Luto fashion


Antes de começar, todo mundo vestindo seu casquetezinho preto. Vestiu? Um dos mais talentosos e fechativos estilistas da atualidade o inglês Alexander McQueen (aquele dos sapatos maravilhooooooosos). Ele tinha 40 anos e foi encontrado enforcado em sua casa, em Londres.  Ao que parece, ele não superou a morte de sua mãe, que aconteceu dias atrás.  A sua nova coleção feminina seria mostrada por ele hoje, na New York Fashion Week. Ou seja, a tendência pra hoje é preto!

Bee, eu tô arrasada! Aliás, eu, você e ela:

“Me deixa. Tô péssima!”

Via PapelPop.

8 comentários sobre “Luto fashion

  1. Aqueles sapatos vão fazer falta.
    Realmente, é uma lástima a morte de McQueen.
    O mundo da moda ficará totalmente desfalcado agora, pois ele com certeza era único e seu espaço será dificilmente preenchido.

  2. Gato, McQueen já havia cancelado sua participação na nova semana de moda de NY (que não é a oficial) e as semanas que ele desfila, Londres (com a marca mais baratinha) e Paris com a Alexander McQueen, são em Março… ficadica ou joga no Google. Bjo

  3. A vida é uma peça de teatro que não permite ensaios. Por isso, cante, chore, dance, ria e viva intensamente, antes que a cortina se feche e a peça termine sem aplausos.

  4. Olá, blogueiro!
    Tudo certo?
    Um grande amigo meu de Cuiabá me falou de seu blog e de suas sacações ao escrever sobre temas interessantes e atuais há algumas semanas e, desde então, sempre encontro um tempo durante meus dias para dar aquela conferida nos seus relatos, pois, é garantia de boas risadas e, na rebarba, sempre há informações muito úteis!
    Sou natural de Santa Catarina, fui criado no RJ, mas, atualmente, estudo na República da Irlanda, especificamente, em uma cidade chamada Cork – fica bem ao sul deste país. Faço meu trabalho a partir daqui de casa. Por aqui, muita neve e chuva, aliás, chove diariamente, mas, no final das contas, é um local bem agradável. Embora esteja muito distante de todas as maravilhas que temos no RJ e em todo o Brasil…
    Gostaria de parabenizar vc por sua inteligência e perspicácia na criação de seus posts, no entanto, com todo o respeito que tenho por vc e por seu trabalho, carinhosamente, faço um comentário (na verdade, é uma pergunta): vc realmente pensa ser necessário incluir palavrões em seus posts? Se é que posso, queria pedir a vc que refletisse sobre isto, pois, seu trabalho e inteligência são tão latentes que tenho o atrevimento de dizer que o sucesso que faz seria o mesmo ou, quiçá, maior. Veja que vc já é conhecido aqui na Europa, pois, já citei seu blog para todos os meus amigos (que gostaram bastante, diga-se) daqui, do Brasil e de alguns outros países.
    No entanto, sem palavrões (pelo menos explícitos), tenho a impressão de que vc alcançaria um público bem maior, sem contar que alguns veículos não o incluem em seus posts/artigos por haver tais palavras.
    Infelizmente, este é o meu caso, pois, meu editor não me permite citar seu blog em meus escritos, o que me deixa bastante frustrado. Desta feita, quero dizer que não sou e tampouco aceito hipocrisia, mas, há muitas e muitas maneiras de falar a mesma coisa com diferentes palavras, certo? Inteligência e criatividade não faltam a vc, então, não seria tarefa das mais difíceis.
    Além disto, quero pedir a vc permissão para incluir o seu “Pê-ésse” em meus escritos profissionais, pois, no que se refere aos pessoais, este neologismo já foi incluído e está causando bastante barulho entre meus amigos, colegas e familiares. Caso vc prefira não permitir, basta dizer. Não posso, por exemplo, pedir a vc um post/artigo sobre um tema relevante ao seu nicho de atividade, pois, ao citar a fonte (o que sempre faço), certamente, nossos leitores acessariam o “Babado Certo”, o que vai de encontro às diretrizes de meu editor e de todos os editores das revistas/sites de toda a compania. Como ele disse quando apresentei o “Babado Certo” a ele: “nossos leitores não precisam de palavrões (…) eles precisam de informações e diversão!” – Uau! Exatamente o que o “Babado Certo” fornece! Já li quase todos os seus posts, mas, há aquele grande impedimento.
    Tenho que destacar sua incrível criatividade quando escreveu: “(…) A sua nova coleção feminina seria mostrada por ele hoje, na New York Fashion Week. Ou seja, a tendência pra hoje é preto!” – “Luto fashion” – “Babado Certo”. Infelizmente, a notícia não é agradável, mas, a maneira como vc finalizou seu post aliviou todo o mal estar causado por ela, algo que não vi em nenhum dos outros inúmeros escritos que li sobre o tema em diferentes meios de comunicação.

    É isto, caro blogueiro. Parabéns, uma vez mais!

    T. Oliveira

    Pê-ésse: caso vc sinta qualquer coisa diferente de um grande elogio ao seu trabalho após ler meu comentário, peço a vc, gentilmente, que me responda, pois, minha intenção é unica e exclusivamente elogiar e pedir a vc que reflita. Não estou em posição de fazer qualquer crítica, pois, não sou crítico – sou um narrador, assim como vc. Grande abraço!

Comenta, beesha!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s