Pintosa Pride! Orgulho de Ser Pão-com- Ovo!


Beijumeliga, bee!

Beijumeliga, bee!

Confesso que estou meio decepcionada, chocada e um pouco triste com algumas  coisas que leio aqui nos comentários. O preconceito contra bichas feias, pobres e de cabelo ruim é cada vez mais aceito no mundo gay. Gente, olha que coisa absurda! A gente sai da Move/Heaven e leva porrada dos Hts e machistas que se acham normais e o padrão social. Dai quando a gente está lá dentro faz o mesmo. Estamos criando um padrão de gay que quase ninguém pode atingir.

Vejamos alguns requisitos básicos:

– tem que morar bem (tem que ser em Vix em JP, PC, MP ou JC, melhor ainda se morar nas Ilhas do Boi e do Frade); dá ainda pra aceitar as bonitas de Vila Velha, no máximo da Praia da Costa e Itapuã; Serra e Cariacica, jamaiiiiiiiiiis!
– tem que ser bonito, de dar invejas nas outras beeshas; principalmente tem dar inveja nas outras;
–  tem que ser sarado, malhar muito, nunca um gordo;
tem que fuder bem, logo tem que ter a pica grande ou uma bunda dura com marca de sungão;
– tem que ter roupa de marca (lojas de departamento jamais, no máximo Zara) e as cuecas tem que ser Calvin Klein e BRANCAS, no máximo uma Cavalera ou Zoomp;
–  tem que ser brozeado, pele sem acne;
– tem que ser viajado e de preferência para Europa ou América Anglo-Saxônica, no Brasil talvez no Rio (reveillon), Floripa (carnaval), Sampa (na Parada) e Buenos Aires, que já é quase uma cidade brasileira  (no inverno);
– tem que ter bons amigos (famosos, ricos e influentes);
– tem que chegar na boate em um bom carro, no máximo um táxi;
– tem que ser muito másculo, nada afeminado. macho até embaixo de outro macho;
– tem que passar despercebido na rua, daquele estilo que ninguém desconfia e agradecer quando falarem “você nem parece que é gay”;
– tem que ser hiper discreto, só amigos mais próximos podem saber;
– tem que ter namorado e se for solteiro não pode fazer pegação;
– tem que beber bebida cara, mesmo que seja cerveja que seja a mais cara e se beber refrigerante que seja ligh/zero;
– tem que ir sempre nos restaurantes mais caros e na moda;
– tem que ter sempre um bom corte de cabelo;
– tem que ter sempre um bom tipo de cabelo, pele, dente e pau (de novo);
– tem que ser liso, depilado, no máximo pelos no peito bem aparados;

Pago meu Kolene, e ninguém tem nada com isso!

Pago meu Kolene, e ninguém tem nada com isso!

Nossa a lista ficaria enorme… Agora, eu pergunta quantos de nós realmente preenchemos metade desses requisitos? Quantas pessoas assim nós conhecemos? Por que a gente exige dos outros características que muitas vezes não temos e que eles não estão a fim de ter. Eu fico imaginando como as pocs, pão-com-ovo, quá-quá são felizes. Vestem-se como podem, se corportam como querem, pintam e borda, andam de Transcol e ainda fazem zona! Genthy, reparam como as finas sempre estão com cara fechada e de poucos amigos? Agora, olhem para as pintosas? Sempre felizes! Se eu saio de casa, é por que quero diversão, rir, beijar na boca e ser feliz sem me importar com ninguém. Já basta a sociedade homofóbica, machistas e classista que a gente encontra fora da boate.

Outra coisa. Cada um de nós gays, travas, sapas e o que for devemos muito as pintosas. Sabe por quê? Porque são elas que apanham dos pit-boys, dos homofóbicos, são motivos de chacota na televisão e são sempre humilhadas. Se hoje, a gente tem o mínimo de liberdade é por conta das pintosas rechaçadas que foram as ruas protestar e lutar contra o preconceito. Foram as pintosas e pobres, as maiores vítimas, que dizeram basta ao gueto. As ricas e bonitas tinham grana para viajar e fingir que o mundo era perfeito. E não é agora que a gente minimamente pode ser assumir que vamos ter que seguir um padrãozinho qualquer e pior, exigir que as pintosas fiquem másculas! Viva as pintosas! Elas arrasam!

E por fim, Eu adoooooro mortadela. Seja metafora ou não. Quanto mais pesada e grossa melhor!

63 comentários sobre “Pintosa Pride! Orgulho de Ser Pão-com- Ovo!

  1. Repito o que disse”…estou vendo muita coisa ser dita nesses comentários, e agora foi a gota. Peço que tenha um pingo de discernimento ao falar sobre certos assuntos. Tenho medo de ver um “gay” tendo esse tipo de postura. A divisão dentro de um grupo que já sofre preconceito externo talvez seja pior que as cabeças de fora que tentam pintar um mundo apenas no preto e branco. Sobre mortadela…Admito que adoro um pão com mortadela, e te convidaria, isso se você não fosse desses que tem vergonha de negar algo tão tradicional em nossa cultura.Sou descendente de italiano e gosto de mortadela mesmo!Espero que pegue essa pequena metáfora! Adoro a verdade das fervidas “mortadelas” enquanto nós colocamos a nossas bundas em muitos armários por ai, elas se divertem em qualquer lugar, sem medo de dar pinta e jogar em nossa cara que ser gay e deveria ser não ter vergonha de agir como tem vontade. Se você não age como elas , normal, respeito isso e sei que cada um vive a sexualidade de uma forma Vamos respeitar as diferenças, seja ela cultural, social ou econômica.Respeito acima de tudo.Precisava falar isso!Engasgado…”

  2. (eu sou o Joaquim tah pessoas, agora numa Vibe reloaded)

    concordo com oq a Tchynna escreveu, com q o Pedro falou. concordo nao só pq NAO me enquadro nos requisitos basicos (acho q nao me enquadro em nenhum hahaha), mas msm assim nao ligo de ser oq sou. nao sou pintoso, mas nem por isso escurraço uma na rua quando vejo. posso desaprovar sua atititude, seu jeito de vestir, de agir, mas descriminar pq? no fundo somos iguais, somos dois gays. cada um a seu modo. essa discussão não se estende somente ao mundo gay, tem discriminação no mundo hetero, e naum sou eu q vou enumerar aqui. mas como eu vou apontar pra alguem e humilha-la se no fundo eu sou igual a ela? no fundo no fundo, muita gente fala mal das pintosas e PCOs pq adimiram a sua coragem de nao se importar com o mundo e ser feliz, coisa q as recalcadas metidas a ricas do suburbio nao tem.

