  8. Não tenho tara nenhuma por boladoes *blargh* mas quando me torram o saco gritando veeado eu pergunto se vai me comer. Pra ficarem reparando na gente só pode ser neam?

  9. É comédia…. antes eu ficava chateado. mas ai meu namo viro pra mim e disse: Uai… vc é viado mesmo… por que ta ofendido? pra mim isso é elogio…

    desde então sempre rio quando ouço….

    ps: realmente… eles vivem se chamando de viado… as bixas estão na mode gente… olha que luxo!

  10. PESSOAL, não se iludam, trabalho com os “boladões”, não gritem de volta…não atiram pq não podem ficar “marcando” no local…é questão de segurança….não são santos!! não vão gastar bala com viada pintosa…so se for noia..rsrs

  11. E aquelas barruguinhas saradíssimas que nunca viram uma academia?
    E e aqueles braços malhados que nunca pegaram pesos de academia?
    Marvan é o que há…

  12. Gente…Vamos combinar que pegar marvan jah virou tendência…Todas as bees querem bulinar aqueles corpinhos que vamos combinar, são todos trabalhados na malhação e nos gominhosss…Entaum queridas, como eles reespeitam e curtem a gente…Catem os marvans, que eh o melhor que tah tendo #ficadica

  13. nossa wi ja levei muuuito coio, e levo ainda, tenho muitos amigos boladao e me respeitam na moral,as vezes mwxem comigo e ate rola uns bacos, mas tudo bem sigiloso, adoroooo ir ao baile funk da next e me acabar mas deixo bem claro: e claro ke quando vou ao baile me visto como eles bone aba reta, reef no pe e billabong, assim elea goatam mais poruqe fica mais discreto max eu amooo baile funk e adorooo os seus coments abx

Comenta, beesha!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s