Pelo direito à experiência


O Dé postou recentemente um texto falando sobre as gays que pegam os “São Sebastiães”: “aqueles bofes bem machões que algumas bees chamam de ‘boy hétero’ ou de HSH (homem que faz sexo com homem). São aqueles cafuçús que comem as gay e se deixam chupar”.

Okay, e como no Babado Certo, 80% das nossas matérias saem dos bafos que VOCÊS trazem nos comentários, dessa vez não foi diferente.

A discussão girou em torno da pergunta: Como determinar a sexualidade desses boys héteros que comem as gays?

Muita gente vai dizer que eles são, no mínimo, bissexuais, afinal, se ele trepou e sentiu prazer, é óbvio que ele gosta de homem também. Mas será que nossa sexualidade é tão simplista ao ponto de ser categorizada com uma (ou duas, tsá) trepadinhas? E outra, todo mundo se masturba e sabe o quão fácil é para o homem ejacular. As possibilidades são diversas e vão desde a tradicional punheta até a vagina artificial com esponja. Então acho que o prazer em si não é tão determinante, néam?

Tenho certeza que a maioria de vocês que hoje se dizem totalmente gays, que vomitam só com cheiro de bacalhau, já tiveram pelo menos uma experiência heterossexual na vida, e garanto que boa parte não achou de todo ruim, não é mesmo?

Então por que nós gays, bissexuais, travas, transex e seres de luz temos a liberdade de experimentar, gostar ou não, sem que isso afete a nossa sexualidade, e os heterozinhos não? E nem adianta falar que experimentou “pra saber se gosta” porque a sociedade é heterossexista. Ninguém te obrigou a trepar (se obrigou, mete o processo porque isso é crime). Foi o momento, o álcool e os entorpecentes, que, naquelas circunstâncias, te deram a vontade.

Já disse e vou repetir: PAREM de achar que a modernidade e a liberdade sexual afetam só a gay efeminada que anda de salto alto no shopping, ou o encubado frustradinho que faz pegação no banheirón com o uniforme da CST. Toda a sociedade está contaminada por essa nova visão do que é o sexo, da busca pelo prazer sem ter que seguir um “roteiro”. E não é porque estamos todos nos tornando bissexuais, mas sim porque, aos poucos, a sexualidade está se tornando mais volátil, adaptável… Até quando finalmente não será mais preciso classificar.

Mas ESPERA AÍ! Não vá pro mictório passar a mão na neca dos bofes do bar, achando que a modernidade afetou a todos, isso é um processo lento.

Na verdade… não espera não, o máximo que pode acontecer é você levar um soco na cara, mas não custa nada tentar, não é mesmo? hahaha.

 

30 comentários sobre “Pelo direito à experiência

  1. Essas discussões me lembram a minha infância…

    Eu sempre lembro dos garotos brigando, aí o que que acontecia??

    Um chamava o outro de “Viado”…e o outro respondia: “fica de 4 que tú vai ver o viado”
    Na verdade isso persiste até na maturidade, ainda existe muito aquela idéia de que homossexual é o que “dá”….eu achava que isso já não existia mais, mas pude constatar que ainda existe essa linha de pensamento…
    Na antiguidade era “comum” em alguns povos bárbaros o sexo anal entre Homens, na verdade isso ocorria em guerras, quando uma “tribo” vencia a outra, homens da tribo perdedora tinham que dar o rabisteco pros vencedores, era uma forma de humilhação diante da derrota….
    ….de forma indireta poderiamos dizer que isso ainda existe…néam…essa idéia de “virilidade” do “comedor”…

    Mas voltando ao assunto do “fica de 4 que tú vai ver o viado”, eu bem que poderia ter aproveitado a adolescência e ter ficado de 4 mesmo!
    BURRA, BURRA, BURRA, BURRA, BURRA!!!!!!!!!

    Obs: quando falo infância dá a entender que sou “idosa”, mas não sou…
    tenho 18 e faço 19 em ABRIL(adooroo)…

    • Sexo como instrumento de poder, você contrariou a masculinidade do rapaz, ele te sodomiza para te menosprezar e mostrar quem tem menor masculinidade… Famosa relação de monta.

      Mas não acho que seja o mesmo princípio dos cafuçus. Afinal, ele não te sodomiza para se impor, ele faz isso pq sabe que é também prazeroso pra ele, apesar de ser com um homem.