  3. ‘O ovo frito, caviar e o cozido
    A buchada e o cabrito
    O cinzento e o colorido
    A ditadura e o oprimido
    Prometido e não cumprido
    E o programa do partido
    Tudo Vira Bosta’

    Já dizia Rita Lee.. Ñ preciso dizer mais nada ;*

  4. Ta certo. Eu sou fino e rico e sei que devo muito às pintosas pois eu nao teria coragem de mostrar a cara protestando contra preconceito, essas coisas… o pouco que os gays conquistaram se devem às pintosas. Nao é o tipo que me atrai na boate mas respeito-as

  5. O pouco não, o muito! E sejamos francos em não creditar somente as pintosas.O respeito é a chave do sucesso de uma bill phinna.

    O lance é enxergar pessoas e não roupas ou se bebe Chandon ou cerveja.
    Fica a dica!

  6. 1º – Moro em campo grande e posso garantir a mta gente q o lugar q sei q mora mais besha bonita é Cg, tanto é q 4 gogoboys q foram ou são da MOVE moram em Campo Grande. Ou seja, aqui tem mtaaa gente bonita, principalmente pq a maioria é são descendentes de Italianos. Aqui é MAra e nao aceito q falem mal do meu Bairro.
    2º -” Tem q ser Bonito e malhado ? N pode ser gordo ?” Conheço mta gente q nao sente tesao nenhum por Barbie ( Bombados afeminados, com maquiagem na cara). A beleza nao é o principal, nao é a unica coisa, existe todo um universo de caracteristas num ser humano, q em conjunto te deixa atraido por ele ou nao. Se apenas a beleza é o q importa pra vc, na boa, vc tem sorte, pq eu e mta gente nao ve desta forma. As vezes o cara é feioo pakaramba, mas outras coisas ( o modo de agir, o olhar, o sorriso, ser safado ou sei la o q ) já lhe atraem. As vezes o cara é perfeito fisicamente, mas algo q ele fez nao te agradou. Ou seja, depende do gosto de cada um. Obs.: Conheço um cara magro e q nao é feio e só curte homi de 120 kg pra cima, ou seja, se vc for apaixonado por ele, pode malhar o qto for q ele só vai te desejar menos ainda.
    3º – Tem q ter Roupa de Marca ?? uashaushuas. Hellow gata, do q adianta vc ta com roupa da Calvin Klein , Fórum, BillaBong, Ellus, Colcci, Lost, Lacoste, Armani, DIor, TNG, MCD, PUMA, M. Office, Triton, se vc nao atraiu o carinha. Nao é a marca q vai deixar vc atraente e sim seu jeito de ser, sua aparencia, seu carisma, seu ESTILO de ser ( sendo pintosa ou nao). Sua roupa de marca só vai deixar VC mais feliz, seu ego maior, sua auto estima elevada. Em nadaa a MARCA afetará o carinha q vc quer pegar. Só se ele curti o mesmo tipo de ropa q vc esta usando, mas isso seria só 10% do seu sucesso pra conquista – lo
    4º – Onde ta escrito q tem q ser Bronzeado ? :S Eu particularmente detesto Sol e calor, e nao do a minima se o cara é bronzeado ou nao. É indiferente. E conheço mta gente q adoraa branquinho, nao gosta de caras bronzeados. Já a ACNE achu apenas uma falta de cuidado com a pele. Descuido, desleixo.

    *** achu q todos já perceberam q por mais q tentem, nao existe um PADRÃO pra ser homem perfeito. Existem gostos e gostos em todos os QUESITOS ( branco, bronzeado, preto,rico, pobre, forte, gordo, feio, bonito, pintosa, machinho) e variam de pessoa pra pessoa. Daquele jeito ou deste jeito, sempre terá pessoas q irão gostar e pessoas q nao irao gostar. Pra cada homem existe um gosto. Claro q a maioria gosta de homens bombados e/ou bonitos , mas nunca será 100% das pessoas, nunca.***
    5º – Viajado eu sou, porem nao pra lugares gays. Sempre fui em familia ou excursao de escola. Agora to loka pra viajar e conhecer lugares gayssss. Mas achu q isso nao tem nada a ver
    6º – ” tem que ter bons amigos (famosos, ricos e influentes) ”
    Se isso é algo como uma OBRIGAÇÃO, achu q aí já se constata q nao é uma amizade. Amizade é qdo vc se identifica com a pessoa, tem afinidade. Alguem qrer ser seu amigo só pq vc tem dinheiro ou é famoso, nao é amizade e sim interesse pelo q vc tem. Nao consigo imaginar alguem q detesta, nao suporta aquele cara, porem só pq ele tem dinheiro ele continua andando. Ainda bem q nao sou rico, ou seja, se andam comigo é pq gostam e pq sou LUXO asuhasuhasu. O chato de quem é rico é q nunca sabem se tao andando com ele pq gostam dele ou pq gostam do q ele tem. Foda né
    7º – Ninguem esta imuni as ” pintas ” por mais machu q tente ser, sempre da umas pintas, umas escorregadas. Eu e meus amigos adoramos brincar de dar Pinta, a gente RI mtooooooo. É mtoo mais divertido assim. Claro, sem chamar a atençao e depende do lugar tbm né, mas q é foda éééé
    8º – Nessa questao de ser Discreto, machu, parecer q nao é, é complicado falar. Já vieram dentro da boate, mais q uma vez, perguntar se sou HT ( homem nao conta, pq isso é CANTADA barata pra jogar ideia em vc, pelo menos eu acho). Foi mulheres mesmo qrendo ficar comigo ( Nuss, credu, sai fora, socorro ). MAs realmente essas coisas mexem com vc, com seu Ego. Ao mesmo tempo de ser legal, eu, mta das vezes, achu uma desvantagem. Na ruas, bares, festas etc tem mtos caras machoes,lindos, Hts mesmo q curtem pegar um gay só pra um sexo e nao chegam em vc por pensar q é Ht ou simplesmente por vc nao dar tanto na pinta. Todo mundo sabe q as PINTOSAS sao as q pegam mais caras machos, mais HTs, pq elas deixam bemm CLARO o q elas sao e do q gostam. Ja os mais discretos, eles nao chegam ou jogam ideia pq pensam, talvez, vc vai qrer come – los tbm. Já observou que, Pintosas, bixinhas e ,principalmente, as Travestis, nao frequentam MTO boate gls – se vao é uma vez ou outra- pq elas gostam mesmo é de frequentar lugares Hts, pois sempre conseguem caras foras do meio. Pegam Hts q nao conseguiram pegar ninguem naquela noite( em forró, baile funk, festas grandes e bairros de periferia isso é de lei) eheheh

