Salvem a Antimofo


A Antimofo é uma das festas alternativas mais famosas e importantes do estado e é reconhcidamente gay friendly. Ou era. Ou deveria ser. Enfim,  aconteceram coisas bastantes desagradáveis em sua última edição, no sábado, no Ilha Acústico. Ficamos sabendo por um de nossos leitores nos mandou um link para o orkut onde a Mariana reclamava do fato. Trecho:

Estou até agora embasbacada. Devia ter ficado bem claro qual o tipo de público que a Antimofo possui.
Toda a festa bonita e animada perdeu sentido depois que vi o segurança separando dois meninos que estavam ficando e piorou quando uma amiga ainda sem acreditar veio me falar que a segurança, enquanto ela ficava com uma menina simplesmente foi lá e falou que “a casa não permitia isso”. Ela perguntou: “isso o que?” e a segurança: “duas mulheres se beijando”. Depois disso a segurança ainda disse que ficaria ali, ao lado delas enquanto elas não saíssem dali e parassem com aquilo.

O Ilha Acústico é um lugar legal, mais uma vez a festa ficou foda, mas se for pra crescer e perder a essência, eu prefiro o Centenário, prefiro o Teacher’s mesmo com todos os problemas.
Vi vários casais heteros praticamente se comendo naquele mesmo muro, e não fizeram nada! Por que não foram separar também?

Olha, Mari, eu também fiquei trege! Não só pelo fato da Antimofo ter essa tradição de convivência pacífica entre gays e heteros, mas acredito que NINGUÉM tem o direito de selecionar em uma balada (seja ela qual for) quem tem o direito e trocar carícias ou não!!! Isso é absurdo. Eu, no lugar delas bem faria a Vanessão: “Chama a pulicia, chama a pulicia!“.

42 comentários sobre “Salvem a Antimofo

  1. Totalmente absurdo isso que aconteceu. Acho que independente de cor, etnia, opção sexual, todos deviam ser tratados da mesma maneira. Principalmente se tratando de uma casa empreendedora, a qual depende de seu público para funcionar. RESPEITO É O MÍNIMO QUE PODERIAM TER PELOS CLIENTES!
    Não aconteceu comigo, mas não consigo ver uma coisa dessas de ficar quieta.
    Agradeço pelo apoio do blog.
    Abraços!

  2. Só digo uma coisa: Se não foi atentado ao pudor – o que não foi MESMO – o segurança tinha mais era que ficar quieto.

    Mas não foi culpa e muito menos negligencia da Antimofo. É foda o Rike ou a Dessa terem que AVISAR pro estabelecimento que eles são gay friendly e não praticam nenhum ato de restrição contra a opção sexual das pessoas. Não tem que avisar… Saca? Avisar já é reconhecer uma possível atitude de restrição, que não deveria ter ocorrido. Não deve em hipotese alguma ou lugar algum. Então o único errado dessa história é o FDP que deu as ordens pros seguranças.

  3. Isso aí, Manu, se alguém tem culpa por essa ATROCIDADE é o responsável PELA CASA naquela noite. E acho que qualquer estardalhaço que fizermos É POUCO!

    Só sei que, de minha parte, esse babaca do Ilhacústico não ganha mais um centavo do meu bolso.

  4. conteceu no sábado a festa do Antimofo e fiquei irritado em saber que vários homens e mulheres estavam aos beijos e alguns passando dos limites em alguns muros do local, enquanto gays e lésbicas nao podiam Sequer se beijarem sem serem advertidos por seguranças. Por que isso ? Pagamos da mesma forma, tenho TOTAL DIREITO.
    Sorte que nao fui abordado, pois se dois cidadãos ( homem e mulher ) estavam se beijando e nao foram advertidos, porque dois homens seriam ? Ficaria ai claro uma ato de DISCRIMINAÇÂO cabendo um processo contra o estabelecimento resultando em indenização.
    Um aburdo o que fizeram !
    Se a segurança foi terceirizada ou nao, isso nao os isenta de responsabilidade. Preparem melhor seus seguranças ou quem contratam. Nao sou melhor nem pior do que ninguem. Exijo o mesmo tratamento. Se um hetero pode beijar numa festa, o gay também pode.
    Acho que o episódio da “Casa” foi um exemplo para todos.
    Lamentável a atitude de vocês.
    Em um blog gls do estado do Espírito Santo, chamado Babado Certo, já está rolando os comentários sobre o ocorrido e talvez a indignação aumente ainda mais para alguns frequentadores.
    Pena o que aconteceu, a casa perde com isso, seja com clientes ou eventos.