      Na verdade, acho que o princípio do hétero fazer sexo com um gay é o mesmo que leva esse mesmo hétero a se sujeitar a trepar com uma boneca inflável, que também não é o que ele deseja (mulher), mas dá prazer do mesmo jeito.

      • Isso mesmo Max… Para muitos nao importa o meio ( como e com quem ), mas sim o final ( gozar ) e isso nao define sua sexualidade.
        Gentchyyy, o cara só quer dar uma gozadinha e se ele gozou nao tem nada a ver com sua sexualidade. Mas blz, vamos lá.
        Exemplo radical:
        A maxxx tava triloka e deixou uma racha chupá-la e acabou gozando. Isso torna a max HT ?? KKK
        Max heterossexual é um Absurdo. Mas ela gozou, e ai??hoho

        Repito: qq um que colocar a boca quentchy e moladynhuan no seu pau vai fazê-lo ficar de pau duror pq é gostoso e nao pq envolvente totalmente sua sexualidade.

        AS pessoas estão chegando ao Absurdo de dizer:”Quem te chupa é quem define sua sexualidade.” Foi o que o texto “São sebastião” quis dizer.

        • Então seria tão errado falar que um caraé HT quanto falar que ele é HOMO.

          Então, nessa visão, seria errado uma bee falar que ficou com um HT.

          sem mais. Aff, vcs complicam uma coisa simples. Melllkooooooooooooo, dá proxima vez pego meu caco de vdro e faço meia buceta na cara de vcs.

          só avisando.

  2. Na minha cabeça todo hétero é capaz de ter relações homossexuais desde que tenha o mínimo de afinidade e atração pelo mesmo sexo. E é claro, ter prazer com isso (a lot bytheway). O que não deixa isso acontecer é o Superego da pessoa.

    É quase igual quando você vê uma pessoa que enche o rabo de cachaça pra ficar “lokôna” até passar mal, mas a mesma não admite (por exemplo) fumar um beque pra se entreter com os amigos porque isso é uma afronta à sociedade, é ilícito e faz “muito mal” à saúde.

    • Acho que o correto é dizer TODO ser humano é capaz gata, pq gay tbm é capaz.

      Recentemente a Max disse que ela e os amigos foram abordados num posto de gasolina e acabou sobrando para a Sapatão transar com o cafuçu. Com certeza ela teve ALGUM prazer com o rapaz, mesmo que mínimo. Isso a torna heterossexual, bissexual, maXessual ou mal resolvida? Pq, segundo o texto da Dé sapatão ela nao é, pois teve RELAÇÃO com HT.
      Se isso é uma regra, então vale para todos.

          • E foi como eu disse, se eu e o Dé estamos errados em classificar o cara como bissexual ou homossexual enrustido, vcs estão errados em classificá-los como héteros….

            pois o hétero seria o 8 ou 80, assim como o homo…

            enfim…acho que vcs entenderam…

            e eu já falei muito..hahahaha.

  3. Max sua linda vc é a Froid das gays, amey o texto, como vc descreve absoltamente os homens que comem as gays depois cospe no prato, tbem da um tapa na cara daquelas que dá que chega chora e fica posando de hetera, so sua fã

  4. Quero saber quem saber quem é a bicha da cst que faz pegação no banheirão…preciso descobrir essa colega de trabalho…kkkkk.

    Mas bem, eu trabalho em um ambiente muito masculino, e claro que entro na onda de machão, falando do campeonato carioca e vendo brasileirinhas com os caras.

    Mas eu percebo nas conversas, nas brincadeiras de vestiário que essa fronteira homo/hetero ela não é muito bem definida por todos. Pelo menos o homoerotismo está presente em muitos, e vários revelam que já “meteram” nas gays. Caras casados, com filhos, diferentes dos caras enrustidos, que sofrem por ser gays, mas vivem com mulheres, o sexo com homens paras esses heteros é diferente, baseia-se só no sexo. Como o Max disse, poderia ser com uma boneca inflável.

    Eu não curto mulher, nunca fiquei com uma, o corpo feminino não me atrai sexualmente. Mas se acontecesse de ficar com uma mulher, isso não me faria menos gay. Da mesma forma esses caras, qndo ficam com um homem.