    9º – No meu caso, concordo q só amigos proximos tem q saber mesmo. Nao tenho q dar satisfaçao da minha vida pra ninguem. Ou por acaso vc chega num local e ninguem te perguntou nada e vc diz ” prazer, meu nome é Inhaêêê , eu sou gay”. Seria a mesma coisa q alguem chegar pra vc e dizer: ” prazer sou fulano e sou Hetero “. Vc ia pensar o que >> ” E o q eu tenho a ver com isso ? Alguem te perguntou algo ? “<< A mesma coisa se pensa qdo vc chega e diz q é gay pra um conhecido ou um desconhecido. É desnecessário ficar falando isso pra alguem q vc nem conhece. Achu valido contar só pra amigo mto proximo e se vc quiser tbm, nao deve se sentir na obrigaçao de contar só pq é amigao seu. Claro q tem os q nao da pra esconder, ai é outros 500, nao precisa contar ou perguntar, já se nota de cara e o pessoal nem liga. Mas achu q vc contar ou nao Depende mto do meio social em q vive, como sua familia é, seus amigos. Todos esses problemas. POr isso q nao critico ninguem, nem assumido nem Enrustido, pq cada um tem seus motivos, seja em casa, no trabalho na facul, com amigos. Conheço gente q nao pode se assumir pq prejudicaria a Carreira. Outros por causa da igreja. Outros pq os pais tem problema de saude, e a saude piora com o nervosismo e o stress, ou seja, se contar pros pais a saude piora. Isso mostra q nao conhecemos a REALIDADE de ninguem e nao sabemos o motivo de serem assumidos ou, principalmente, enrustidos. Por isso nao devemos julgar ninguem.
    10º – Detesto Cerveja, só bebo guaraná antártica, ou bebidas quentes ( vinho, caipirinha, tequila etc ). Adoroooooooo

    Conclusão: Adoroo as beshas poc poc, elas sao mto hilárias, divertidas, pq elas sabem ZUAR com força e eu me poco de rir, nao delas, mas com elas. Tanto é q eu adoro show de Drag. Silvete Montila é Fodaaa e as “poc poc” sabem zuar tanto qto essas Drags Famosas. Só q achu q tem q ter bom senso, pq da mto bem pra ser bixinha e nao ser escrota. Pq HETERO ou GAY escroto é ridiculo. Nao achu legal quem fica julgando beshas AFEMINADAS, ainda mais qdo quem fala da tanta pinta qto elas. Vc nao gostar de ficar com uma bixinha pra fazer um sexo, por nao sentir tesao, é uma coisa, pq ninguem é obrigado a ficar com alguem q nao sente tesão. Agora discriminar, julgar alguem, se achar melhor só pq ela é bixinha nada a ver isso… E concordo plenamente q se o preconceito diminuiu é por causa das pintosas. Claro q por causa delas as zuaçoes, chacotas, piadinhas atingem a todos os gays. Entretanto, graças a Elas, q tem coragem e saem dos guetos e frequenta mesmo lugares Hts mostrando q sao gays e pessoas normais conseguiram uma maior aceitaçao, respeito e por ultimo, mas nao menos importante, a TOLERANCIA da sociedade. Viva as bibass… Arrasa gatas ! ! !

  7. Eskeceu de falar do preconceito atrelado a cor também. Vc tem q ser rica, bonita e de preferencia kaukasiana, e for ‘chegada na cor’ tem ser ativa, pq ainda temos o mito dos negros bem dotados. Se for pobre, feia, mal vestida e negra… ai o pacote tá completo pra rolar solta a discriminação. Falo isso pq sei é tá!

  8. Pontos q esqueci …
    11º – Tbm nao adianta ta com ropa de marca e ser brega. Tem gente q tem dinheiro, só usa ropa de marca mas anda ridiculamente e acha q ta arrasando. Tem dinheiro mas o gosto é breguissimo. E questao a PIRU GRANDE… aushausasuhas. Tem gente q adora piru grande, tem gente q detesta, depende mto de cada um. Tem uns q o pau é tao grande q chega até a ser estranho, nojento. Vai de cada um esses gostos.

  9. Realmente CAFUÇO… o q vc disse é verdade ” Se for pobre, feia, mal vestida e negra ” e ainda por cima ser gay nuss . ME desculpe, mas se uma pessoa é tudo isso ai, PQP, eita azar ein. Mas no Brasil e no Resto do mundo, menos q nao admitam, ser branco é questao de Status, e ser negro já se associa a pobreza e a favela. Diga q nao é verdade ? Tanto é q se vc for numa formatura, numa festa e só, só tiver negros na festa vc vai pensar oq ? Nuss q festa q só tem pobre. A midia, os jornais, a sociedade, os proprios negros fazem isso ocorrer. Tenho algumas amigas e amigos q detestam ser negros, mas como tem dinheiro, percebo em alguns comentários etc q qrem ser associados a brancos. Tem pessoas q nem acreditam qdo veem a casa deles, pq pensam q só pq sao negros, tem q morar em casa pobre etc. Mas acho tbm q é um pouco de comodismo dos negros. Se o cara trabalhar, estudar mto já diminui dois pontos q vc falou : ” pobre e mal vestido “. Isso se tornou mto mais facil hj em dia de se contornar , pq as oportunidades e as politicas publicas implantadas pelo governo, tanto municipal, estadual e Federal estao explodindo por ai

  10. Eu ia deixar um comentario mas parece que ja falaram tudo.
    A proposito…
    Pelamordedeus, comentarios mais curtos por favor, ou entao criem um blog pra vcs.
    Muito franca.
    Pronto falei!