    Mandei um recado para o Ilha Acustimo, quem puder ajudar mandar também seria bom. Imagine vários emails criticando.

    Bom, fiz minha parte.

    Appelez-moi des baisers ! ! !

  5. A festa foi fantástica.
    Agradeço a todos que foram, sem vocês à festa não aconteceria.
    Obrigado pelo a todos que de alguma forma ajudaram, a todos envolvidos.
    Infelizmente tivemos um ocorrido chato no final do evento. Devemos deixar bem claro que a Antimofo condena qualquer tipo e forma de preconceito e discriminação contra qualquer pessoa e sempre prezou em suas festas o respeito perante a escolha individual de cada. Mas admite que tem algumas pessoas e estabelecimentos que ainda não assimilam bem isso. Os seguranças do Ilha Acustico não foram contratados pela Antimofo, sendo seguranças do Ilha ao qual tivemos pouca autoridade. Quando questionado pelo fato no momento do acontecido a gerencia da casa repassou que a casa não permitia, que tinha Alvará nas costumes e diversões que permitia a inibição entre gls…
    Peço desculpas em nome da Antimofo aos envolvidos e a todos que assim como eu ficaram indignados. Realmente lá não era a nossa casa e nem nossas regras.

  6. Eu fiquei indignado com toda essa situação.
    Já deixei minha opinião na comunidade do Antimofo.
    A festa foi tão boa, é realmente uma pena isso ter acontecido.

  7. “…que tinha Alvará nas costumes e diversões que permitia a inibição entre gls…”

    MEU DEUS.. em que mundo vivemos? Como a casa pôde ainda procurar um argumento para se defender depois dessas infelizes atitudes e ainda se apoiar em um documento teoricamente legal?

    *que permitia a inibição entre gls*

    Quanta vergonha meu deus, dor imensurável, mesmo.

  8. Quando questionado pelo fato no momento do acontecido a gerencia da casa repassou que a casa não permitia, que tinha Alvará nas costumes e diversões que permitia a inibição entre gls…

    Um DOCUMENTO que proibe a relação afetiva ( nota-se, nao disse bacanal e sexo explicito) entre a galera gls?

    PQPPPPPPPPPPPPPPPPP……….

    Tenho que sair com um taco de baseball na mochila…

    FATO!

  9. Acho que deveriamos organizar um “beijaço” LGBTXYZ no Ilha Acústico.
    Ano que vem, em qualquer festa bem HT deles, nos organizarmos, irmos em no minimo 30 pessoas e nos beijarmos lá, na frente de todos! quero ver qntos seguranças serão necessários para separar!!

  10. Achamos um absurdo o acontecido, nossa equipe entrou em contato com as amigas da Secretaria de Direitos Humanos da Prefeitura de Vitoria (Marcia e Nina) e eles acharam uma absurdo tambem, obtivemos o numero de telefone da Advogada responsavel por casos como esses!!

    Maria Jose e o nome dela, as pessoas que se sentiram lesadas com o acotecido poderao ligar para ela no expediente de 07:00 as 19:00 e se informar do procedimento para causa processual!!

    Dr. Maria Jose
    3382-5391 – Prefeitura de Vitoria

    arraze beshas se joga a lei ta com vcs!!!

  11. Houve discriminação igual a das travas barradas na Casa Club, não importa se segurança Teceirizada ou não a responsabilidade e de quem os contratou , e segundo a Informação da Dr. Maria Jose o tal Alvara de Costumes e Diversão não fala nada sobre inibição de tais atos!

  12. Ao Entrar em Contato com a Direção do Ilhas Acustico eles diserão que tal acontecimento não procede !!! ixe, isso ainda termina em Bafon!!

  13. Gente, é aplaudível ver tamanha mobilização na internet. Temos que bater o pé firme mesmo. Sugiro que as envolvidas no caso entrem em contato com Dr. Maria Jose da Prefeitura de Vitória junto com um advogado e esclareçam TUDO a respeito desse alvará, e já que testemunhas não faltam, um processo seria muito bem vindo. Foi muito bom relembrar o caso das travestis que também foram hostilizadas na Casa Clube. Caso as meninas envolvidas queiram, acredito que não será dificil reverter esse situação a favor delas. Ju Dadalto, discutir o assunto é sempre bom sim, mas apenas mobilização virtual não basta, precisamos de ações reais também. Eu sou super a favor de um Beijaço coletivo no Ilha, quero ver eles colocarem vários casais pra fora. A união faz a força.