  5. Rotular é o caminho mais rápido quem um grupo tem pra poder repudiar outras pessoas. Estranho é ver os gays, tão rotulados e repudiados socialmente, fazendo a mesma coisa com essa coisa nova que está surgindo. karma is a bitch, hãn?

    honestamente, nem sequer curto rótulos, é tudo muito temporal e mero reflexo da sociedade preponderante. Prazer é o que voce sente, e se não for crime, não está errado. É de fato necessário definir e verbalizar todas as coisas?

    • Não é nem questão de rótulos…..

      o problema é: vc pode rotular o cara de hétero mas nao pode rotulá-lo de homossexual???? Mas é tudo rótulo….

      … o problema é que na cabeça das pessoas o homo é ruim e o hétero é bom…

      ….aí vcs podem rotular o cara de hétero e eu nao posso rotulá-lo de homo???

      se um cara de transa com outro cara, e sente prazer com isso, não for homo, hétero ele nao é…..

      Talvez, se alguém estudar muito e inventar um novo tipo de gênero, um novo conceito que abrangesse esse novo personagem, aí tudo bem…

      talvez bissexual…enfim…

      hétero que ele nao é.

      • minha indignação vale pra rotulação heterossexual tambem. se um cara transa com outro, ele é apenas um cara que transou com o outro. acho que voce não entendeu aonde eu quis chegar.

    • I don’t know if this is the only reason, but one beneift of being gay is that sex doesn’t entail dinner and flowers. In fact, gay guys pursue the CRAZIEST sexual experiences. I mean, they put on latex leotards and have wrestling matches and things like that. I cannot imagine pursuing these kinds of escapades with women (unless I had a ton of money to pay them to PRETEND to be interested in it).This certainly doesn’t answer the entire question, but it is no doubt a part of the equation.New England Journal of Medicine

  6. Precisamos entender que existe uma coisa chamada Identidade Sexual, que é como o ser se identifica. Eu conheço gays que transam com rachas, mas ele é gay. Porque? Porque ser gay não é somente transar com um homem, é um conjunto de coisas que o identificam como gay.

    A mesma coisa acontece com os heteros. Não é porque ele transou com outro homem que ele é gay. Pois na sua totalidade ele se identifica como um hetero, tem amigos heteros, frequenta lugares heteros…

    Não sejemos radicais ao ponto de que, se alguem comeu um gay é classificado como homossexual também.

    • Fiquei confuso. Você está falando do gay/hétero como comportamento ou do homo/hétero como sexualidade apenas? Pq andar, se identificar, ter amigos e frequentar lugares héteros, não te faz hétero, e vice-versa.

    • Nossa, que confusão… li tudo, e a cada comentário eu fiquei mais atordoado.
      Enfim, na minha humilde opinião, pouco exposta aqui no blog, penso que quando um cara se envolve sexualmente com outro cara, há forte indício de ele ser gay e/ou bi.
      Se ele não for, eu tb não sou!
      Aliás, eu nem sei o que eu sou… mas isso é outra história… Hugs!!

  7. “Sexuality is fluid, whether you’re gay or you’re straight or you’re bisexual…you just go with the flow.” (Shane McCutcheon)

  8. Pra mim ser gay é mais do que gozar,ir pra cama,chupar, se deixar chupar, comer ou dar.
    Pq eu faço tudo isso mas vou além conseguindo amar uma pessoa do mesmo sexo (Ai me sentih a romanticá)

  9. O Max disse tudo nesse post. Eu não sou “assumido” pois não estou fazendo nada de errado e acredito que a vida sexual é de plena responsabilidade de cada um. Moro com meu pai e ele é muito preconceituoso e nem sabe que eu sou gay, quando falamos a respeito do homossexualismo ele e minha mãe já disseram alguns absurdos mas que não me incomodam pq sempre argumento falando o seguinte: Mas o sexo está tão banalizado hoje em dia que não tem sentido as pessoas falar mal dos homossexuais sendo que o MC seiláoque faz um filme pornô em forma de música e todo mundo acha bonito… KKK E eles ficam com cara de paisagem. GENTE, SEXO é SEXO, a partir do momento que vc é independente e responsável pelas suas escolhas, vc é livre para ser o que quizer.

Comenta, beesha!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s