  11. Mas o que ocorre na realidade é: O MUNDO GAY É UM MUNDO DE APARÊNCIAS! Por mais que existam gays que não ligam para nenhum dos pontos mostrados anteriormente, a maioria acham importante um corpo, uma condição, uma aparência. Tanto que é visto muito facilmente a busca por isso. Cada um tem que se aceitar como é ou melhorar aquilo que não o satisfaz. Não é marca de roupa, corpo sarado, cor ou quaisquer que forem os motivos que farão o caráter de um gay. Se junte a pessoas com seu estilo e seja FELIZ! Independente se for com Kolene ou L’oreal, ELLUS ou Clock House, eau de perfum ou “AVANÇO” !

  12. Nusss queridinha, concordando com Pedro, vc fala em. Depois que li o seu “comentário” tive que respirar fundo, tinha perdido o folego. Mas Inhaêêê, concordoo plenamente com a senhora, esta certissima, palmas para a Bee, explicou direitinho o que acontece no nosso meio, é isso aee Bescha arrazou. Alias, a matéria ta um luxo, Tchy parabéns linda, arrazou tb. Temos que respeitar para ser respeitado. bjim a todas essas glamurosas e porpurinadas :*

  13. ahsuaushasu o comentário foi grande pq dei minha opiniao sobre cada tópico q a Tchyna disse ( sem graça ) asuashaushasuhas. Um sugestão pra Tchyna>> Gata pq vc nao faz umas matérias pras Sapas ein ?? Lugares q elas frequentam, girias, lugares de pegaçoes delas. Achu q elas sao mei carentes dessas informaçoes , ou se sabem, o viadero nao sabe ehheehe. Ahh tenho uma dica pra Vc MATAR AQUELA racha, sapa qdo vc ficar com ódio dela. Qq lugar vc mata ela, num buteco mesmo se consegue isso. Vai lá dentro e pega um pacote de SAL e joga na perereca, vc vai ver uma SAPA estribuchada em poucos minutos… aushuashu ( MALLL ). E nem adianta qrer matar um viado, pq viado nao morre gata, vira porpurina, no meu caso, como sou LUXO, eu viro Cristais Swarovski. Tchyna se vc acatar a minha opinião, arrase na matéria . Bjuuu

  14. Me agradaria muitissimo ver um post tao bem comentado voltado ao publico gay femino, ou mesmo ao publico gay em geral feminino e masculino. A ceninha gay nao é tao separada assim, a nao ser na hora da pegaçao mas tirando isso estamos sempre juntos sapas e beshas juntas no rock, nas causas socias, nas amizades…No fim sempre estamos juntos.

  15. Lolo…Adorei seu comentário!
    Por seu um blog escrito e em comentado em sua maioria por meninos, acabamos por não contemplar as meninas. Falha nossa que estamos correndo atrás para quem sabe colocar uma menina aqui…Afinal, o Babado Certo é aquele tem lugar para tod@s.
    Quem sabe você pode escrever algo e mandar para gente…Adoraria publicar um texto seu!
    bjs…meu email é : pedraovix@hotmail.com

  16. Espero que o blog não vire um muro das lamentações e siga o jeito irreverente que estava seguindo, sabendo respeitar todos os tipos de pessoas, de classes e jeitos diferentes, nem todo mundo é igual e isso deve ser respeitado, desde que não haja discriminação entre as bees.

  17. Gente é muita informação isso aqui!

    Olha eu vou falar por mim: Pra mim tanto faz, não quero saber de nada… eu não vejo aparência em nenhum momento… prefiro ver por dentro…

    No meu caso eu me axo feio, gordo, e tal… mais muitos me querem.. kkkk… talvez seja pela minha posição no mundo LGBT ou mesmo pelo o que sou por dentro…

    Mais eu axo que entre nós não deveria ter nenhum tipo de preconceito, pq ja está tão dificil de consiguirmos o nosso espaço e tendo preconceito entre nós fica mais dificil…

    Miss Luz
    Diretor Artístico e Promoter
    da Boate Bar Chica Chiclete

  18. Inhaêêêê
    É mais conhecida como P. B. ..kkkk
    O bicha que fala mesmo, isso por que vcs não lêm os e-mails diarios dela, ela se empolga e vai longe.
    Mas concordo acho que o sol nasci para todas e não tem que ter essas divisões ridiculas imposta por os proprios viados. Se a gente não se uni contra a sociedade preconceituosa vamos perder é perde muito.
    E viva As bichas pintosassssss
    Love you pinta !!!! kkkkkk…
    FICADICA!!!

  19. tchynna arrasou no texto,
    pedro arrasou nos coments, ficar vivendo de aparência é baad demais!

    ser feliz a qq custo e sem discriminar ngn é o que há!

    e tô rindo muito dos coments JHAUHAUHAUHAUAHUHA

    • Hello Querideenhas!!!
      Tive micro-orgasmos quando vi que esse texto estava hiper comentado! A-mei, A-mei e A-mei! Como são muitos comentários não tenho tempo para responder as todos. Primeiro obrigada pelos elogios. Vcs que arrasam! A bicha lokka da Inhaeee causou linda, no começo (naquele comentário maior q meu texto) pensei que ela não tinha entendido a proposta, mas depois de ler tudo vi que ela pegou o espírito da coisa. Mas, um leve puxão de orelha: quem fala muito, fala demais! A senhora ia bem até falar das bichas negras, falando que elas são comodistas um pouco. Bill, olha o que a senhora está dizendo e reflita. Por fim, não escrevemos tanto sobre lugares Les pq não somos les, soaria falso. Mas, estamos sempre abertas a colaborações das meninas!

      Lucca, meu gato, gosto é gosto não se discute, se muda. Brincadeira. Acho que você se expressou muito mal no seu comentário anterior e foi muito preconceituoso sim. Você comemorou o fato das poc agora ficarem de fora e isso é péssimo. Temos que ter cuidado na hora de dizermos que não é homofobia, preconceito e sim, uma preferência pessoal. A gente se esquece que construimos nossos valores, nossos gostos, e até prazeres, baseados no que a sociedade diz ser legal ou não. Muitas vezes é inconsciente mesmo e se a gente não refletir sempre corremos o risco de virarmos tão machistas, homofobicos, sexistas e racistas como a maioria das pessoas são (muitas disfarçam). A questão é sempre se questionar!