  14. Que preconceito bobo. Na verdade não deve existir público certo ou errado numa balada… quem ta alí, foi pra se divertir, se você achar ruim, pode ir procurar um tipo de divertimento.
    Processo na bunda deles.

  15. Bom, os seguranças são contratados pelo Ilha, não tínhamos muito o que fazer.
    Após o ocorrido, fui até o palco, e falei ao microfone o que eu achava da situação, que era ridícula e que no momento o melhor seria todos permanecer calmos. Deixei claro que lá não era nossa “casa”, mas cobraria a liberdade garantida pelas leis.
    Nós da Antimofo estamos dispostos a ajudar quem foi prejudicado e garantimos que por enquanto, até resolver esse problema, não iremos realizar festas onde a segurança não for contratada por nós.
    Espero que esse problemão, não afete todo o resto, pois a festa foi incrível, os shows, os DJs, a decoração, iluminação, cerveja gelada, até São Pedro ajudou.
    Foram 6 anos para realizarmos uma festa em um local maior, isso prova que damos 1 passo de cada vez. O Centenário, Teacher’s, Pin Up e o Praia Tênis sempre nos receberam bem e sempre vão nos receber.
    Não vamos mudar, nunca admitiremos nenhum preconceito. Respeito em primeiro lugar.

  16. que bom que o Rike organizador do evento falou no microfone, todo ganham nesse processo todos foram discriminados. deveria-se combinar ligando para Dr. Mari Jose um horario para que ela toma as medidas cabiveis, ararzem beshas vcs estao com todo direito!

  17. “…que tinha Alvará nas costumes e diversões que permitia a inibição entre gls…”

    eu ainda não posse crê que isso existe.
    Não consigo engolir os fatos e nem os argumentos. Nada procede.

  18. Engraçado que consumo de drogas ilícitas eles permitem, pelo menos é isso que dá pra perceber nas festas de lá (momento alfinetadjynha), e um beijo não pode? OI?

    Gente que situação HORRÍVEL… as pessoas não sabem o quanto dói não poder nem fazer um carinho em público. O sentimento de rejeição pra mim é tão grande que fico com vergonha. Adorei a mobilização do povo, to me sentindo mais feliz 🙂 !

    Que vergonha Ilha! Por mais que já tenham um tempo de experiência acho eles tão amadores, sempre que frequento as festas de lá percebo defeitinhos crassos!

  19. Ai não tô boa não depois de que soube desse absurdo
    gentem to revoltada juro,que coisa lamentavel.
    o pior é que isso não é só aqui.
    li uma reposrtagem de um casal que foi expulso de umafesta na usp após se beijarem
    meu deus que país é esse?
    não podemos deixar isso barato não,temos que de alguma forma,mostrar a els que nós não estamos errados e sim eles em um ato dicriminatório como este.

    abraços a todos

    p.s: até o beijaço coletivo só de raiva eu to apoiando..pronto falei

  20. Gostaria de Ficar Informado sobre a proucura da Dr. Maria Jose na Prefeitura e sobre entrada em ações judicais!! so para saber se vai ficar somente no falatorio ou sem alguem vai levar afrente isso tudo? afinal quem errou tem que pagar segundo a lei!

  21. É realmente lamentável o acontecimento.
    Talvez assim, com essa mobilização, algumas pessoas vêm a compreender realmente intuito da parada gay e comecem a levar a sério.

    A mobilização tem que ser maior, fora do âmbito virtual, com um beijaço, ou até mesmo protesto em frente ao Ilha. Devemos chamar a atenção da população e dos governantes.

  22. Palhaçada total, o mais engraçado é que o dono do estabelecimento possui um aqui na Barra do Jucu e já rolou festas com o tema Gay, é claro que não vinculado com o espaço, o espaço foi só alugado, os garçons não foram os da casa, a equipe de som tbm não, enfim, compraram umas horas e fizeram um lugar para aproveitar-se o momento.
    É repugnante, ainda mais numa festa como é Antimofo. Enfim, vão as fezes esses seres… Eu beijo, bem bonita, e quero ver quem me tira.

Comenta, beesha!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s