      Beijoxxxx a todas aqui!!!!!!

  20. Genteee quero um dia escrever um texto para esse blog
    Posso??
    Tenho otimos assuntos para aborda !!!
    Beijos me liguem !!! ou me escrevam …

  21. Tchynna, vc e fina mesmo.
    Percebeu no ato que por traz de alguns comentarios
    existe sim preconceito.
    Tiro o chapeu pra vc tbm pela coragem da resposta.
    Pronto falei.

  22. Booom… então tá, se acham que é preconceito e não gosto pessoal, tudo bem! Pelo menos eu não nego a MINHA verdade e continuo dizendo que respeito as mortadelas… só nao gosto! Porque sinceramente não vejo toda essa simpatia e felicidade, que as pessoas notam nelas… juro, do fundo do coração… pra mim são carudas, metidas a Diva e fazem a msm linha dos musculosos descamisados na expressao facial!!!

    Gente… respeitar é algo que tem que ser nato … eu respeito a todos, cada um tem o direito de ser feliz do jeito que é… até msm hetero cabeça dura… eu só não sou hipócrita de dizer que gosto de tudo e ta tudo bem… Quantos gays homens gostam de lésbicas!? Mas não aquela sapa patizinha da praia do canto, que pega mulher só pq é chic e conceitual… mas falo daquela caminhoeira, mulher macho mesmo!? Em queridos… quantos de voces gostam, tem relacionamento de amizade, saem juntos e tal!?

    Talvez as pedras na minha sinceridade, tenham sido atiradas, porque eu falei de pontos que frequentadores diretos do blog defendem… mas eu quero saber realmente de voces…

    Voces tem certeza que gostam de qualquer tipo de homossexual!? E porque ter que gostar de qualquer tipo de homossexual? Reitero que… respeitar é preceito básico… temos que respeitar a qualquer ser humano… pelo simples fato de ser humano!!! Agora gostar!? Ter que ter um relacionamento!? Fingir que esta tudo bem, pelo simples fato de ser homossexual!?
    Eu sei que quem escreve aqui no blog tem cerebro e raciocina… ou seja, sei que podem entender o que eu falo!!!

    Se formos pensar… Até os bombados descamisados, com cueca da CK… sofrem preconceito! Ou será questão de gosto não ir com a cara deles e achar errado o padrao de beleza que eles buscam!? Eeeeeem!?!?!?

    Juro gente… nao confundam Preconceito com Gosto! Preconceito é feio… agora gostar ou nao de alguém ou algo… é fato entre as pessoas!!!

    Tchynna querida, realmente depois que li o meu texto… notei que ficou um tom beeem pejorativo o que falei das mortadelas! Mas juro… eu tava tao empolgado contando o fato ocorrido na boite que não pensei em ser um pouquinho mais polido e refinado nas palavras… e fui excessivamente sincero em colocar um ponto de vista beeem pessoal em um lugar público!

    Se ofendi diretamente alguma Mortadela, sorry baby!

    E bom, creio que essa idéia cabe perfeitamente na minha explanação:

    Na vida, ninguém vai ser querido e amado por todos… sempre existe o contrário e o indesejado!!! Querendo ou não… c’est la vie cherrie!!!!

    Beijos a todos!

  23. Lucca querido…O texto da Tchy não foi escrito em todo para você. Quando li o seu comentários, estávamos no msn conversando e chegamos a conclusão que precisávamos falar disso. Estava demais os comentários sobre vips, e os ligando diretamente a quem não pode pagar. Sim, respeito e falo em nome de todos nesse blog que cada comentário é a força maior para o que escrevemos. Não ganhamos nada aqui além do que realmente queremos… Um espaço para isso, para a diversidade!

    Pessoalmente adoro enxergar tudo pelo lado mais bem humorado da vida.
    Te convido a participar da Campanha.Mortadela.Eu como!
    Pq ninguém passa pela vida com um rótulo ou bula estampado na cara. E sim… Acredito que o ideal de um mundo perfeito esteja ligado a tentar(quem sabe tentar né!) enxergar primeiramente o humano. Perdão, estou alto e o Pedro socialista e comunista manda lembrança!hauhauahuhau

  24. Li os quesitos e, sem modéstia, me encaixo na maioria deles (exceto o das viajens babadeiras), mas não me considero preconceituoso.
    Entre os meus melhores amigos há ricas e pobres, lindas e feias, que moram bem e moram mal, que entram com VIP e as que nem sabem o quanto pagam, de todas as raças, enfim, de tudo quanto é tipo.
    De fato, as pintosas são as que mais me divertem e as que eu mais gosto de sair, não tenho vergonha de dizer a ninguém o quanto gosto delas mas, muitas vezes dou puxões de orelha.
    Acho que devemos viver livremente, mas sair por aí gritando “eu dou o meu edir” não é necessário. Quem diz “liberdade pras pintosas” pra mim está dizendo “ricas, sejam esnobes”.

    Beijo.

  25. Tchynna, eu nao quis dizer q NEGRO é acomodado. Nunca ! ! ! Primeiro vamos ao q o Cafuço disse : ” Se for pobre, feia, mal vestida e NEGRA… ai o pacote tá completo pra rolar solta a discriminação. Falo isso pq sei é tá! ”
    Eu quis dizer q se alguem tem essas caracteristicas, ao invés de ficar dando um de vitima ou dizendo q sofre discrimaçao ou sei lá o q, melhor correr atras e ESTUDAR e TRABALHAR mtoo. Pq qdo se tem dinheiro e/ou instrução ninguem te discrimina( seja branco ou negro),ninguem te impede de entrar em lugar algum, pelo contrário, TE RESPEITAM e vao qrer a sua PRESENÇA, afinal vc tem DINHEIRO pra gastar. Logo, cai por terra esse comentario q o CAFUÇO fez : “Se é NEGRO e pobre é discriminado”. Ninguem discrimina pelo fato da pessoa ser NEGRA e sim por ser pobre. O Pelé é um exemplo clássico, pois é feio, mto feio e NEGRO, mto NEGRO, porem tem DINHEIRO. Me diz onde é q ele já foi discriminado. Agora se fosse do jeito q ele é ( feio pakaraleo ) e pobreee ai sim seria discriminado. Com um Branco seria a mesma coisa. Nota – se aí q a Discriminaçao é Social e nao racial, como insinuou o Cafuço.
    Concluindo> Se vc estudar, trabalhar mto, terá seu dinheiro, se vestirá bem, terá boa formaçao intelectual, um bom papo, e com certeza nao sofrerá DISCRIMINAÇÃO em hipótese alguma. Eu realmente acho q o CAFUÇO se equivocou na utilizaçao do termo” Discriminaçao “. Provavelmente, ele quis dizer “preconceito”. Realmente preconceito existe, mas DISCRIMINAÇÃO duvido mto. Procure no dicionário a diferença entre as duas palavras. Só nao escrevo o q cada uma significa se nao meu texto vai ficar maior ainda, como sempre ¬¬

  26. Oi Pedro… eu sei que não era todo pra mim não! Nem cogitei essa hipotese!!! Com relação a estar um pouco alto… relax guy, todos passamos por isso!!!

    Bee… obrigado por concordar comigo… Sei que não sou loko e que minhas idéias tem lógica!!!

    See you guys!!

  27. Concordo com o Lucca. Respeitar todos, isso é óbvio. Gostar, andar do lado, qrer a Cia é outra coisa.
    Adoro as lesbicas, as femininas. Detesto as sapas machoes q querem sair brigando com qq um só pq olho pra mulé delas: ” qualé ta olhando pra minha mulé mer mão ¬¬ “. RI – DI – CU – LO
    Adoro as pintosas, achu mto divertidas, porém nao gosto de bixa escrota e brega. Da mto bem pra ser pintosa e nao ser escrota e brega. Bixa escrota é aquelas q faz barraco, fala alto, fazer escandalo, grita e fazer questao de mostrar pra cada um do ambiente em q está q ele é GAY. Acho desnecessário e , além disso, considero uma pessoa Carente q quer chamar a atençao.

  28. Genti é isso ai msm, um dos maiores preconceitos no meio gls parte nós mesmos, pois a maioria das vezes temos aversão as ”TRAVAS” e ”bichinnhas pão-com-ovo” sendo q são as maiores idealizadoras de nossas causas.

    ;*

  29. Inhaêêê…sei de um outro pelido que ficaria OTIMO para a Srª também: BOCA DE NÓS TODOS! kkkkkkkkkkkkkkkkk.

    NUNCA VI NINGUÉM FALAR TAANTO COMO VOCÊ..kkkkkkk

    Mas é legal.Idéias bem explicadas…

  30. Antes de qualquer coisa preciso flaar que gostei muito do site, entretanto acho ele meio tendencioso demais. Vou explicar. Porque sempre minimizamos o querer do outro para falar do nosso? Porque para enaltacer as bicheenhas POC-POC temos que ofender, diminuir, escarnear os bombados, os enrrustidos, os metidos a HT’s? Sinceramente sou do time do Inhaêêêê, não tenho que aceitar ninguem como melhor amigo, nem dizer que sou afavor, tenho apenas que respeitar, essa é a palavra chave.
    Infelizmente não vejo isso toda vez que entro aqui. O que se vê dentro da comunidade gay (e acredito que aqui seja um reflexo dela) é o que se tem na comunidade em geral: para um grupo subir outro tem que descer, logo, se precisamos enaltecer as bibas “pão com ovo” é necessário tirar os enrrustidos e as barbies finas do pedestal!
    Oras, porque não arrancarmos o pedestal fora, ou então fazemos uma grande festa lá em cima do topo com todo mundojuntoebemmisturado????
    Enfim, fica aqui mais uma vez meu elogio ao site, de fato está MARA, mas vamos ponderar um pouco essas atitudes, afinal se formos levar a ferro e fogo, todos somos preconceituosos, pois cada um dos que aqui estão querem por seu edi ao sol, e fazê-lo brilhar (mesmo que não seja para dar! – arasei na rima! – rsrsrsrsrsrs).
    Um beijo a todos e continuem mandando babaaaaaaaaaaaados!!!

  31. Não estamos defendendo, nem diminuindo ninguém. Apenas tratando do padrão de “gay” que acaba rolando em nosso próprio meio. Para falar a verdade, acredito que muitos comentários são feitos para gerar essa polêmica, e criar essa aura de glamour em cima de seus feitos. Todo mundo fala da Move como lugar de gente que faz carão e nem dá moral aos outros. Eu, particularmente, acho ridículo falar isso. Sempre frequentei a boate e nunca percebi esse tipo de comportamento. Será porque não gasto o meu tempo vigiando as pessoas, ou, querendo fazer parte de algum grupo!?
    Não somos tendenciosos. No máximo dois loucos e uma trava que acreditam que um espaço como esse deva ser aproveitado com debates e trocas de experiências.
    Bjs… volte e comente sempre!
    […Olha a hora! E eu ainda aqui no PC…Acho que darei um pulinho na rua!rsrs]

  32. POis é rapaz, em momento algum vou desmerecer o espaço [maravilhoso] que vc vocês criaram aqui para nós, enrrustidos, pão com ovo, barbies, travas, e afins. O que acredito que seja mais correto, e fica ae a dica é que possamos [posso me incluir na história?] um olhar mais igual, afinal nosso induito é esse, certo? Fazer com que a coisa fique mais equivalente para todos.

    Obrigado pela resposta…

    Verdade… acordado uma hora dessas é tensooo, no minimo deve ta sonhando com o bofe lindo e gostoso que permeia o sonho de 99% das bheechas do mundo certo? Ou estaria mesmo é querendo aquela POC-POC cheia de amor pra dar?

    Um beeeeeeeeeeeeejo rapaz!!!!

  33. Gente, vou dizer:

    Preconceito interno tem sim, eu me esforço muito pra me livrar disso pq sei que nao leva a nada, mas as vezes me pego soltando um comentario maldito. Tenho me policiado muito em relação a isso.

    Porém, isso vem de infância e adolescência, brincadeiras e comentarios malditos na rodinha de amigos sempre rolou, e voce acaba se acostumando a faze-los, mesmo porque ou voce os faz ou vira chacota, e sinceramente criança nao tem nem coragem, nem dicernimento pra se abster disso, e mesmo sendo um pequeno gay (pq eu sou gay desde o dia que nasci, nunca me “descobri” gay, eu sempre fui gay) voce, pra desfarçar, acaba entrando na onda.

    Agora padrão, gente, realmente não tem. Cada um com seu tesão.

    A matéria da Tchy pode ser distoricidamente vista como preconceituosa, se olharmos o lado dos bombados, depilados e com roupa de marca. Mas tenho certeza que a intenção não foi ser tendenciosa. Pois afinal de contas não teria como ela escrever uma materia sem um ponto de partida, de comparação, e além do mais, estou no meio gay desde minha maior idade (que na epoca era 21 anos), e ela nao falou mentira nao, nem exagerou, esta certissima e ninguem tem que se ofender com isso, pois é o que tá aí na cara pra todo mundo ver, todo fim de semana.

    Eu posso falar que nao tenho preconceito, por mais que, repito, eu solte comentarios malditos as vezes.

    Pq meu namorado, meu bem, é gordinho, peludo, mora num desses lugares classificados como “mora mal”, nao é bronzeado, usa roupa da C&A, Riachuelo e afins e tem acne (que vou te contar, é biotipo, e não desleixo, ele tem tendencia a ter acne, eu sei pq cuido dele muito bem e elas sempre aparecem, ja tentamos de tudo nesses anos todos)

    Adoooooooooooro

    eu vou mesmo é pelo coração, me apaixonei e amo alguem que é fora do “padrao”. Se ele fosse uma super pintosa, poc poc, pao-com-ovo, mortadela, apresuntado ou qualquer um desses rótulos, eu nao tava nem aí, namoraria do mesmo jeito.

    Vou pro céu por isso? Gata, nao sei, mas sei que to é muito feliz por anos e anos.

    Nao sei se escrevi muito ou pouco, apenas me preocupei em expressar minha opiniao. hehehe

    atoro perigon

    beijos gatas

  34. Bom, que gosto é gosto, não se discute, pois discuti-lo seria tão irracional quanto o próprio preconceito, na verdade seria o preconceito com o gosto alheio rs. No preconceito (seja qual for) sempre tem implícito na maior parte das vezes inconscientemente, frustrações particulares cujo preconceito serve como projeção, exemplos: gays masculinos que se sentem ofendidos com a caricatura de alguns gays afeminados pq isso caracteriza toda a classe um rotulo, gays que tem vontade de poder ter a mesma liberdade, gays afeminados que gostariam de ser mais masculinos, gays que não conseguem ser ativos, mas gostariam, gays que queriam ser mais belos segundo o padrão, enfim, listei pequenos exemplos de como somos complexos, especialmente em nossas frustrações internas que dividimos apenas conosco mesmo, e em geral são essas frustrações de alguma ordem intima que geram preconceitos, sim, porque quando tudo está bem resolvido dentro de nós (algo raro rs), o que resta é apenas gosto diferente, que em suma tem grande diferença de preconceito, no preconceito se sente incomodo “gratuito”, desconforto, estimula criticas desaforadas, nos faz ter repulsa, já quando o que resta é apenas gosto diferente o que sentimos é apenas imparcialidade ou indiferença pelo q não nos atrai e interesse pelo q atrai.
    Claro que como muitos disseram aqui e faço coro, muitas vezes o que “reprovamos” é certos comportamentos exagerados que até para o senso comum soa chocante pela inconveniência e agressividade, como por exemplo, uma trava em pleno meio dia mexer em voz alta na hora do rush com um homem que segue seu curso de trabalho sossegado, usando de termos chulos e chocantes; Sei que citei um exemplo drástico, mas já presenciei isso em minha cidade varias vezes, ao ponto de alguns homens ficarem ou muito putos ou constrangidos, tb não quero rotular que toda trava se comporte assim, tb tenho evidencias que não, o que quero dizer é q posturas radicais são sempre objetos de desaprovação no senso comum, ser vulgar por exemplo é reprovado tanto em um cara hetero, em uma mulher hetero e tb (por que seria diferente) em um gay. Eu particularmente não acho legal excessos da parte de quem quer q seja e seja qual for sua sexualidade, acho que vulgaridade até pode ter seu lugar, mas certamente não é dentro do dia a dia comum e publico das pessoas, pois se quero respeito não posso obrigar que todos tenham que participar do meu sexo a flor da pele rs, pra isso tem locais, horas e pessoas que de comum acordo buscam o mesmo; Do mesmo modo que tb acho um saco um cara ficar gritando na cabeça de todos na praça que Jesus vai voltar, as pessoas querem invadir o direito da coletividade de ter sua individualidade social preservada.
    – Respeitar é uma coisa, mas esse respeito tem que q ser de mão dupla, tem que sair da sociedade em direção aos gays, mas tb tem que sair dos gays em direção a sociedade. É certo que um gay ser zuado na rua (por uns heteros metidos a besta) de veados, bichas é uma falta de respeito (claro q se esse em questão não tenha provocado espontaneamente tal reação rs), mas um gay entrar num ônibus e ao lado de uma dona de casa falar para o amigo do lado que chupou um pinto delicioso hoje tb não é respeito algum, e não seria respeito se fosse um hetero que falasse que meteu numa xoxóta boa, ou uma mulher falando que deu pra um cara manero, enfim, percebem que seja da boca de um gay ou de um hetero a postura de vulgaridade teria a mesma desaprovação?; Pois essa reprovação não esta atrelada se a inconveniência saiu de um hetero ou um gay, mas ao desrespeito que gerou. Já vi inúmeras vezes gays tendo posturas publicas em locais nada haver com platéia nada haver que achei totalmente toscas e inconvenientes.
    Infelizmente é fato que todos somos infectados por algum tipo de preconceito, em varias formas e intensidades, alguns muito bem velados porque até já se tornaram rechaçados socialmente (como o racial por exemplo), mas lutar para vencê-los de verdade deve ser um lema intimo de cada um, porque mesmo que velados eles contaminam nosso discernimento da vida e do respeito mutuo.
    Eu tenho os meus preconceitos, e às vezes me surpreendo em algum preconceito que imaginava que nem possuía, pois nossa educação mascara muito isso de nós mesmos.
    Pra descontrair: confesso que já senti inveja muitas vezes de alguma pintosa (não que eu seja o machão, sei que não sou rs) que na sua desenvoltura pegava cada gato e eu na minha timidez orgulhosa ficava chupando dedo rs rs rs rs.
    Não sou santo, faço pegação horrores, adoro certo teor de vulgaridade, adoro uma coisa bem sacana mesmo, mas reservo tudo isso para os locais, platéias e momentos adequados, questão de educação, respeito à coletividade e bom senso.
    – No mais, parabéns pelo blog, achei ele por um acaso e confesso que estou achando de muito bom gosto.

  35. Vocês gostam de escrever hein!
    Gosto mesmo de ler os comentários…sempre corro para o pc para ver como o Babado anda.
    Nando… Obrigado pelo elogio e volte sempre em nosso pintoso blog!rs

    bj

  36. De fato, todos concordamos que de um jeito ou de outro existe preconceito com o Bar da Chica, velado ou declarado, timido ou desinibido rs. Motivos? Os mais diversos possiveis que vão desde puritanismo falso, algumas vezes verdadeiro rs, passando por elitismo falso ( esse não tem o lado verdadeiro, porque todo elitismo em si é falso), e pode terminar tb (por que não?) em um real e imparcial desinteresse pelo tipo de lugar, não ser o gosto pessoal.
    De minha parte, acho de fato um local modesto, e aproveito para fazer minhas criticas pontuais:
    1) Acho muto incomodo ter que pagar toda hora que se vai consumir alguma coisa no bar, e mesmo tendo a opção de comprar varias fichas de uma vez só, acho ruim, pois nunca temos nocão do que e quando vamos querer consumir. Eu mesmo já comprei fichas para evitar ter que ficar toda hora comprando e acabei não usando-as.Bom mesmo é ter liberdade e comodidade.
    Acho que deveria ter um meio (mesmo que não infomatizado) para poder se pagar tudo na saida.Se bem que podem ter seus motivos rs, bibas que consomem e depois não tem como pagar rs, sei lá.
    2) Dark Roon, isso mesmo, sei que se temos preconceito com o bar da Chica puro e simplesmente rs, que dirá acrescido de um destes quetos de sacanagem, pronto, venham os puritanos e etc para definitivamente taxar o recinto de um verdadeiro pardieiro rs.
    Bem, eu acho que deveria voltar o dark room, sei que o “motivo” de ter sido desativado seria por solicitação da vigilância santitária, talvez tenha algo de politico nisso tb, afinal de contas, a uma pretença candidata a uma vaga na camara municipal não pegaria bem manter esse tipo de antro em sua boate familiar rs. Enfim, acho tosco esse tipo de puritanismo, as melhores boates de SP, RJ possuem dark room, com a diferença (ótima por sinal) se serem totalmente distintos das alas comuns e inclusive alguns em andares separados, onde se cobram até taxa adicional para entrar, possuem outra recepção e etc, serviço vip, acho ótimo. Aqui vejo muito puritanismo nisso, não que ache que todos tenham que gostar e frequentar, mas ao menos serem democraticos puro e simplesmente, ou seja, tem, entra quem quer, dança quem quer, nada imposto. Não ter é impor uma postura para quem gostaria de usufruir do local, já ter, não obriga ninguem a ter que usar.
    Conheço alguma coisa sobre vigilancia sanitaria por ser de area afim, e creio que o que pode ter gerado a soliciação de desativação (se a mesma existiu de fato) seria as condições do local, uma adequação poderia sanar tudo. Aliás, basta deixar o local disponivel, sem evidenciar que se trata de algo com o fim q sabemos, e pronto, a vigilância não tem tanto controle assim rs.
    Gostava da Chica tb por essa ousadia (se é que se pode chamar de ousadia algo que é totalmente comum em qq boate por aí a fora), mas aos puritanos aqui do estado foi de fato ousado manter o dark room frente as demais boates constrangidas, fazia da Chica algo diferente e ousado.
    Enfim, gosto é gosto.

  37. “Sempre usei roupa de marca: Ellus,Colcci,Second Floor,enfim ,fazia academia constantemente e obsessivamente,ia ao dermatologista com frequência etc. tinha um namorado que ‘dizia’ que me amava, mas aos poucos percebi que o que ele sentia na verdade era orgulho diante dos amigos dele por eu ser praticamente perfeito(ou pelo menos tentar),mas se eu engordasse ou deixasse que uma espinha ou um cravo nascesse ele enlouquecia ,eu estava cansado de ser algo que ele queria,até que um dia em uma discussão demos um tempo no namoro,foi quando descobri que ele foi ao H-CLUB(boate gay) e me traiu com uma barbie de quinta,fiquei deprimido,encontrei nesse meio tempo meu atual companheiro ,que é mais simples e não é loiro de olhos azuis como o anteriore nem médico,mas que valoriza pelo que eu sou e enxergando o meu interior .
    Continuo me vestindo bem,tendo alguns cuidados com a aparência(nada excessivo),mas hoje sou muito mais feliz do que quando era um escravo da beleza,tudo bem que beleza ás vezes ajuda ,mas com certeza não é tudo,pois ela pode ser conquistada com recursos como o dinheiro e a alma limpa e o carater NÃO!

  38. Sinceramente, não aguentaria ficar com um cara bombadão, branquelo e que usa roupas de grife. Prefiro os de classe média mesmo, aqueles que fazem faculdade, que pegam transcol, são magros e que usam a roupa que a mãe compra. rs.

  39. E eu fico meio preocupado com esse modelo de beleza branco de olhos azuis ou verdes, cabelo liso. Se nem na Europa é assim, imagine no Brasil…
    ou aprendem a valorizar op que tem ou ficarão meio que sozinhos
    acho isso.

  40. Arrasaram. conheci o blog agora!
    Morei em Vix até o final dos 90’s (sou tia Mara, bees) e a cena já era assim.
    Me deu uma certa sensação de já ter visto o filme, mas, enfim…
    de qualquer modo, defendo o direito da pinta, da mortadela e do pão-com-ovo.
    Ser fina ou não, além de questão de dinheiro e classe, é questão de educação e elegância. Se as pintosas são divertidas e [aparentemente] masi felizes, não se enganem, muitas finas tem cabeças ótimas, é só perdermos o medo de dizer um “oi!”. Se ela não te responder, é porque a alma é pequena.
    Não sou fina nem pão com ovo, embora na juventude, tenha sido pintosíssima; hoje um pouco menos; acho que um viado clássico, kkkk.
    beijos, queridos e queridas.
    Parabéns , Tchyna!

Comenta, beesha!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s